UNIDADES CURRICULARES ECTS

Programa (2023/2024):

Componente TP

  1. Organização estrutural do corpo humano. Planos de referência.
  2. Sistema músculo esquelético. Descrição dos ossos mais relevantes do esqueleto. O desenvolvimento e crescimento ósseo. Articulações mais relevantes. Constituição e funções. Estruturas musculares mais relevantes com detalhes sobre o seu desempenho funcional.
  3. Sistema Respiratório: Anatomia básica e funções mais relevantes. Os mecanismos das trocas gasosas. Transporte de gases no sangue.
  4. Sistema Cardiovascular: Anatomia do coração. Vasos Sanguíneos. Circulação Pulmonar e Sistémica.
  5. Sistema Linfático. Constituição estrutural básica e funções mais relevantes.
  6. Sistema Digestivo. Anatomia e fisiologia básica com detalhes acerca das funções de órgãos anexos a este sistema. Fisiologia da digestão e absorção.
  7. Sistema Urinário: Anatomia e Fisiologia. Produção e eliminação da urina. Regulação da concentração e volume urinário.
  8. Sistema Reprodutor: Anatomia e fisiologia dos sistemas reprodutores masculino e feminino. Fisiologia da gravidez, do parto e da amamentação.
  9. Sistema Nervoso: Divisões do Sistema Nervoso. Sistemas Nervoso Central e Periférico. Sistema Nervoso Autónomo.
  10. Sistema Endócrino: Hormonas. Controle da secreção hormonal. Mecanismos de acção e receptores hormonais. Glândulas endócrinas.

Componente PL

Programa (2022/2023):

CP 1- Ferramentas matemáticas de apoio ao estudo da biofísica. A análise dimensional. As variações lineares. Utilização da notação diferencial.

CP 2- As variações periódicas. Ondas eletromagnéticas. Ondas mecânicas. Cinética ondulatória. Ondas estacionárias. Harmónicas e padrões. Padrões numéricos associados a diagramas de ondas estacionárias.

CP 3 - O som e a bioacústica. Onda sonora. Frequência, afinação e percepção humana da onda sonora. Intensidade de uma onda sonora. Velocidade das ondas sonoras. Tubos acústicos e ressonância.

CP 4 - Função Respiratória: biomecânica da ventilação pulmonar. O sistema respiratório. O Ciclo Respiratório e a Hematose. Noções biofísicas. Surfactante pulmonar.

CP 5 - Biomecânica do aparelho fonador. A produção da voz. Biomecânica das pregas vocais. Frequência fundamental de vibração.

Método de Ensino (2023/2024):

O me´todo de ensino baseia-se na apresentac¸a~o de conceitos teo´ricos, na ana´lise e demonstrac¸a~o de feno´menos fi´sicos, tentando induzir nos alunos um pensamento cri´tico com racioci´nio activo, promovendo deste modo a discussa~o aberta e interveniente dos alunos. Aulas teo´rico-pra´ticas sa~o acompanhadas de resoluc¸a~o de problemas pra´ticos com os alunos acompanhada da respectiva exposic¸a~o teo´rica, ale´m de demonstrac¸o~es laboratoriais e/ou simulac¸o~es computacionais. Assim:

M1 - Utilizac¸a~o da plataforma de e-learning (CANVAS) para armazenar material dida´tico que sera´ disponibilizado ao aluno. M2 - O material disponibilizado servira´ de apoio para os estudos baseados em problemas que se introduzira´ como ferramenta de ensino-aprendizagem.
M3 - Atividades de pesquisa auto´noma que sera~o baseadas em questo~es de desenvolvimento e pesquisa bibliogra´fica.
M4 - Desenvolvimento de actividades de si´ntese dos conteu´dos ba´sicos, apo´s exposic¸a~o oral, onde os alunos tera~o um envolvimento pro-ativo.
M5 - Recorrer-se-a´, ainda, a` utilizac¸a~o de vi´deos de demonstrac¸a~o de te´cnicas para o estudo do movimento de modo a promover a discussa~o dos fundamentos fi´sicos a elas inerentes.

Método de Avaliação (2022/2023):

Duas provas de avaliação sumativa (50% cada da classificação final). Na avaliação sumativa estará incluída uma prova cognitiva (questão aberta que demonstre a compreensão por parte do aluno sobre a relevância do conteúdo para os aos domínios da terapia da fala).

Bibliografia (2023/2024):

Principal:
[1] K. Franklin, P. Muir, T. Scott and P. Yates, Introduction to Biological Physics for the Health and Life Sciences, 2Ed., John Wiley and Sons, 2019 (ISBN: 9781118934487).
[2] J. A. Tuszynski and J. M. Dixon, Biomedical Applications of Introductory Physics, John Wiley & Sons, 2002 (ISBN: 9780471412953).

Complementar:
[3] J. D. Cutnell, K. W. Johnson, D. Young and S. Stadler, Physics, 10Ed. John Wiley & Sons, 2015 (ISBN: 9781118486894).
[4] J. Hamil and K. M. Knutzen, Biomechanical Basis of Human Movement, 2Ed., Lippincott Williams & Wilkins, 2003 (ISBN: 0781734053).
[5] P. : McGinnis, Biomechanics of Sport and Exercise, 2Ed., Human Kinetics 2005 (ISBN: 0736051015).
[6] S. Grimmes and O. G. Martinsen, Bioimpedance and Bioelectricity Basics, 2Ed., Academic Press, 2008 (ISBN: 9780123740045)
[7] R.Plonsey and R. C. Barr, Bioelectricity A Quantitative Approach, 3Ed., Springer, 2007 (ISBN: 9780387488646).

Programa (2023/2024):

Níveis de organização dos organismos: Noção de tecido. A Histologia e seus métodos de estudo.

Tecidos básicos: tecido epitelial (revestimento e glandular), conjuntivo (tecidos conjuntivos propriamente ditos, tecido adiposo, tecido cartilagíneo, tecido ósseo, tecido sanguíneo), muscular e nervoso.

Características gerais e organização histológica: sistema nervoso central e periférico e órgãos dos sentidos; sistema linfoide (tecidos e nódulos linfoides, órgãos linfoides primários e secundários); sistema cardiovascular (coração, sistema sanguíneo, sistema linfático); sistema respiratório (traqueia, brônquios, bronquíolos e alvéolos); sistema tegumentar (pele e anexos); sistema endócrino; sistema digestivo: organização geral do tubo digestivo (histofisiologia do esófago, estômago, intestino delgado e intestino grosso); glândulas anexas ao tubo digestivo (pâncreas, fígado e glândulas salivares).

Levels of organisation of organisms: Concept of tissue. Histology and its methods of study.

Basic tissues: epithelial (lining and glandular), connective (connective tissues proper, adipose tissue, cartilage tissue, bone tissue, blood tissue), muscular and nervous.

General characteristics and histological organisation: central and peripheral nervous system and sense organs; lymphoid system (lymphoid tissues and nodes, primary and secondary lymphoid organs); cardiovascular system (heart, blood system, lymphatic system); respiratory system (trachea, bronchi, bronchioles and alveoli); integumentary system (skin and appendages); endocrine system; digestive system: general organisation of the digestive tract (histophysiology of the oesophagus, stomach, small intestine and large intestine); glands attached to the digestive tract (pancreas, liver and salivary glands).

Método de Ensino (2023/2024):

A UC tem 3 ECTS: 22,5 horas contacto na componente teórico-prática (CTP), 22,5 horas na prática laboratorial (PL), 7,5 horas na Orientação tutorial (OT), 7,5 horas em outras (O).

A CTP consiste em aulas expositivas dos tópicos definidos nos conteúdos programáticos. A componente PL consta de sessões de observação e interpretação de laminas e imagens histológicas relativas aos conteúdos da CT.

The Course has 3 ECTS: 22,5 contact hours in Theoretical Component (TPC), 22,5 hours in Practical Component (PC,), 7,5 hours in Tutorial Orientation (OT) and 7,5 hours in Other (O).

TPC consists on expository lessons of the topics defined in the syllabus. The PC component consists of sessions in which histological slides and images related to the CT’s contents will be observed and interpreted.

Método de Avaliação (2023/2024):

A avaliação é contínua. Na TP, serão realizadas 2 avaliações escritas (100%). Na PL, serão realizadas 2 avaliações escritas – gincana de imagens microscópicas (90%) e questões pontuais colocadas durante o decorrer das aulas (10%). A classificação final da UC resulta da ponderação de 70% TP e 30% PL. De acordo com a Normativa em vigor, o aluno deve obter um mínimo de 9,5 para que a UC seja validada. No caso de não validar por avaliação contínua, o aluno tem direito a fazer exame (TP+PL) desde que tenha assiduidade mínima de 80% às aulas PL e não tenha um valor inferior a 7,5 a esta componente.

Assessment is continuous. In TP, there will be 2 written assessments (100%). In the PL, there will be 2 written assessments - a microscopic image gymkhana (90%) and occasional questions during the course of the lectures (10%). The final grade for the course results from 70% TP and 30% PL. According to the regulations in force, the student must obtain a minimum of 9.5 for the course to be validated. If not validated by continuous assessment, the student has the possibility of taking an exam (TP+PL) as long as they attend at least 80% of the PL classes and do not score less than 7.5 in this component.

Bibliografia (2023/2024):

• Gartner, LP. Textbook of Histology. 5th ed, Elsevier, 2020

• Kierszenbaum, A. & Tres L. Histology and Cell Biology: An Introduction to Pathology. (2019). 5th edition, Saunders-

•Pawlina W. Histology. A Text and Atlas: with Correlated Cell and Molecular Biology. 9th ed, Wolters Kluwer Health, 2023.

• Mescher, A. (2021). Junqueira’s Basic Histology: Text and Atlas. 16th ed, McGraw-Hill Medical

• Serão ainda colocados ao dispor do aluno (Plataforma Canvas) os seguintes recursos pedagógicos elaborados pela docente da componente teórico-prática da Unidade Curricular:

1) as apresentações das aulas da componente teórico-prática da docente;

2) um documento designado de “Manual de Estudo” que inclui, e para cada aula: a) os objetivos, b) um sumário detalhado e c) algumas questões para orientação no estudo.

The following teaching resources will also be made available to the student (Canvas Platform), prepared by the teacher of the theoretical-practical component of the course:

1) the lecturer's presentations of the theoretical-practical component classes;

2) a document called the "Study Guidel" which includes, for each lesson: a) the objectives, b) a detailed summary and c) some questions to guide study.

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes):

O 1. Selecionar e pesquisar fontes bibliográficas

O 2. Identificar as fases do processo de investigação, o problema e os objetivos

O 3. Identificar, descrever e distinguir o método quantitativo do qualitativo e respetivas caraterísticas

O 4. Redigir um trabalho académico de acordo com as normas internas da instituição

O 5. Usar os gestores de referências bibliográficas

O 6. Descrever as características básicas da estatística descritiva

O 7. Calcular estatísticas e distingui-las de parâmetros

O 8. Caracterizar devidamente conjuntos de dados (amostrais ou populacionais) e fazer a sua correta interpretação (ser

crítico)

O 9. Desenvolver a capacidade para aplicar conhecimentos adquiridos na análise e resolução de problemas

relacionados com a investigação em Terapia da Fala

Learning outcomes of the curricular unit:
LO 1. To select and search bibliographic sources
LO 2. To identify the phases of the research process, the problem and the objectives
LO 3. To identify, describe, and distinguish the quantitative method from the qualitative method and its characteristics
LO 4. To write an academic paper according to the internal rules of the institution
LO 5. To use bibliographic reference managers
LO 6. To describe the basic characteristics of descriptive statistics
LO 7. To calculate statistics and distinguish them from parameters
LO 8. To properly characterize data sets (sample or population) and make their correct interpretation (be critical)
LO 9. Develop the ability to apply acquired knowledge in the analysis and resolution of problems related to speech
therapy research

Conteúdos programáticos:

CP 1. Introdução à investigação científica

1.1Pesquisa e fontes bibliográficas

1.2 Introdução à metodologia da investigação: fases do processo de investigação; o problema de investigação; o

objetivo, as questões e as hipóteses

1.3. Métodos de investigação: qualitativos e quantitativos; tipos de estudo; métodos de amostragem; métodos para

recolha de dados

1.4 A redação de um trabalho académico: estrutura; manual de estilo interno; gestores electrónicos de referências

bibliográficas

CP 2. Conceitos estatísticos básicos

2.1 Estatística descritiva: introdução

2.2 Classificação de variáveis

2.3 Caracterização de amostras univariadas

2.4 Medidas de tendência central, medidas de partição, medidas de dispersão.

CP 3. Aplicação dos conhecimentos na análise de estudos publicados no âmbito da Terapia da Fala

Syllabus:
PC 1 Introduction to Scientific Research
1.1Research and bibliographic sources
1.2 Introduction to research methodology: phases of the research process; the research problem; objective, questions
and hypotheses
1.3 Research methods: qualitative and quantitative; types of study; sampling methods; methods for data collection
1.4 Writing an academic paper: structure; internal style manual; electronic reference managers
PC2 Basic Statistical Concepts
2.1 Descriptive statistics: introduction
2.2 Classifying Variables
2.3 Univariate sample characterization
2.4 Measures of central tendency, measures of partition, measures of dispersion
PC3.Application of knowledge in the analysis of studies published in the field of Speech therapy

Demonstração da coerência dos conteúdos programáticos com os objetivos de aprendizagem da unidade curricular

É feita uma exploração integrada e progressiva do programa da UC, em articulação com as subesquentes UC

“Investigação em TF II e III”, permitindo que os alunos desenvolvam os conhecimentos e as competências previstas

nos objetivos.

O Conteúdo Programático 1 está associado ao objetivo O1, O2, O3, O4 e O5

O Conteúdo Programático 2 está associado ao objetivo O6, O7 e O8

O Conteúdo Programático 3 está associado a todos os objetivos

Demonstration of the syllabus coherence with the curricular unit's learning objectives.
An integrated and progressive exploration of the UC program is carried out, in conjunction with the UC subesquent
"Research in SLP II and III", allowing students to develop the knowledge and skills set out in the objetives.
PC1 is associated with objectives LO1, LO2, LO3, LO4 and LO5
PC2 is associated with objectives LO6, LO7 and LO8
PC 3 is associated with all the learning objectives

Método de Ensino (2023/2024):

Expositivo, interrogativo, demonstrativo, ativo

Expository, interrogative, demonstrative, active

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação contínua: dois testes escritos (50%+50%)

Exame: teste escrito (100%)

Continuous assessment: two written tests (50%+50%)

Exam: written test (100%)

Bibliografia (2023/2024):

Bowling, A. (2001). Investigating health and health services. Research Methods in Health. 2nd ed. Berkshire: Open

University Press.

Daniel, WW; Cross, CL.(2013). Biostatistics: A Foundation for Analysis in the Health Sciences. 10th ed. John Wiley and

Sons.

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes)

1. Compreender os fundamentos para a aprendizagem da linguagem.

2. Conhecer os processos envolvidos na produção e compreensão da linguagem falada e escrita

3. Conhecer os marcos do desenvolvimento de linguagem

4. Conhecer as competências, estratégias e atividades facilitadoras da aprendizagem da linguagem

Conteúdos Programáticos

CP1. Psicolinguística e Processamento da Linguagem

1.1 Psicologia da Linguagem

1.2 Perceção e Reconhecimento de Palavras Faladas

1.3 Compreensão

1.4 Produção de Fala

1.5 Leitura e Escrita

CP2. Aquisição da Linguagem Falada

2.1 Precursores da Linguagem

2.2 Períodos do Desenvolvimento da Linguagem

2.3 Facilitadores e barreiras ao desenvolvimento da linguagem

Maternalês e Infant Directed Speech

Leitura dialógica

Tempo de ecrã

CP3. Aprendizagem da Linguagem Escrita

3.1 Sistemas de Escrita

3.2 Condições Cognitivas para a Aprendizagem da Leitura e da Escrita

3.3 Literacia Emergente

3.4 Modelos de Aprendizagem da Leitura e da Escrita

Learning objectives (knowledge, skills and competences to be developed by students)

1. Understand the foundations of language learning.

2. Know the processes involved in producing and understanding spoken and written language.

3. Know the milestones of language development

4. Know the skills, strategies and activities that facilitate language learning

Syllabus

CP1. Psycholinguistics and Language Processing

1.1 Psychology of Language

1.2 Perception and Recognition of Spoken Words

1.3 Comprehension

1.4 Speech Production

1.5 Reading and Writing

CP2. Acquisition of Spoken Language

2.1 Precursors of Language

2.2 Periods of Language Development

2.3 Facilitators and barriers to language development

Maternalese and Infant Directed Speech

Dialogic reading

Screen time

CP3. Learning Written Language

3.1 Writing systems

3.2 Cognitive Conditions for Learning to Read and Write

3.3 Emergent Literacy

3.4 Models of Learning to Read and Write

Método de Ensino (2023/2024):

No decurso das horas de contacto (distribuídas em aulas teóricas e teórico-práticas) são privilegiadas as metodologias de ensino expositiva, participativa e ativa. As horas de não-contacto são dedicadas ao trabalho autónomo do aluno. O regime de avaliação da UC pode ser contínuo ou por exame final (épocas de fim de semestre, recurso e especial).

During the contact hours (distributed into theoretical and theoretical-practical classes), expository, participatory and active teaching methodologies are favored. Non-contact hours are dedicated to students' autonomous work. The UC assessment system can be continuous or by final exam (end-of-semester, appeal and special exams).

Método de Avaliação (2023/2024):

Na avaliação contínua, e garantida a percentagem mínima de assiduidade definida nas Normas Regulamentares, são considerados os seguintes elementos: participação ativa nas horas de contacto (10%), prova escrita (50%), trabalho de grupo (20%) e trabalho individual (20%). O aluno que não obtenha aprovação na avaliação contínua poderá realizar o exame escrito final (100%). Para a creditação dos ECTS, o aluno deverá demonstrar a aquisição dos objetivos e competências definidos, obtendo uma classificação final igual ou superior a 9,5 valores

The following elements are taken into account in continuous assessment, and the minimum attendance percentage defined in the Regulations is guaranteed: active participation in contact hours (10%), written test (50%), group work (20%) and individual work (20%). Students who fail the continuous assessment may take the final written exam (100%). For the ECTS to be credited, the student must demonstrate the acquisition of the defined objectives and competences, obtaining a final grade of 9.5 or higher.

Bibliografia (2023/2024):

Blakemore, S. J. & Frith, U. (2009). O cérebro que aprende: Lições para a Educação. Lisboa: Gradiva.

Castro, S. L. & Gomes, I. (2000). Dificuldades de aprendizagem da língua materna. Lisboa: Universidade Aberta.

Freitas & Santos (2017) Aquisição de língua materna e não materna Questões gerais e dados do português. Textbooks in Language Sciences 3

Gaskell, M. G. (Ed.) (2007). The Oxford handbook of psycholinguistics. Oxford: Oxford University Press.

Goswami, U. (2008). Cognitive development. The learning brain. Hove: Psychology Press.

Harley, T. A. (2008). The psychology of language. From data to theory (3ª ed.). Hove: Psychology Press.

Morais, J. (1997). A arte de ler: Psicologia cognitiva da leitura. Lisboa: Edições Cosmos.

Pinker, S. (2007). The language instinct. How the mind creates language (ed. rep.). New York: Harper Perennial Modern Classics.

Sim-Sim, I. (1998). Desenvolvimento da linguagem. Lisboa: Universidade Aberta.

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem/Competências:

O aluno deve estruturar a aprendizagem no sentido de dominar os conceitos básicos subjacentes à história das teorias e ciências da linguagem e da comunicação no estudo das perturbações da comunicação humana.

Objetivos de aprendizagem/Competências:

OA1- Demonstrar os conhecimentos sobre a comunicação humana e a faculdade da linguagem e dos seus domínios (semântica, morfologia, sintaxe, fonologia e pragmática);

OA2- Demonstrar conhecimentos teóricos sobre a Linguística Geral e a sua aplicabilidade;

OA3- Estruturar a aprendizagem sobre as principais correntes do pensamento linguístico;

OA4- Demonstrar uma consciência formal da língua, designadamente a nível fonético-fonológico, morfossintático, semântico e pragmático;

OA5- Demonstrar compreensão acerca da aplicabilidade dos conhecimentos linguísticos nos contextos de prática profissional do terapeuta da fala.

Learning Objectives/Skills:

The student must structure learning in order to master the basic concepts underlying the history of theories and sciences of language and communication in the study of human communication disorders.

Learning Objectives/Skills:

OA1- Demonstrate knowledge about human communication and the faculty of language and its domains (semantics, morphology, syntax, phonology and pragmatics);

OA2- Demonstrate theoretical knowledge about General Linguistics and its applicability;

OA3- Structure learning about the main currents of linguistic thought;

OA4- Demonstrate a formal awareness of the language, particularly at the phonetic-phonological, morphosyntactic, semantic and pragmatic levels;

OA5- Demonstrate understanding of the applicability of linguistic knowledge in the contexts of professional practice of speech therapists.

Conteúdos Programáticos:

CP1. Comunicação (FM)

1.1 Processo de comunicação e seus constituintes

1.2 Comunicação interpessoal: barreiras e facilitadores

1.3 Comunicação verbal e não verbal

1.4 Comunicação oral e não oral

1.5 Comunicação, Linguagem, fala e língua

CP2. Linguagem (FM)

2.1 Domínios linguísticos

2.2 Modalidade oral e escrita

2.3 Circuitos de processamento: perceção e produção

2.4 Nível de conhecimento: implícito e explícito

CP3. Linguística Geral (ES)

3.1 História da Linguística

3.2 Definição conceptual

3.3 Teoria Geral do sinal (Charles Pierce) – ícone, índice, símbolo, signo

3.4 Teoria Geral dos signos – Semiologia ou Semiótica

3.5 Variação e normalização Linguística: histórica; geográfica; social e situacional; norma padrão

3.6 Língua materna e não materna

3.7 Níveis de análise linguística

3.8 Aplicabilidade da Linguística

CP4. Teorias de Aquisição e Desenvolvimento da Linguagem (IC)

4.1 As principais correntes do pensamento linguístico

CP5. Semântica (IC)

5.1 Léxico e vocabulário

5.2. Classes de palavras

CP6. Sintaxe (IC)

6.1 Frases e seus constituintes

6.2 Funções e processos sintáticos

6.3 Tipos de frases

CP7. Morfologia (IC)

7.1 Palavra e seus constituintes

7.2 Flexão

7.3 Processos morfológicos

CP8. Fonética e Fonologia (IC)

8.1 Fone e fonema

8.2 Acento

CP9. Pragmática (IC)

9.1 Funções comunicativas

9.2 Atos de fala

9.3. Deixis

CP10. Terapia da Fala (FM)

10.1 Introdução à profissão

10.2 Áreas de atuação

10.3 Contextos de atuação

10.4 Aplicabilidade dos conteúdos programáticos à Terapia da Fala

Program Contents:

CP1. Communication (FM)

1.1 Communication process and its constituents

1.2 Interpersonal communication: barriers and facilitators

1.3 Verbal and non-verbal communication

1.4 Oral and non-oral communication

1.5 Communication, Language, speech and language

CP2. Language (FM)

2.1 Language domains

2.2 Oral and written modality

2.3 Processing circuits: perception and production

2.4 Level of knowledge: implicit and explicit

CP3. General Linguistics (ES)

3.1 History of Linguistics

3.2 Conceptual definition

3.3 General signal theory (Charles Pierce) – icon, index, symbol, sign

3.4 General theory of signs – Semiology or Semiotics

3.5 Linguistic variation and normalization: historical; geographic; social and situational; standard norm

3.6 Mother tongue and non-mother tongue

3.7 Levels of linguistic analysis

3.8 Applicability of Linguistics

CP4. Theories of Language Acquisition and Development (CI)

4.1 The main currents of linguistic thought

CP5. Semantics (IC)

5.1 Lexicon and vocabulary

5.2. Word classes

CP6. Syntax (IC)

6.1 Sentences and their constituents

6.2 Functions and syntactic processes

6.3 Types of sentences

CP7. Morphology (IC)

7.1 Word and its constituents

7.2 Flexion

7.3 Morphological processes

CP8. Phonetics and Phonology (IC)

8.1 Phone and phoneme

8.2 Accent

CP9. Pragmatics (IC)

9.1 Communicative functions

9.2 Speech acts

9.3. Leave

CP10. Speech Therapy (FM)

10.1 Introduction to the profession

10.2 Areas of activity

10.3 Contexts of action

10.4 Applicability of syllabus to Speech Therapy

Método de Ensino (2023/2024):

Metodologias ativas, colaborativas e expositivas:

1- Resolução de problemas em pequenos grupos;

2- Sessões de brainstorming de tópicos e questões a serem investigados pelos alunos;

3- Orientação da pesquisa realizada pelos alunos;

4- Resumo e síntese da pesquisa realizada pelos alunos e discussão em grupo;

5- Apresentação de conteúdos programáticos com recurso a projeções, exemplificações, análise de situações apresentadas em vídeo;

6- Realização dinâmicas e exercícios práticos para introdução e consolidação de conteúdos teóricos.

Active, collaborative and expository methodologies:

1- Problem solving in small groups;

2- Brainstorming sessions on topics and questions to be investigated by students;

3- Guidance on research carried out by students;

4- Summary and synthesis of the research carried out by students and group discussion;

5- Presentation of program content using projections, exemplifications, analysis of situations presented on video;

6- Carrying out dynamics and practical exercises to introduce and consolidate theoretical content.

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação contínua

- Avaliação Distribuída –

1) 1 Trabalho escrito com apresentação oral (30%)

2) 1 Teste escrito (60%)

3) Participação (10%)

Exame Fim de semestre

- Exame (100%)

Exame Época Recurso

- Exame (100%)

Continuous evaluation

- Distributed Evaluation –

1) 1 Written work with oral presentation (30%)

2) 1 Written test (60%)

3) Participation (10%)

End of semester exam

- Exam (100%)

Época Resource Exam

- Exam (100%)

Bibliografia (2023/2024):

Antunes, E. B., & Rocha, J. (2009). Contribuições clínicas da fonética e da fonologia. Revista da Faculdade de Ciências da Saúde, 6, 124-136.
Jakobson, R. (1995). Linguística e comunicação / Roman Jakobson ; pref.e trad. Izidoro Blikstein, trad. José Paulo Paes. - São Paulo : Cultrix
McCallister, J. (2013). Introductory linguistics for speech and language therapy practice / Jan McAllister, Jim Miller. - Oxford : Wiley Blackwell
Owens JR (2016). Language development : an introduction, 9ª ed. Londres: Pearson.
Faria, I. H., Pedro, E. R., Duarte, I. & Gouveia, C.A. (2005). Introdução à Linguística Geral e Portuguesa, 2ª ed., Lisboa: Caminho.
Sim-Sim, I. (2001). Avaliação da linguagem oral: um contributo para o conhecimento do desenvolvimento linguístico das crianças portuguesas, 4ª ed., Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian.

UNIDADES CURRICULARES ECTS

Programa (2023/2024):

Versão em Português

OA1. Conhecer a anatomofisiologia de suporte à deglutição normal e patológica

OA2. Conhecer a anatomofisiologia da faringe e da laringe num contexto respiratório e fonatório

OA3. Relacionar anatomofisiologia da cabeça e pescoço nas perturbações vocais e da deglutição presentes em diversas situações patológicas, com incidência especial para as que envolvem os nervos cranianos

OA4. Compreender a constituição anatómica e a fisiologia dos sistemas auditivo e vestibular e, adquirirem conhecimentos básicos que lhes permitam interpretar algumas perturbações sensoriais, nomeadamente as olfativas, as gustativas e as visuais

OA5. Conhecer a neuroanatomia e correlacionar com aspetos da linguagem e funcionais.

OA6. Adquirir competências no capítulo das funções estomatognáticas e respetivas repercussões na mastigação, articulação da palavra e ressonância vocal.

Versão em Inglês

LO1. To Know the anatomy and physiology that support normal and pathological swallowing

LO2. To know the anatomy and physiology of the pharynx and larynx in a respiratory and phonatory context

LO3. To relate the anatomy and physiology of the head and neck to vocal and swallowing disorders present in different pathological situations, with a special focus on those involving the cranial nerves

LO4. To understand the anatomical constitution and physiology of the auditory and vestibular systems and acquire basic knowledge that will allow them to interpret some sensory disturbances, namely olfactory, gustatory and visual ones

OA5. To know the neuroanatomy and correlate it with language and functional aspects

LO6. To acquire skills on stomatognathic functions and their impact on chewing, speech articulation and vocal resonance

Conteúdos programáticos
Versão em Português

1. Face, cavidade oral, naso, oro e hipofaringe

2. Laringe. Pregas vocais

3. Músculos da mastigação e articulação temporomanbidular

4. Aparelho auditivo. Mecanismo auditivo

5. Sistema visual

6. Outros órgãos dos sentidos

7. Neuroanatomia

8. Sistema Nervoso Periférico

9. Sistema Nervoso Central

10. Nervos cranianos

11. Circuitos centrais da linguagem

12. Fisiologia e funções do aparelho estomatognático

13. Ortodontia/Ortopedia dento-facial. Anomalias da oclusão: características morfológicas genéricas, suas relações as funções orofaciais (respiração, mastigação, deglutição e fala) e princípios terapêuticos gerais

14. Identificação das anomalias

Versão em Inglês

1. Face, oral cavity, oro, naso and hypopharynx

2. Larynx. Vocal cords

3. Chewing muscles and temporomandibular joint

4. The hearing aid. Auditory mechanism

5. Visual system

6. Other organs of the senses

7. Neuroanatomy

8. Peripheral Nervous System

9. Central Nervous System

10. Cranial nerves

11. Central circuits of language

12. Physiology and functions of the stomatognathic system

13. Orthodontics / dentofacial orthopedics. Anomalies of occlusion: general morphological characteristics, their relations with the orofacial functions (breathing, chewing, swallowing and speech) and general therapeutic principles

14. Identification of anomalies

Método de Ensino (2023/2024):

Versão em Português

As aulas teórico-práticas são centradas na exposição e discussão dos conteúdos do programa, e as aulas de prática-laboratorial pretendem cimentar as aprendizagens num contexto de exploração de modelos anatómicos, prática em pares e na resolução de casos práticos/situações clínicas. É dada relevância à formulação de problemas clínicos e análise de diferentes possibilidades de resposta, partindo de casos reais (vídeos ou casos da clínica pedagógica), recorrendo, então, a uma metodologia de problem-based learning. É incentivado o processo de pesquisa orientada e diálogo e a aprendizagem “learn by doing”. Recorre-se também à apresentação dos conteúdos programáticos com recurso a projeções, explicações no quadro, exemplificações, casos clínicos em vídeo e observação de casos reais da clínica pedagógica de terapia da fala da EESFP. Realizam-se situações de rol-play na prática de estratégias específicas de intervenção.

Versão em Inglês

The theoretical-practical classes are focused on the exposition and discussion of the contents of the syllabus, and the laboratorial-practical classes pretend to reinforce the learnings based on the exploration of anatomical models, practical in small groups and in the resolution of clinical cases. The formulation of clinical problems and analysis of different response possibilities, starting from real cases (videos or cases from the teaching clinic), using a problem-based learning methodology is used. The process of guided research and dialogue is encouraged and the learn by doing approach. The syllabus is also presented using projections, explanations on the whiteboard, examples, clinical cases on video and observation of real cases from ESSFP's pedagogical speech therapy clinic. Role-play situations are carried out in the practice of specific strategies of intervention.

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação:

Teórico-prática: 2 testes escritos (50%)

Prática-laboratorial: 1 Teste escrito (25%); 1 avaliação prática tendo por base um caso clínico (25%)

Exame: teste escrito (100%)

Assessment:

Theoretical-practical: 2 written tests (50%)

Laboratorial-practical: 1 written test (25%); practical assessment about a clinical case (25%)

Examination: Written test (100%)

Bibliografia (2023/2024):

1. Williams P L, Warwick R, Dyson M, Bannister L H; (1995) Gray Anatomia. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan,

2. Sobbota (1995) Atlas de Anatomia Humana. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan.

3. Netter, F. (1998) Atlas de Anatomia Humana. Porto Alegre: Artmed.

4. Guyton & Hall’s. (2000) Tratado de fisiologia médica. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan.

5. Love, R.J. % Webb, W.G. (2001). Neurología para los especialistas del habla y lenguaje. (3ª ed.). Madrid: Médica Panamericana,

6. McFarland, D.H. (2007). Anatomia em Ortofonia. Loures: Lusodidacta.

7. Palmer, J.M. (2003). Anatomia para a fonoaudiologia. (4ªEd.). Rio de Janeiro, Guanabara Koogan.

Programa (2023/2024):

Teóricas:

1. Breve introdução à História da Bioquímica. A Bioquímica e a Vida.

2. Metabolismo dos Hidratos de Carbono: Glicólise; Gluconeogénese; Via das pentoses fosfato; Ciclo de Krebs; Cadeia de transporte de electrões e Fosforilação oxidativa; Metabolismo do glicogénio; Doenças.

3. Metabolismo dos Lípidos: Oxidação e síntese de ácidos gordos; Lipogénese; Mobilização dos depósitos lipídicos; Corpos cetónicos; Metabolismo do colesterol; Lipoproteínas plasmáticas; Doenças.

4. Metabolismo das Proteínas: Reações de transaminação e desaminação de aminoácidos; Ciclo da ureia; Síntese e degradação de aminoácidos; Doenças.

5. Enzimologia e metabolismo.

6. Interrelações Metabólicas: Digestão e Absorção Gastrointestinal; Eixo entero-hepático; Sistema renal.

7. Sistema Endócrino.

Práticas:

- Trabalho 3.4. Doseamento de glucose em plasma humano por um método enzimático

- Trabalho 4.2 (I). Respiração mitocondrial

- Trabalho 4.2 (II). Respiração mitocondrial

- Exercícios e casos clínicos sobre Metabolismo dos Hidratos de Carbono

- Trabalho 3.7. Determinação de triacilgliceróis no soro

- Trabalho 3.6. Quantificação do colesterol total e do colesterol HDL

- Trabalho 4.4 (I). Metabolismo de Aminoácidos: Determinação da atividade da transaminase glutâmico-pirúvica em músculo cardíaco

- Trabalho 4.4 (II). Metabolismo de Aminoácidos: Determinação da atividade da transaminase glutâmico-pirúvica em músculo cardíaco

- Trabalho 4.5. Digestão de hidratos de carbono

- Exercícios e casos clínicos sobre Metabolismo dos Lípidos

- Exercícios e casos clínicos sobre Metabolismo dos Aminoácidos, de Digestão e do Sistema Endócrino.

Método de Ensino (2023/2024):

A unidade curricular de Bioquímica Fisiológica compreende aulas Teóricas (T) e aulas práticas (PL):

Aulas T: Exposic¸a~o dos conteu´dos programa´ticos.

Aulas PL: interligac¸a~o dos conceitos lecionados na tipologia T com a apresentac¸a~o e discussa~o de exemplos pra´ticos; atividades laboratoriais ou exerci´cios TP relacionadas com o tema da aula.

Método de Avaliação (2023/2024):

Época de frequência

- Época de avaliação contínua que engloba:

  • Componente T (70% nota final): Realização de duas frequências (30%+30%) e um caso clínico (10%).
  • Componente PL (30% nota final): Execução de 1 técnica* e elaboração do respetivo relatório (em grupo), o qual deverá ser entregue ao docente no prazo máximo de uma semana (penalização de 0.25 valores por cada dia de atraso) e 1 mini-teste (que será realizado no dia da 2ª frequência teórica). A classificação final da PL corresponde à média do relatório com melhor classificação mais a classificação do mini-teste.

* Os alunos poderão selecionar o relatório que querem efetuar dentro das 2 opções disponíveis. Poderão igualmente optar por fazerem 2 relatórios ficando, neste caso, com a classificação do melhor.

De acordo com a Normativa em vigor, o aluno deve obter um mínimo de 9,5 para que a UC seja validada. No caso de não validar por avaliação contínua, o aluno tem direito a fazer exame (T+PL) desde que tenha assiduidade mínima de 80% às aulas PL e não tenha um valor inferior a 7,5 a esta componente.

Época de exame:

  • Componente T e PL (100% nota final) - Prova escrita que avalia as competências adquiridas nas aulas teóricas e de prática-laboratorial.

Bibliografia (2023/2024):

Quintas A, Freire AP, Halpern MJ. Bioquímica: organização molecular da vida. Lidel.

Devlin TM. Textbook of Biochemistry with clinical correlations. 4th Edition. Wiley-Liss.

Cardoso IL, Moutinho C, Silva CS, Leal F e Silva P. Trabalhos Laboratoriais de Bioquímica. 3ª Edição. Edições Universidade Fernando Pessoa.

Cardoso IL e Leal F. Manual de Exercícios de Bioquímica. Edições Universidade Fernando Pessoa.

Leal F e Cardoso IL. Casos Clínicos em Bioquímica. Edições Universidade Fernando Pessoa.

Programa (2023/2024):

Objetivos:

O1. Demonstrar, por escrito e oralmente, evidência de capacidade de observação e análise de comportamentos comunicativos e linguísticos, nas diferentes fases do ciclo vital.

O2. Identificar informação comunicativa e linguística relevante, nos diferentes contextos de observação, estruturando-a nas etapas/fases da aquisição e desenvolvimento da linguagem, nomeadamente através da recolha de dados e registo/preenchimento de checklists de observação;

O3. Construir checklist de recolha de dados segundo a fase de desenvolvimento linguístico dos casos, com raciocínio fundamentado face aos itens incluídos;

O4. Identificar assuntos chave observados, registá-los de modo sucinto e discuti-los em pequeno grupo.

Objectives:

O1. Demonstrate, in writing and orally, evidence of the ability to observe and analyze communicative and linguistic behavior at different stages of the life cycle.

O2. Identify relevant communicative and linguistic information in the different observation contexts, structuring it into the stages/phases of language acquisition and development, namely by collecting data and recording/filling in observation checklists;

O3. Construct data collection checklists according to the stage of language development of the cases, with reasoned reasoning regarding the items included;

O4. Identify key issues observed, record them briefly and discuss them in a small group.

Conteúdos programático:

CP1. Características linguistico-comunicativas nas diferentes etapas do ciclo vital e contextos de comunicação interpessoal naturais.

CP2. Construção de folha de registo da informação observada.

CP3. Recolha e interpretação dos dados observados em situações reais.

Syllabus

CP1. Linguistic-communicative characteristics in the different stages of the life cycle and natural interpersonal communication contexts.

CP2. Construction of a record sheet of the information observed.

CP3. Collecting and interpreting observed data in real situations.

Método de Ensino (2023/2024):

O1 está associado aos CP1, CP3

O2 está associado aos CP2, CP3

O3 está associado ao CP2

O4 está associado aos CP3

O1 is associated with CP1, CP3

O2 is associated with CP2, CP3

O3 is associated with CP2

O4 is associated with CP3

Método de Avaliação (2023/2024):

Realização de um portfólio ao longo do semestre onde se reúnem todos os relatórios de observação (70%).

Participação ativas nas aulas (30%).

Completion of a portfolio throughout the semester which brings together all the observation reports (70%).

Active participation in classes (30%).

Bibliografia (2023/2024):

Peixoto, V., Rocha, J. (org.) (2009). Metodologias de intervenção em terapia da fala. Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa

Peixoto, V., Rocha, J., Maia, F.(org.) (2020). Metodologias de intervenção em terapia da fala II. Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa

Avaliação da linguagem: teoria e prática do processo de avaliação do comportamento lingüístico infantil / Víctor M. Acosta (coord.)...[et al.] ; trad. Magali de Lourdes Pedro. - 1ª ed. - São Paulo: Livraria Santos Editora, 2003.

McAllister, J., Miller, M. (2013). Introductory linguistics for speech and language therapypractice - Oxford : Wiley Blackwell,

Programa (2023/2024):

Objetivos de Aprendizagem I Larning Outcomes

OA1. Identificar assuntos-chave sobre o processo de produção da fala;

OA2. Distinguir os três ramos da Fonética;

OA3. Transcrever de acordo com o Alfabeto Fonético Internacional e a transcrição fonética do PE;

OA4. Conhecer as principais teorias da Fonologia e a organização do sistema fonológico do PE;

OA5. Identificar aspetos principais relacionados com as unidades prosódicas;

OA6. Conhecer a aquisição e o desenvolvimento fonológicos do PE e estruturar as suas etapas principais;

OA7. Demonstrar conhecimento acerca dos conceitos de consciência fonológica, discriminação auditiva e memória auditiva;

OA8. Justificar a importância do desenvolvimento prosódico na aquisição da língua.

LO1. To identify key-subjects about the process of speech production;

LO2. To distinguish the three branches of Phonetics;

LO3. To know the International Phonetic Alphabet and phonetic transcription of European Portuguese;

LO4. To know the main theories of Phonology and the organization of EP phonological system;

LO5. To identify the main aspects related to prosodic units;

LO6. To acquire knowledge on the EP phonological development and acquisition, including the main milestones;

LO7. To demonstrate knowledge about the concepts of phonological awareness, auditory discrimination and auditory memory;

LO8. To address the importance of prosodic development on language acquisition.

Conteúdos Programáticos I Programmatic contents

CP1. Fonética e fonologia: objeto de estudo

CP2. Fonética

2.1.Fonética Articulatória

2.1.1. Aparelho fonador

2.1.2. Produção dos sons da fala

2.1.3. Classificação articulatória tradicional dos sons

2.2.Fonética Acústica

2.2.1. Som e forma de onda sonora

2.2.2. Análise do espectro sonoro

2.2.3. Frequência fundamental e formantes

2.2.4. Ressonância

2.2.5. Programa Praat: análise acústica da voz

2.3.Fonética Percetiva

2.3.1. Perceção dos sons da fala

2.3.2. Reconhecimento de fala: pistas acústicas, linguísticas e paralinguísticas

CP3.Fonologia do PE

3.1.Teorias fonológicas

3.2.Segmentos e traços distintivos

3.3.Organização do sistema fonológico do PE

3.4. Processos fonológicos no PE

CP4.Unidades prosódicas

4.1.Sílaba, acento e palavra prosódica

4.2.Constituintes silábicos, acento de palavra, posição na palavra, extensão de palavra

CP5.Representação fonética do PE

5.1.Alfabeto fonético internacional

5.2.Transcrição fonética do PE

CP6.Desenvolvimento Fonológico

6.1.Aquisição Fonológica

6.2.Processos Fonológicos de simplificação que ocorrem no desenvolvimento infantil

6.3.Consciência Fonológica

6.4.Importância da discriminação auditiva e memória auditiva

CP7.Desenvolvimento Prosódico e Aquisição da Língua

7.1.Conceito de prosódia e funções

7.2.Propriedades prosódicas da língua (ritmo, entoação, acento de palavra, proeminência entoacional, fraseamento prosódico)

CP1. Phonetics and phonolgy: areas of study

CP2. Phonetics

2.1.Articulatory phonetics

2.1.1. Phonatory system

2.1.2. Speech sound production

2.1.3. Traditional articulatory classification of sounds

2.2.Acoustic phonetics

2.2.1. Sound and sound waves

2.2.2. Speech sound spectrum analysis

2.2.3. Fundamental frequency and formants

2.2.4. Resonance

2.2.5. Praat program: acoustic analysis of speech

2.3.Perceptive phonetics

2.3.1. Verbal oral language perception

2.3.2. Speech recognition: acoustic, linguistic and paralinguistic cues

CP3.Phonology of EP

3.1.Phonological theories

3.2.Segments and distinctive features

3.3.Organization of the EP phonological system

3.4.Phonological processes in EP

CP4.Prosodic units

4.1.Syllable, accent and prosodics

4.2.Syllabic structure, word accent, word position, word length

CP5.EP phonetics representation

5.1.International phonetic alphabet (IPA)

5.2.EP phonetic transcription

CP6.Phonological development

6.1.Phonological acquisition

6.2.Simplification phonological processes that occur in child development

Phonological processes

6.3.Phonological awareness

6.4.Importance of auditory discrimination and phonological memory

CP7. Prosodic development and language acquisition

7.1.Concept of prosody and functions

7.2.Prosodic properties of EP (rhythm, intonation, word accent, intonational proeminence, prosodic phrasing).

Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objetivos de Aprendizagem da Unidade Curricular I Demonstration of the syllabus coherence with the curricular unit’s objectives

Os conteúdos programáticos (CP) foram delineados em função dos objetivos de aprendizagem (OA) da unidade curricular:

CP1- OA1 e OA2

CP2- OA1 e OA2

CP3- OA4

CP4- OA5

CP5- OA3

CP6- OA6 e OA7

CP7- OA8

This course was designed with reference to the development of basic knowledge and skills in the field of phonetics and phonology. Structured in 7 unites of Programmatic Content (PC), the syllabus contents were defined from the 7 learning outcomes (LO) previously established. There is, thus, a coherence and correspondence between the syllabus and the learning outcomes, namely:

PC1 – LO1

PC2 – LO2

PC3 – LO5

PC4 – LO4

PC5 – LO3

PC6 – LO6

PC7 – LO7

Método de Ensino (2023/2024):

Metodologias ativas, colaborativas e expositivas:

1- Resolução de problemas em pequenos grupos;

2- Sessões de brainstorming de tópicos e questões a serem investigados pelos alunos;

3- Orientação da pesquisa realizada pelos alunos;

4- Resumo e síntese da pesquisa realizada pelos alunos e discussão em grupo;

5- Apresentação de conteúdos programáticos com recurso a projeções, exemplificações, casos clínicos em vídeo;

6 - Exercícios de sistematização de conceitos abordados.

Active, collaborative and expositive methodologies:

1 - Problem solving in small groups;

2 - Brainstorming exercises about key topics and questions that require research from students;

3 - Research guidance;

4 - Summary of research outcomes conducted by the students and group discussion;

5 - Presentation of programmatic contents through screen projections, practical examples, clinical cases recorded in video;

6 - Ellaboration of concept maps.

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação contínua

- Dois testes escritos (40% + 40%);

- Participação no âmbito das atividades desenvolvidas em sala de aula (20%).

Exame de fim de semestre

- Exame (100%)

Exame Época de Recurso

- Exame (100%)

Continued assessment

- Two written tests (40% + 40%);

- Participation in classroom (20%).

Final exam (at the end of the term)

- Exam (100%)

Last Chance Exam

- Exam (100%)

Bibliografia (2023/2024):

Emiliano, A. (2009). Fonética do Português Europeu: descrição e transcrição. Lisboa: Guimarães Editores.

Freitas, M., Lousada, M. & Alves, D. (2022). Linguística clínica: Modelos, avaliação e intervenção. (Textbooks in Language Sciences 11). Berlin: Language Science Press. DOI: 10.5281/zenodo.7197134

Freitas, M. & Santos, A. (2017). Aquisição de língua materna e não materna: Questões gerais e dados do português (Textbooks in Language Sciences 3). Berlin: Language Science Press.

Mateus, M., Falé, I., Freitas, M. (2005). Fonética e Fonologia do Português. Lisboa: Universidade Aberta.

Programa (2023/2024):

1. Anatomia humana 1.1. Sistemas do corpo 1.2. Terminologia médica 2. Ciências Biomédicas Laboratoriais 2.1. O laboratório biomédico 2.1.1. A equipa do laboratório 2.1.2 Equipamento do laboratório 2.1.3 Segurança no laboratório 2.1.4 Sistemas de qualidade 3. Práticas Biomédicas Laboratoriais 3.1 Grupos sanguíneos e análise do sangue 3.2 Análise da urina 3.3 Rastreio de doenças 3.4. Monitorização de água 4. Trabalho de Projeto sobre Saúde Pública

Método de Ensino (2023/2024):

Aulas teórico-práticas, com ênfase nas competências instrumentais: dialogar, ouvir, ler, compreender e produzir mensagens em língua inglesa.

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação contínua OU exame. A avaliação contínua é constituída por dois testes escritos e por um trabalho oral, a apresentar no final do semestre. A nota final resulta da ponderação das várias prestações escritas e orais do estudante, bem como da sua participação nas atividades propostas. O exame é constituído por 2 partes: escrito e oral. A oral é obrigatória sempre que o aluno obtiver 7,5 ou mais na componente escrita.

Bibliografia (2023/2024):

Chrimes, J. (2015) English for Biomedical Science in Higher Education. Reading, Garnet Publishing
Collins Dictionaries. Cobuild English Grammar. 4th Ed. (2017). Glasgow, Harper Collins Publishers.
Eastwood, J. (2011). Oxford Practice Grammar – Intermediate. Oxford, OUP.
Glendinning, E.H. & Howard, R. (2007). Professional English in Use: Medicine. Cambridge, C.U.P.
Glendinning, E.H. & Holmström, B. (2005). English in Medicine – 3rd Edition. Cambridge, C.U.P.
Murphy, R. (2019). English Grammar In Use Book With Answers And Interactive Ebook. A Self-Study Reference And Practice Book For Intermediate Learners Of English. Cambridge, Cambridge University Press.
Milner, M. (2006). English for Health Sciences. Boston, Thomson.
Ribes, R. and Ros, P.R. (2006). Medical English. Heidelberg, Springer.
Tortora, G.J. & Derrickson, B.H. (2020). Principles of Anatomy and Physiology, 16th Ed. John Wiley & Sons, Inc

Programa (2023/2024):

Objetivos de Aprendizagem (OA):

De uma forma global espera-se que o aluno desenvolva a capacidade de análise e síntese; capacidade de aprender; habilidade para resolver problemas; capacidade de aplicar o conhecimento; capacidade para trabalhar a informação;

Especificamente, os Objetivos de Aprendizagem (OA) são os seguintes:

OA1- Distinguir os conceitos de Língua e Linguagem

OA2- Conhecer as diferentes componentes da Gramática

OA3- Dominar conceitos fundamentais no âmbito da Morfologia, Sintaxe, Semântica e Pragmática

OA4 - Descrever e analisar estruturas e enunciados do Português Europeu aos níveis morfológico, sintático, semântico e pragmático

OA5 - Identificar os principais marcos do desenvolvimento linguístico ao nível pré-escolar e escolar, designadamente da Morfossintaxe, Semântica e Pragmática

OA6 - Reconhecer a aplicabilidade clínica dos conceitos linguísticos de semântica, pragmática e morfossintaxe em Terapia da Fala

Learning Objectives (LO):

Overall, the student is expected to develop the ability to analyze and synthesize; ability to learn; ability to solve problems; ability to apply knowledge; ability to work with information;

Specifically, the Learning Objectives (LO) are as follows:

LO1- Distinguish the concepts of Language and Language

LO2- Know the different components of Grammar

LO3- Master fundamental concepts in the fields of Morphology, Syntax, Semantics and Pragmatics

LO4 - Describe and analyze European Portuguese structures and utterances at the morphological, syntactic, semantic and pragmatic levels

LO5 - Identify the main milestones of linguistic development at pre-school and school level, namely Morphosyntax, Semantics and Pragmatics

LO6 - Recognize the clinical applicability of the linguistic concepts of semantics, pragmatics and morphosyntax in Speech Therapy

Conteúdos Programáticos:

CP1. Língua e Linguagem.

CP2. Noções de Gramática e Componentes da Gramática.

CP3. Análise linguística ao nível morfológico, sintático, semântico e pragmático:

3.1.Morfologia: Noções de palavra e morfema; Flexão nominal e verbal; Processos de derivação e composição; Outros processos de formação de palavras e criação lexical.

3.2.Sintaxe: Categorias sintáticas (de palavras); Categorias sintagmáticas e estrutura em constituintes; Funções sintáticas; Clíticos e colocação de clíticos; Frases complexas: coordenação e subordinação.

3.3. Semântica: desenvolvimento do vocabulário; desenvolvimento do vocabulário em profundidade e redes semânticas; acesso lexical

3.4. Pragmática:

CP4. Desenvolvimento da linguagem ao nível pré-escolar e escolar, designadamente da Morfossintaxe, Semântica e Pragmática.

CP5. Aplicação clínica dos conceitos linguísticos de semântica, pragmática e morfossintaxe em Terapia da Fala.

Syllabus

CP1. Language and Language.

CP2. Notions of Grammar and Components of Grammar.

CP3. Linguistic analysis at the morphological, syntactic, semantic and pragmatic levels:

3.1.Morphology: Notions of word and morpheme; Nominal and verbal inflection; Processes of derivation and composition; Other processes of word formation and lexical creation.

3.2 Syntax: Syntactic categories (of words); Syntagmatic categories and structure in constituents; Syntactic functions; Clitics and clitic placement; Complex sentences: coordination and subordination.

3.3 Semantics: vocabulary development; in-depth vocabulary development and semantic networks; lexical access.

3.4 Pragmatics:

CP4. Language development at pre-school and school level, specifically morphosyntax, semantics and pragmatics.

CP5. Clinical application of the linguistic concepts of semantics, pragmatics and morphosyntax in Speech Therapy.

Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objetivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:

Os conteúdos programáticos (CP) foram delineados em função dos objetivos de aprendizagem (OA) da unidade curricular:

CP1 –OA1

CP2- OA2

CP3 – OA3 e OA4

CP4 - OA5

CP5 - OA6

Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objetivos de Aprendizagem da Unidade Curricular:

As metodologias de ensino adotadas para esta unidade curricular são coerentes com os objetivos definidos, uma vez que permitem um aprofundamento do conhecimento dos alunos e a sua participação ativa nas aulas através de estratégias ativas e colaborativas de aprendizagem, combinadas com métodos expositivos e tradicionais. O professor será um facilitador do processo de aprendizagem do aluno, fomentando o relacionamento dos conceitos, a capacidade de análise e a discussão e reflexão para a aplicabilidade na prática do Terapeuta da Fala.

Demonstration of the consistency of the syllabus with the curricular unit's learning objectives:

The syllabus contents (CP) have been outlined according to the learning objectives (OA) of the course unit:

CP1 -OA1

CP2 - OA2

CP3 - OA3 and OA4

CP4 - LO5

CP5 - OA6

Demonstration of the Coherence between the Teaching Methodologies and the Learning Outcomes of the Course:

The teaching methodologies adopted for this curricular unit are consistent with the defined objectives, since they allow for a deepening of students' knowledge and their active participation in classes through active and collaborative learning strategies, combined with expository and traditional methods. The teacher will be a facilitator of the student's learning process, fostering the relationship between concepts, the ability to analyze, discuss and reflect on their applicability to the speech therapist's practice.

Método de Ensino (2023/2024):

Aulas Teórico-práticas:

Metodologias ativas, colaborativas e expositivas:

1- Resolução de problemas em pequenos grupos;

2- Sessões de brainstorming de tópicos;

3- Apresentação de conteúdos programáticos com recurso a projeções, exemplificações, casos clínicos em vídeo;

4- Exercícios de sistematização de conceitos abordados e de descrição e análise linguística.

Theoretical-practical classes:

Active, collaborative and expository methodologies:

1- Problem-solving in small groups;

2- Topic brainstorming sessions;

3- Presentation of the syllabus using projections, examples and clinical cases on video;

4- Exercises to systematize the concepts covered and linguistic description and analysis.

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação contínua

- Avaliação Distribuída –

1) 2 Testes escritos (30% + 30%)

2) Portfolio (40%)

Exame Fim de semestre

- Exame (100%)

Exame Época Recurso

- Exame (100%)

Continuous assessment

- Distributed assessment -

1) 2 written tests (30% + 30%)

2) Portfolio (40%)

End of semester exam

- Exam (100%)

Exam Season of Appeal

- Exam (100%)

Bibliografia (2023/2024):

Adams, C. (2001). Clinical diagnostic and intervention studies of children with semantic’pragmatic language disorder. International Journal of Language & Communication Disorders, 36(3), 289-305.

Duarte, I. (2000). Língua portuguesa. Instrumentos de análise. Lisboa: Universidade Aberta.

Eliseu, A. (2008). Sintaxe do Português. Lisboa: Caminho

Freitas, M. & Santos, A. (2017). Aquisição de língua materna e não materna: Questões gerais e dados do português (Textbooks in Language Sciences 3). Berlin: Language Science Press.

Freitas, M., Lousada, M. & Alves, D. (2022). Linguística clínica: Modelos, avaliação e intervenção. (Textbooks in Language Sciences 11). Berlin: Language Science Press. DOI: 10.5281/zenodo.7197134

Fromkin, V., Rodman, R., & Hyams, N. (2017). An introduction to language. Wadsworth Cengage Learning.

Law, Lee, Roulstone, Wren, Zeng & Lindsay (2010). “What Works”: Interventions for children and young people with speech, language and communication needs: Technical Annex. Peixoto, V., Rocha, J., Maia, F. (Org.). Porto: Publicações Universidade Fernando Pessoa.

Mateus, M. H. M. et al. ([1989] 2003). Gramática da língua portuguesa. Lisboa: Caminho, 5ª edição.

Oetting, J. B., Hadley, P. A., & Schwartz, R. G. (2009). Morphosyntax in child language disorders. Handbook of child language disorders, 341-364.

Owens JR (2016). Language development: an introduction, 9ª ed. Londres: Pearson.

Roth, F. P., & Worthington, C. K. (2015). Treatment resource manual for speech language pathology. Nelson Education.

Shipley, K. G., & McAfee, J. G. (2015). Assessment in speech-language pathology: A resource manual. Nelson Education

Peixoto, V.; Rocha, J.; Maia, F. (2020). Metodologias de Intervenção em Terapia da Fala – 2º volume. Porto: Publicações Universidade Fernando Pessoa.ISBN: 978-989-643-162-4

Peixoto, V. & Rocha, J. (2020). A Componente Pragmática da linguagem e suas alterações (pp 123-154). In 2º volume Metodologias de Intervenção em Terapia da Fala. Peixoto, V., Rocha, J., Maia, F. (Org.). Porto: Publicações Universidade Fernando Pessoa.

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem | Learning outcomes

OA1. Demonstrar conhecimento dos conceitos e principais teorias da Psicologia do desenvolvimento
OA2. Demonstrar conhecimento dos principais modelos de compreensão dos processos de desenvolvimento humano.
OA3. Demonstrar conhecimento nos domínios do desenvolvimento nas suas diversas dimensões (físico-motor cognitiva, socioemocional e moral), a partir do estudo crítico e integrador das principais correntes e conceções teóricas do desenvolvimento humano numa perspetiva de ciclo de vida (lifespan)
OA4. Compreender os padrões de mudança do funcionamento psicológico, comportamentos e competências ao longo das várias fases do desenvolvimento ao longo do ciclo vital
OA5. Adquirir competências básicas de observação do desenvolvimento.
OA6. Sensibilizar os estudantes para a importância do conhecimento e da observação do Ser Humano no seu processo de crescimento, desenvolvimento e envelhecimento, discutindo e salientando as implicações práticas e aplicação dos diversos conceitos e modelos teóricos, de forma a permitir a seleção fundamentada de metodologias a adotar nas diferentes situações de atuação do terapeuta da fala


LO1. To demonstrate knowledge of the concepts and major developmental theories.
LO2. To demonstrate knowledge of the major models for understanding human developmental processes.
LO3. To demonstrate knowledge in the fields of development in its various dimensions (physical-motor, cognitive, socio-emotional and moral), from the critical and integrative study of the main approaches and theoretical conceptions of human development throughout lifespan;
LO4. To understand the patterns of change of psychological functioning, behaviours and skills throughout the various stages of life cycle development
LO 5. To acquire basic developmental observation skills.
LO 6. To make students aware to the importance of knowledge and observation of the Human Being in its process of growth, development and aging, discussing and highlighting the practical implications and application of various concepts and theoretical models, in order to allow the reasoned selection, of methodologies to be adopted in different situations of the speech therapist’s performance.

Conteúdos Programáticos

CP1. Introdução: breve visão geral da história da Psicologia e da Psicologia do Desenvolvimento

CP2. Definição do objeto e perspetivas conceptuais da Psicologia do desenvolvimento

2.1. Conceito de desenvolvimento e contextos de desenvolvimento.

2.2. Correntes maturacionista (A. GESELL), interacionista (PIAGET, VYGOTSKY), ambientalista (BEHAVIORISTA), epigenética (NATURE vs NURTURE) e evolucionista

CP3. Desenvolvimento físico-motor, cognitivo, psicossocial e moral na criança, no adolescente, no adulto e no idoso:

3.1. conceitos-chave;

3.2. abordagens teóricas dos estádios de desenvolvimento.

CP4. O processo de observação do desenvolvimento;

4.1. estratégias e planeamento de situações de observação do desenvolvimento;

4.2. aplicação dos conceitos e estratégias a situações concretas de observação;

4.3. integração dos conceitos e estratégias de observação do desenvolvimento do Ser Humano no âmbito do contexto de atuação do Terapeuta da Fala

Syllabus

CP1. Introduction: brief overview of the history of psychology and developmental psychology

CP2. Definition of the object and conceptual perspectives of Developmental Psychology

2.1 Concept of development; normative and personal development. Main models of approach to developmental processes. Overview of developmental contexts: The biological context; the immediate environmental context; the cultural and historical context; development as a context.

2.2 Maturationist, interactionist, environmentalist, epigenetic, and evolutionary currents

CP3. Physical and motor, cognitive, socioemotional and moral development in children, adolescents, adults and elderly:

3.1. Key concepts;

3.2. Theoretical approaches.

CP4.The process of observation of development;

4.1. Strategies and planning of situations of observation of development;

4.2 Application of the concepts and strategies to concrete situations of observation;

4.3 integration of concepts and observation strategies of the development of the Human Being in the context of action of the Speech Therapist

Método de Ensino (2023/2024):

As metodologias de ensino adotadas encontram-se alinhadas com os objetivos de aprendizagem (OA) definidos para a UC, visando permitir ao estudante conhecer e explorar os fundamentos da psicologia do desenvolvimento e facilitar o pensamento crítico na observação e análise de comportamentos e competências do Ser Humano ao longo do ciclo de vida, com vista a aplicar e construir conhecimentos nesta área relacionando com o âmbito de atuação do terapeuta da fala. Neste quadro, valoriza-se a articulação de metodologias de caráter expositivo, onde se fará a apresentação e o desenvolvimento dos conteúdos programáticos, com metodologias de teor mais prático e aplicadas em contexto real, nas quais se promoverão discussões críticas sobre os mesmos, análise de artigos científicos e realização de exercícios de observação nas clínicas pedagógicas da ESS FP e outros contextos naturais. Pretende-se com esta articulação favorecer uma aprendizagem ativa que permita o aprofundamento dos tópicos em estudo bem como a integração da teoria com a prática, fornecendo um quadro compreensivo da terminologia, conceitos e métodos básicos de observação do comportamento humano ao longo da vida.
Concretamente, a metodologia expositiva, através da apresentação e sistematização das matérias, permitirá o desenvolvimento e o aprofundamento conceptual e teórico; já as metodologias participativa, através da observação e análise crítica de artigos científicos e da realização de exercícios, e ativa, através da condução, sob orientação, de trabalhos individuais (observação de padrões comportamentais), permitirão o desenvolvimento das competências almejadas na UC.
As horas de não-contacto serão dedicadas ao trabalho autónomo do aluno, onde se pretende ver assegurada a leitura da bibliografia recomendada e a realização das atividades propostas, de modo a lhe permitir adquirir, consolidar e aplicar os seus conhecimentos e a desenvolver aptidões e competências neste domínio.
A combinação entre estas diferentes metodologias permitirá ao aluno atingir os OA propostos para a UC, objetivos estes que, na sua maioria, articulam conhecimentos, capacidades e competências. Esta coerência entre os OA e as metodologias de ensino (e de avaliação) adotadas concretiza-se do seguinte modo: para todos os OA (1 a 6), o estudante será exposto primeiro ao método expositivo, seguido do método participativo (com realização de exercícios) e ativo (trabalho individual e de grupo).

O programa foi elaborado tendo por referência o desenvolvimento de conhecimentos e de competências básicas no domínio da psicologia do desenvolvimento. Concretamente, assenta numa organização em 4 unidades de Conteúdos Programáticos (CP), definidos a partir dos 6 objetivos de aprendizagem (OA) previamente estabelecidos, onde se privilegia a introdução ao método experimental no estudo do desenvolvimento Humano, adaptado ao âmbito de atuação do Terapeuta da Fala.

Os CP foram selecionados de modo a permitir ao estudante ganhar conhecimento acerca do ciclo de vida do ser humano, e experiência na condução de observação e análise de dados comportamentais do ser humano. Observa-se, deste modo, uma total coerência e correspondência entre os conteúdos programáticos e os OA, designadamente: CP1 – OA1; CP2 – OA1, OA2; CP3 –OA3 e OA4; CP4 - OA5 e OA6.

The teaching methodologies adopted are aligned with the learning objectives (LO) set for the course, aiming to enable students to know and explore the foundations of developmental psychology and facilitate critical thinking in the observation and analysis of behaviors and skills of the human being throughout the life cycle, in order to apply and build knowledge in this area relating it to the scope of work of the speech therapist. In this context, we value the articulation of methodologies of an expository nature, where the presentation and development of programmatic content will be made, with methodologies of a more practical content and applied in a real context, which will promote critical discussions about them, analysis of scientific articles and conducting observation exercises in the teaching clinics of the ESS FP and other natural contexts. This articulation is intended to promote active learning that allows the deepening of the topics under study as well as the integration of theory with practice, providing a comprehensive framework of terminology, concepts and basic methods of observation of human behavior throughout life.
The participative methodology, through the observation and critical analysis of scientific articles and the realization of exercises, and the active methodology, through the conduction of individual works (observation of behavioral patterns), will allow the development of the desired skills.
The non-contact hours will be dedicated to the students’ autonomous work, where it is intended to ensure the reading of the recommended bibliography and the completion of the proposed activities, in order to allow them to acquire, consolidate and apply their knowledge and to develop skills and competences in this area.
The combination of these different methodologies will allow the student to achieve the proposed objectives for the course, which, for the most part, articulate knowledge, abilities and skills. This coherence between the LO and the teaching (and assessment) methodologies adopted is materialized as follows: for all the LO (1 to 6), the student will be exposed first to the expositive method, followed by the participative (with exercises) and active (individual and group work) methods.

The program was designed with reference to the development of knowledge and basic skills in the field of developmental psychology. Specifically, it is based on an organization into 4 main units of Programmatic Content (PC), defined from the 6 learning objectives (LO) previously established, where the emphasis is on the introduction to the experimental method in the study of human development, adapted to the scope of work of the Speech Therapist. The PC were selected to allow the student to acquire knowledge about the life cycle of the human being, and experience in conducting observation and analysis of human behavioral data. There is, therefore, a total coherence and correspondence between the syllabus and the LO, namely:
PC1 – LO1; PC2 – LO1, LO2; PC3 –LO3 e LO4; PC4 - LO5, e LO6.

Método de Avaliação (2023/2024):

No decurso das horas de contacto são privilegiadas as metodologias de ensino expositiva, participativa e ativa. As horas de não-contacto são dedicadas ao trabalho autónomo do aluno.

O regime de avaliação da UC pode ser contínuo ou por exame final. Na avaliação contínua, e garantida a percentagem mínima de assiduidade definida na Normativa Académica, são considerados os seguintes elementos: prova escrita (50%), participação ativa nas aulas com resolução das atividades propostas (10%) e relatório com observação e análise de comportamentos e competências de pessoas ao longo do ciclo de vida (40%). O aluno que não obtenha aprovação na avaliação contínua poderá realizar o exame escrito final (100%). Para a creditação dos ECTS, o aluno deverá demonstrar a aquisição dos objetivos e competências definidos, obtendo uma classificação final igual ou superior a 9,5 valores.

During the contact hours are privileged the expositive, participative and active teaching methodologies. Non-contact hours are dedicated to the student's autonomous work.
The assessment system of the UC can be continuous or by final exam (end of semester, appeal and special seasons). For continuous assessment and provided the minimum percentage of attendance defined in the Academic Rules, the following elements are considered: written test (50%), active participation in carrying out proposed activities in class (10%) and report with observation and analysis of behaviors and skills of people throughout the life cycle (40%). The student who does not pass the continuous assessment may take the final written exam (100%). To be credited with the ECTS, the student must demonstrate the acquisition of the objectives and competencies defined, obtaining a final classification equal to or greater than 9.5 points.

Bibliografia (2023/2024):

BIBLIOGRAFIA

  • Braunstein, J.-F. (2003). História da psicologia. Instituto Piaget.
  • Brough, P. (2019). Advanced research methods for applied psychology: Design, analysis and reporting. Routledge.

  • Carr, A. (2014). Manual de psicologia clínica da criança e do adolescente: Uma abordagem contextual. Psiquilíbrios.

  • DeHart, G. B., Sroufe, L. A., & Cooper, R. G. (2004). Child development: Its nature and course. McGraw-Hill.

  • Fonseca, A. C. (2010). Crianças e adolescentes: Uma abordagem multidisciplinar. Almedina.

  • Macedo , A. F., Pereira, A. T., & Madeira, N. (Coords.). (2018). Psicologia na medicina. Lidel.

  • Papalia, D. E., & Olds, S. W. (2007). Desenvolvimento humano. Artmed

  • Papalia, D. E., Olds, S. W., & Feldman, R. D. (2007). O mundo da criança. McGraw-Hill.

  • Pessanha et al. (2010). A Psicologia do Desenvolvimento, In Psicologia da Educação (cap.2) Porto Editora
  • Schaie, K. W., & Willis, S. L. (eds) (2011). Handbook of the psychology of aging. Elsevier/Academic Press

  • Schultz, D. P. & Schultz, S. E (2007). História da Psicologia Moderna. Thomson Learning
  • Tudge, J. et al (2009). Uses and Misuses of Bronfenbrenner’s Bioecological Theory of Human Development. Journal of Family Theory & Review (1) 198–210
  • Turner-Cobb, J. (2014). Child health psychology: A biopsychosocial perspective. Sage.

UNIDADES CURRICULARES ECTS

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem

1. Conhecer o desenvolvimento linguístico-comunicativo da criança

2.Conhecer os fatores biológicos e ambientais relacionados com o desenvolvimento

3. Escolher e aplicar uma anamnese infantil

4. Conhecer diferentes formas e dimensões de avaliação linguístico (oral) comunicativa, e saber selecionar a mais adequada a cada caso

5. Conhecer os diferentes quadros de alterações da comunicação e linguagem (oral) na infância

6. Estabelecer o diagnóstico diferencial

7. Conhecer diferentes programas de intervenção para as de alterações da comunicação e linguagem (oral) na infância

8. Reconhecer a importância da capacidade de delinear um plano de intervenção eclético e holístico, adequado à singularidade de cada caso

9. Reconhecer a importância do trabalho de equipa

Learning objectives

1. To learn about children's linguistic-communicative development

2. to know the biological and environmental factors related to development

3. Choosing and applying a child's anamnesis

4. Knowing the different forms and dimensions of communicative linguistic (oral) assessment, and knowing how to select the most appropriate one for each case

5. Know the different types of communication and (oral) language disorders in children

6. Establish differential diagnosis

7. Know the different intervention programs for (oral) communication and language disorders in childhood

8. Recognize the importance of being able to draw up an eclectic and holistic intervention plan, suited to the uniqueness of each case

9. Recognize the importance of teamwork

Translated with DeepL.com (free version)

Conteúdos Programáticos

CP1. Desenvolvimento da comunicação, linguagem oral e escrita (revisão)

CP2. Recolha de informação acerca da criança e da família – anamnese

CP3. Avaliação da comunicação e da linguagem oral na criança 3.1. Avaliação formal vs informal 3.2. Perfil Comunicativo e Pragmática 3.3. Morfologia, Sintaxe; Fonologia e Semântica

CP4. Perturbações da comunicação e da linguagem oral na criança (Diagnóstico terapêutico) 4.1. Perturbação do desenvolvimento de linguagem /Perturbação da Linguagem 4.2. Late talkers 4.3. Disfunção da comunicação/Necessidades complexas de comunicação 4.4. Diagnóstico diferencial

CP5. Intervenção: 5.1. Diferentes abordagens 5.2. Elaboração do plano de intervenção (Linha de Base; Objetivos; Estratégias; Trabalho de Equipa, Implementação Compreensiva)

Syllabus

1. Development of communication, oral and written language (review)

2. Gathering information about the child and family - anamnesis

3. Assessment of communication and oral language in children 3.1. Formal vs. informal assessment 3.2. Communicative profile and pragmatics 3.3. Morphology, Syntax; Phonology and Semantics

4. Communication and oral language disorders in children (Therapeutic diagnosis) 4.1. Language development disorder / Language disorder 4.2. Late talkers 4.3. Communication dysfunction/Complex communication needs 4.4. Differential diagnosis

5. Intervention: 5.1. Different approaches 5.2. Drawing up an intervention plan (Baseline; Objectives; Strategies; Teamwork, Comprehensive Implementation)

Método de Ensino (2023/2024):

As aulas teórico-práticas são centradas na exposição e discussão dos conteúdos do programa e na resolução de casos práticos. É dada grande relevância à formulação de problemas clínicos e análise de diferentes possibilidades de resposta, partindo de casos reais (video, estudos de caso em artigos cientificos ou casos da clínica pedagógica). É incentivado o processo de diálogo. As orientações tutoriais são destinadas ao apoio da construção e análise de um estudo de caso real. - Apresentação dos conteúdos programáticos com recurso a projeções, explicações no quadro, exemplificações, casos clínicos em vídeo e observação de casos reais da clínica pedagógica de terapia da fala da ESS FP. - Preenchimento de instrumentos de avaliação com recurso a análise de casos em vídeo - Situações de rol-play (de avaliação e intervenção). Nas aulas práticas os alunos elaboram um estudo de caso, desde a recolha de informação acerca do paciente, até à elaboração do plano de intervenção.

The theoretical-practical classes focus on the presentation and discussion of the contents of the syllabus and the resolution of practical cases. Great importance is given to the formulation of clinical problems and the analysis of different possible responses, based on real cases (videos, case studies in scientific articles or cases from the teaching clinic). The dialog process is encouraged. Tutorials are designed to support the construction and analysis of a real case study. - Presentation of the syllabus using projections, explanations on the board, examples, clinical cases on video and observation of real cases from the ESS FP speech therapy teaching clinic. - Completion of assessment instruments using video case analysis - Rol-play situations (assessment and intervention). In practical classes, students prepare a case study, from collecting information about the patient to drawing up an intervention plan.

Método de Avaliação (2023/2024):

Apresentação de trabalho individual (30%); Participação assertiva em sala de aula (20%); Teste escrito (50%)

Presentation of individual work (30%); Assertive participation in class (20%); Written test (50%)

Bibliografia (2023/2024):

SPTF (2020) Dicionário terminológico de terapia da fala / Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala ; coord. Isabel Guimarães. - Lisoba : Papa-Letras- ISBN 978-989-8214-73-7

Peixoto e Rocha (2009) Metodologias de intervenção em terapia da fala I. Edições UFP

Peixoto, Rocha e Maia (2020) Metodologias de intervenção em terapia da fala II. Edições UFP

Owens (2014) Language disorders : a functional approach to assessment and intervention - 6th ed. - Boston : The Allyn & Bacon comunication sciences and disorders - ISBN 13: 978-0-13-292872-9. - ISBN 10: 0-13-297872-5

Owens (2018) Early language intervention for infants, toddlers and preschoolers. New York : The Pearson communication sciences and disorders series - ISBN 978-0-13-461890-6

Reed (2018) An introduction to children with language disorders,5ª ed. - New York :The Pearson communication sciences and disorders series - ISBN 978-0-13-382709-5

Paul, Norbury, Gosse (2018) Language disorders : from infancy through adolescence : listening, speaking, reading, writing and communicating / . - 5ª ed. - Missouri : Elsevier, ISBN 978-0-323-44234-3

Pereira, T., Jesus, Â.M., Maia, F., Ramalho, A.M. & Martins, A. (2023). Avaliação em Linguagem na Criança. In D.C. Alves, P. Correia, S. Cruz, J. Fonseca, S. Ibrahim, I. Lopes, M. Lousada, P. Oliveira & C. Pinto (Eds.), Compendium de Terapia da Fala – Avaliar e intervir com evidência (pp. 241-310). Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala. ISBN: 9789895392216

Maia, F., Jesus, Â.M., Martins, A., Pereira, T. & Ramalho, A.M. (2023). Intervenção em Linguagem na Criança. In D.C. Alves, P. Correia, S. Cruz, J. Fonseca, S. Ibrahim, I. Lopes, M. Lousada, P. Oliveira & C. Pinto (Eds.), Compendium de Terapia da Fala – Avaliar e intervir com evidência (pp. 781-889). Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala. ISBN: 9789895392216

Programa (2023/2024):

PT

  1. Noções gerais de farmacologia, fármaco versus medicamento.
  2. Vias de administração e formas farmacêuticas.
  3. Ciclo geral de fármacos no organismo. Farmacocinética básica (absorção, distribuição, metabolização e excreção) e farmacocinética clínica.
  4. Farmacodinamia e mecanismos gerais de acção dos fármacos.
  5. Fármacos com acção no sistema nervoso central: sedativos e hipnóticos e psicoestimulantes.
  6. Relaxantes musculares.
  7. Fármacos utilizados no controlo da dor: opióides, anti-inflamatórios não esteroides e paracetamol.
  8. Aspectos particulares da farmacologia na grávida, na criança e no idoso.
  9. Interacções medicamentosas, reacções adversas a medicamentos e farmacovigilância.
  10. Fontes de informação sobre fármacos.

Método de Ensino (2023/2024):

PT

M1: Exposição e debate dos conceitos teóricos relevantes em sala de aula.

M2: Orientação do estudo autónomo dos alunos por consulta da bibliografia recomendada e na resolução de exercícios propostos.

M3: Discussão de problemas e casos clínicos relevantes.

M4: Utilização da plataforma de e-learning para armazenar e disponibilizar material didático ao aluno.

EN

M1: Presentation and discussion of relevant theoretical concepts in the classroom

M2: Brainstorm on pertinent issues related to the matter exposed and in the resolution of exercises

M3: Discussion of problems and relevant clinical cases.

M4: Use of the e-learning platform to store and make educational material available to the student.

Método de Avaliação (2023/2024):

PT

Os alunos serão avaliados com dois testes escritos, com uma ponderação de 50% cada um para o cálculo da nota final.

Bibliografia (2023/2024):

1. Rang and Dale's pharmacology, JM Ritter, RJ Flower, G Henderson, YK Loke, D MacEwan, HP Rang (Eds), 9th edition, Elsevier, 2019.

2. Terapêutica Medicamentosa e suas Bases Farmacológicas (Manual de Farmacologia e Farmacoterapia), S Guimarães, D Moura, P Soares da Silva (Eds), 6ª edição, Porto Editora, 2014.

3. Basic & Clinical Pharmacology, Bertram G. Katzung, Todd W. Vanderah (Eds), 15th edition, McGraw-Hill Education, 2021.

4. Pharmacology for the Physical Therapist. Erin E. Jobst, Peter C. Panus, Marieke Kruidering-Hall (Authors) 2nd edition, McGraw-Hill, 2020.

5. Goodman & Gilman´s The Pharmacological Basis of Therapeutics, LL Bruton, BC Knollmann (Eds), 14th edition, McGraw-Hill Education, 2023.

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem:

OA1. Identificar as competências fonológicas necessárias a avaliar na criança, ao nível da perceção,
produção e consciência;
OA2. Reconhecer instrumentos e processos de avaliação formais e informais nas Perturbações dos Sons
da Fala;
OA3. Demonstrar evidências de raciocínio clínico na análise das diferentes terminologias usadas no
domínio das Perturbações dos Sons da Fala;
OA4. Demonstrar conhecimento acerca dos principais modelos e abordagens de intervenção de base
articulatória e fonológica
OA5. Revelar evidências de raciocínio clínico em estudos de caso

Learning outcomes:

LO1. Identify the necessary phonological skills to be assessed in children, in terms of perception,
production and awareness;
LO2. Recognize tools and processes of formal and informal assessment in speech sounds disorders;
LO3. Demonstrate clinical reasoning and analysis about different terminologies used in the field of
speech sounds disorders;
LO3. Mastering the main programs of intervention of articulation and phonological basis and apply it in
case studies
LO4. Demonstrate knowledge about the main articulatory and phonological intervention models and
approaches
LO5. Reveal evidence of clinical reasoning in case studies

Conteúdos programáticos:

CP1.Avaliação de competências fonológicas
1.1. Perceção dos sons da fala
1.2. Avaliação e análise fonológica (inventário fonológico, processos fonológicos, análise fonológica não linear, análise contrastiva, inconsistência, inteligibilidade, análises complementares)
1.3. Avaliação de competências metafonológicas

CP2. Instrumentos e ferramentas de avaliação
2.1. Instrumentos validados para o português europeu
2.2. Ferramentas de análise fonológica

CP3. Perturbação dos Sons da Fala
3.1. Terminologia
3.2. Etiologia e prevalência

CP4. Intervenção – Modelos e Abordagens
4.1. Abordagens centradas na produção de base contrastiva
4.2. Abordagens centradas na perceção
4.3. Abordagens centradas na consciência fonológica
4.4. Abordagens centradas no processamento fonológico
4.5. Intervenção integrada/de base eclética
4.6. Abordagens assentes em Teoria Linguística: Abordagens implicacionais e de base não-linear
4.7. Outros aspetos e recursos importantes a considerar na intervenção

CP5. Estudos de caso

Syllabus:

CP1.Assessment of phonological skills
1.1. Perception of speech sounds
1.2. Phonological assessment and analysis (phonological inventory, phonological processes, non-linear phonological analysis, contrastive analysis, inconsistency, intelligibility, complementary analysis)
1.3. Assessment of metaphonological skills

CP2. Assessment instruments and tools
2.1. Instruments validated for European Portuguese
2.2. Phonological analysis tools

CP3. Speech Sound Disturbance
3.1. Terminology
3.2. Etiology and prevalence

CP4. Intervention - Models and Approaches
4.1. Approaches centered on contrastive-based production
4.2. Perception-centered approaches
4.3. Approaches centered on phonological awareness
4.4. Approaches centered on phonological processing
4.5. Integrated/eclectic-based intervention
4.6. Approaches based on Linguistic Theory: Implicational and non-linear approaches
4.7. Other important aspects and resources to consider in the intervention

CP5. Case studies

Método de Ensino (2023/2024):

No decurso das horas de contacto são privilegiadas maioritariamente as metodologias de ensino ativas e colaborativas, embora possam existir algumas aulas com caráter mais expositivo.Assim é fomentada a resolução de problemas em pequenos grupos, sessões de brainstorming de tópicos e questões a serem investigados pelos alunos, orientação da pesquisa realizada pelos alunos, resumo e síntese da pesquisa realizada pelos alunos e discussão em grupo, bem como a apresentação de conteúdos programáticos com recurso a projeções, exemplificações e casos clínicos.

As horas de não-contacto são dedicadas ao trabalho autónomo do aluno.

During the contact hours, active and collaborative teaching methodologies are privileged, although there may be some classes with a more expository character. This encourages problem solving in small groups, brainstorming sessions of topics and issues to be investigated by students, orientation of research carried out by students, summary and synthesis of research carried out by students and group discussion, as well as the presentation of contents programmatic using projections, examples and clinical cases.

Non-contact hours are dedicated to student’s autonomous work.

Método de Avaliação (2023/2024):

O regime de avaliação da UC pode ser contínuo ou por exame final (épocas de fim de semestre, recurso e especial). Na avaliação contínua, e garantida a percentagem mínima de assiduidade definida na Normativa Académica, são considerados os seguintes elementos: 1 prova escrita (50%), a participação ativa nas aulas com resolução das atividades propostas (20%) e 1 trabalho individual (30%).

O aluno que não obtenha aprovação na avaliação contínua poderá realizar o exame escrito final (100%)

Para a creditação dos ECTS, o aluno deverá demonstrar a aquisição dos objetivos e competências definidos, obtendo uma classificação final igual ou superior a 9,5 valores.

The evaluation can be continuous or final (end-of-semester, supplementary and special exams periods). In continuous evaluation, student must guarantee the minimum attendance defined in UFP Academic Standards, and must be approved in the following elements: 1 written test (50%), active participation in classes with resolution of proposed activities (20%) and 1 individual work (30%).

Students who fail the continuous evaluation can apply to a final written exam (100%)

In order to obtain the ECTS credits of this curricular unit, student must successfully achieve the learning outcomes and skills defined for it and get a final average of at least 9.5.

Bibliografia (2023/2024):

Baltimore: Paul H. Brookes ISBN 978-1-68125-358-9

Bowen, C. (2009). Children’s speech sound disorders. 2nd. ed. - Oxford : Wiley Blackwell. ISBN 978-1-118-63402-8

Freitas, Maria João, Lousada, Marisa & Alves, Dina Caetano (eds.). 2022. Linguística clínica: Modelos, avaliação e intervenção. (Textbooks in Language Sciences 11). Berlin: Language Science Press. DOI: 10.5281/zenodo.7197134

Velleman, S. L. (2016). Speech sound disorders. 2nd. ed. - Philadelphia : Wolters Kluwer. ISBN 978-1-4963-1624-0

Williams, A. L., McLeod, S. & McCauley, R.J. (2021). Interventions for speech sound disorders in children. 2nd ed.

Ramalho, A.M., Pereira, T., Baptista, A.C., Reis, T., Rodrigues, S., Santos, C., Dias, A., Martins, A., Maia, F. & Jesus, Â.M. (2023). Avaliação em Fonologia. In D.C. Alves, P. Correia, S. Cruz, J. Fonseca, S. Ibrahim, I. Lopes, M. Lousada, P. Oliveira & C. Pinto
(Eds.), Compendium de Terapia da Fala – Avaliar e intervir com evidência (pp. 197-240). Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala. ISBN: 9789895392216

Batista, A.C., Reis, T., Ramalho, A.M., Rodrigues, S., Dias, A., Frutuoso, J., Jesus, Â.M., Martins, A., Maia, F. & Pereira, T. (2023). Intervenção em Fonologia. In D.C. Alves, P. Correia, S. Cruz, J. Fonseca, S. Ibrahim, I. Lopes, M. Lousada, P. Oliveira & C. Pinto
(Eds.), Compendium de Terapia da Fala – Avaliar e intervir com evidência (pp. 733-780). Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala. ISBN: 9789895392216

Programa (2023/2024):

Objetivos de Aprendizagem

OA1- Conhecer e dominar diversos instrumentos de avaliação e programas de intervenção na área das perturbações da comunicação e linguagem na criança;
OA2- Desenvolver a capacidade de analisar e sintetizar diferentes abordagens no domínio da intervenção nas perturbações da comunicação e linguagem na criança;
OA3- Ser capaz de pesquisar, analisar e selecionar o programa de intervenção mais adequado perante um caso clínico na área das perturbações da comunicação e linguagem na criança;
OA4- Saber criar/usar adequadamente materiais diversos para intervenção a nível das perturbações da comunicação e linguagem na criança.
OA 5- Desenvolver competências críticas e autocríticas no que respeita à seleção de respostas clínicas na área das perturbações da comunicação e linguagem na criança;
OA 6- Desenvolver competências instrumentais linguísticas no sentido de comunicar oralmente e por escrito o seu raciocínio clínico na tomada de decisões terapêuticas, no âmbito da atuação do Terapeuta da Fala.

Learning Objectives

LO1- Know and master various assessment tools and intervention programs in the area of communication and language disorders in children;
LO2- Develop the ability to analyze and synthesize different approaches in the field of intervention in communication and language disorders in children;
LO3- Be able to research, analyze and select the most appropriate intervention program for a clinical case in the area of communication and language disorders in children;
LO4- To know how to create/use different materials for intervention in the area of communication and language disorders in children.
LO 5- Develop critical and self-critical skills with regard to the selection of clinical responses in the area of communication and language disorders in children;
OA 6- Develop instrumental linguistic skills in order to communicate their clinical reasoning orally and in writing when making therapeutic decisions within the scope of the speech therapist's work.

Conteúdos Programáticos

CPI: Instrumentos de avaliação

Avaliação da Linguagem Oral (Sim-Sim); Sintacs - Teste de avaliação da Competência Sintática (Vieira e Gonçalves); TAS Teste de avaliação Semântica (Sua-Kay, Tavares e Santos), GOL-E Grelha de Observação da Linguagem Nível Escolar (Sua Kay e Santos), TICL - Teste de Identificação de Competências Linguísticas (Viana); Teste de Linguagem ALPE - Avaliação de Linguagem Pré-escolar (Mendes; Afonso, Lousada e Andrade).

CPII - Diferentes abordagens de intervenção dirigidas a crianças com perturbações da comunicação e/ou linguagem, com evidencia moderada ou forte:

2.1 Portugueses -

INsytax - Programa de Iniciação à Sintaxe (Lopes et al, 2022);

Programa de Intervenção em Competências Linguísticas - PICL (Lousada et al,2017)

Programa de Intervenção em Competências Pragmáticas (Pereira et al, 2019, 2021)

Prosyntax - Nível I e II (Azevedo et al, 2021)

Internacionais:

MILIEU TEACHING/THERAPY (Mancil, Conroy & Haydo 2009);

THE HANEN EARLY LANGUAGE PARENT PROGRAMME (Hanen Manolsan, 1975);

SOCIAL COMMUNICATION INTERVENTION PROGRAMME (Adams & Gaile, 2006);

SOCIAL STORIES (Gray, 1992);

TPBA-TPBI (Linder, 2005);

DIR (Greenspan & Wieder, 2003)

SCERTS (Prizant & Wetherby, 2000)

syllabus
CPI: Assessment instruments

Oral Language Assessment (Sim-Sim); Syntacs - Syntactic Competence Assessment Test (Vieira and Gonçalves); TAS - Semantic Assessment Test (Sua-Kay, Tavares and Santos), GOL-E - School Level Language Observation Grid (Sua Kay and Santos), TICL - Language Skills Identification Test (Viana); ALPE Language Test - Pre-school Language Assessment (Mendes; Afonso, Lousada and Andrade).

CPII - Different intervention approaches aimed at children with communication and/or language disorders, with moderate or strong evidence:

2.1 Portuguese -

INsytax - Syntax Initiation Program (Lopes et al, 2022);

Language Skills Intervention Program - PICL (Lousada et al,2017)

Pragmatic Skills Intervention Program (Pereira et al, 2019, 2021)

Prosyntax - Level I and II (Azevedo et al, 2021)

International:

MILIEU TEACHING/THERAPY (Mancil, Conroy & Haydo 2009);

THE HANEN EARLY LANGUAGE PARENT PROGRAMME (Hanen Manolsan, 1975);

SOCIAL COMMUNICATION INTERVENTION PROGRAMME (Adams & Gaile, 2006);

SOCIAL STORIES (Gray, 1992);

TPBA-TPBI (Linder, 2005);

DIR (Greenspan & Wieder, 2003)

SCERTS (Prizant & Wetherby, 2000).

Método de Ensino (2023/2024):

As aulas teórico-práticas são centradas na exposição e discussão dos conteúdos do programa e na resolução de casos práticos.
Nas aulas práticas os alunos elaboram um protocolo de avaliação e um material de intervenção.
Apresentação dos conteúdos programáticos com recurso a projeções, exemplificações, casos clínicos e observação de casos reais da clínica pedagógica de terapia da fala da ESS FP.
É dada grande relevância à formulação de problemas clínicos e análise de diferentes possibilidades de resposta, partindo de casos reais.
É incentivado o processo de diálogo e reflexão crítica
Situações de role-play (de avaliação e intervenção)

Theoretical-practical classes focus on presenting and discussing the contents of the syllabus and solving practical cases.
In practical classes, students draw up an assessment protocol and intervention material.

The syllabus is presented using projections, examples, clinical cases and observation of real cases from the ESS FP speech therapy teaching clinic.
Great importance is given to the formulation of clinical problems and the analysis of different possible responses, based on real cases.
The process of dialog and critical reflection is encouraged
Role-play situations (assessment and intervention

Método de Avaliação (2023/2024):

Aulas Teórico-práticas
- Teste de Avaliação (40%)
- Apresentação de uma metodologia de intervenção (trabalho de grupo) (20%)
Aulas práticas
- Elaboração de um protocolo de avaliação e material de intervenção (trabalho de grupo) (20% + 20%)

Theoretical-practical classes
- Assessment test (40%)
- Presentation of an intervention methodology (group work) (20%)

Practical classes
- Preparation of an assessment protocol and intervention material (group work) (20% + 20%)

Bibliografia (2023/2024):

SPTF (2020) Dicionário terminológico de terapia da fala / Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala ; coord. Isabel Guimarães. - Lisoba : Papa-Letras- ISBN 978-989-8214-73-7

Peixoto e Rocha (2009) Metodologias de intervenção em terapia da fala I. Edições UFP

Peixoto, Rocha e Maia (2020) Metodologias de intervenção em terapia da fala II. Edições UFP

Owens (2014) Language disorders : a functional approach to assessment and intervention - 6th ed. - Boston : The Allyn & Bacon comunication sciences and disorders - ISBN 13: 978-0-13-292872-9. - ISBN 10: 0-13-297872-5

Owens (2018) Early language intervention for infants, toddlers and preschoolers. New York : The Pearson communication sciences and disorders series - ISBN 978-0-13-461890-6

Reed (2018) An introduction to children with language disorders,5ª ed. - New York :The Pearson communication sciences and disorders series - ISBN 978-0-13-382709-5

Paul, Norbury, Gosse (2018) Language disorders : from infancy through adolescence : listening, speaking, reading, writing and communicating / . - 5ª ed. - Missouri : Elsevier, ISBN 978-0-323-44234-3

Pereira, T., Jesus, Â.M., Maia, F., Ramalho, A.M. & Martins, A. (2023). Avaliação em Linguagem na Criança. In D.C. Alves, P. Correia, S. Cruz, J. Fonseca, S. Ibrahim, I. Lopes, M. Lousada, P. Oliveira & C. Pinto (Eds.), Compendium de Terapia da Fala – Avaliar e intervir com evidência (pp. 241-310). Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala. ISBN: 9789895392216

Maia, F., Jesus, Â.M., Martins, A., Pereira, T. & Ramalho, A.M. (2023). Intervenção em Linguagem na Criança. In D.C. Alves, P. Correia, S. Cruz, J. Fonseca, S. Ibrahim, I. Lopes, M. Lousada, P. Oliveira & C. Pinto (Eds.), Compendium de Terapia da Fala – Avaliar e intervir com evidência (pp. 781-889). Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala. ISBN: 9789895392216

Programa (2023/2024):

CP 1.Anatomofisiologia do Sistema nervoso; principais síndromes; doenças neurológicas CP 2.D. vascular cerebrail CP 3.D. inflamatórias e desmielinizantes CP4.D. neurodegenerativas do SNC CP5.Epilepsia CP 6.D. neuromusculares CP 7.Distúrbios da Comunicação Humana: Alterações Neuromotoras da Fala e da Linguagem CP 8.D. desenvolvimento 8.1.Noções de embriologia do SN 8.2.D. desenvolvimento e síndromes malformativos 8.3.Paralisia cerebral: conceito, causas, classificações, quadros clínicos, perturbações associadas CP9.Movimento e desenvolvimento sensório-motor 9.1.Relação entre desenvolvimento global e oro-motor (típico vs atípico) 9.2.Componentes do movimento, padrões de movimento e controlo postural 9.3.Movimento/funções/atividades CP10.Avaliação e intervenção nas Patologias Neuromotoras 10.1.Linhas orientadoras de atuação 10.2.Metodologias de avaliação e intervenção 10.3.Instrumentos e estratégias.

CP 1. Anatomophysiology of the nervous system; main syndromes; neurological diseases CP 2.D. cerebral vascular CP 3.D. inflammatory and demyelinating CP4.D. neurodegenerative disorders of the CNS CP5.Epilepsy CP 6.D. neuromuscular CP 7. Human Communication Disorders: Neuromotor Changes in Speech and Language CP 8.D. development 8.1.Notions of SN embryology 8.2.D. development and malformative syndromes 8.3. Cerebral palsy: concept, causes, classifications, clinical pictures, associated disorders CP9. Movement and sensorimotor development 9.1. Relationship between global and oral-motor development (typical vs atypical) 9.2. Movement components, patterns movement and postural control 9.3. Movement/functions/activities CP10. Assessment and intervention in Neuromotor Pathologies 10.1. Guidelines for action 10.2. Assessment and intervention methodologies 10.3. Instruments and strategies

Método de Ensino (2023/2024):

Aulas teóricas Metodologia predominantemente expositiva, mas com recurso à utilização de imagens e vídeos ilustrativos dos conceitos abordados. Apresentação, análise e discussão dos temas nas aulas, com orientação nas reflexões críticas e na pesquisa e leitura de bibliografia específica. Aulas teórico-práticas Metodologia expositiva e participativa, centrada na análise e discussão dos conteúdos do programa com desenvolvimento de dinâmicas práticas, estudo de casos e exploração de instrumentos. Orientação nas reflexões críticas e análise de situações específicas (apoio em registos videográficos). Experimentação de técnicas específicas em dinâmicas desenvolvidas em pequeno grupo.

Theoretical classes Predominantly expository methodology, but using images and videos illustrating the concepts covered. Presentation, analysis and discussion of topics in classes, with guidance on critical reflections and research and reading of specific bibliography. Theoretical-practical classes Expository and participatory methodology, focused on the analysis and discussion of the program contents with the development of practical dynamics, case studies and exploration of instruments. Guidance in critical reflections and analysis of specific situations (support with video recordings). Experimentation with specific techniques in dynamics developed in a small group.

Método de Avaliação (2023/2024):

Componente Teórica (50%) - 1 frequência escrita (30%) e apresentação de tema ou trabalho escrito individual (20%)

Componente Teórico-prática (50%) - frequência escrita TP1 (15%), frequência escrita TP2 (20%) e participação e envolvimento nas dinâmicas em aula (15%)

Theoretical Component (50%) - 1 written test (30%) and presentation of a topic or individual written work (20%)

Theoretical-practical component (50%) - written frequency TP1 (15%), written frequency TP2 (20%) and participation and involvement in class dynamics (15%)

Bibliografia (2023/2024):

1.Vanderah T. and Gould D.J. (2020) Nolte's The Human Brain: An Introduction to its Functional Anatomy, 8th ed. Elsevier.

2. Sá, M.J. (Coord.). Neurologia Clínica. Compreender as Doenças Neurológicas. 2ª edição. Ed. UFP, 2014.

3. Ropper AH, Brown RH (2023). Adams and Victor’s Principles of Neurology, 12th ed. McGraw-Hill.

4.Maia, F. & Nunes, H. A abordagem terapêutica em Paralisia cerebral, in Peixoto, V. & Rocha, J. Metodologias de intervenção em Terapia da fala, 1º volume. Ed. UFP, 2009.

5. Finnie, N. O Manuseio em Casa da Criança com Paralisia Cerebral. 3ª edição. São Paulo: Manole,2000.

6.Owens JR, R.E. (2018). Early language intervention for infants, toddlers and preschoolers. New York: Pearson. - ISBN 978-0-13-461890-6.

Programa (2023/2024):

No final da unidade curricular o estudante deverá ser capaz de:

OA1 - Conhecer as principais patologias do foro da Otorrinolaringologia, etiologia, tratamento médico e suas implicações na voz, na mastigação e na deglutição;

OA2 - Integrar conhecimentos de base anatómica, fisiológica e clínica para a compreensão da fisiopatologia de doenças do foro da Otorrinolaringologia para uma participação ativa em equipas multidisciplinares envolvidas no diagnóstico, tratamento e reabilitação de patologia vocal e da deglutição.

Conteúdos teóricos:

CP1. Disfunções vocais por excesso de tensão em crianças e adultos

CP2. Nódulos, pólipos e outras lesões minor e benignas da laringe

CP3. Disfunções vocais de natureza psíquica

CP4. Disfonia espasmódica

CP5. Patologias que causam voz rouca e esforçada

CP6. Paralisias de pregas vocais.

CP7. Patologias que condicionam trémulo vocal

CP8. Entidades clínicas que condicionam perturbações da motricidade oro facial

CP9. Disfagia. Conceito, causas e avaliação clínica.

CP10. Perturbações da deglutição e da fonação associadas a patologias oncológicas cérvico faciais

CP11. Perturbações vocais associadas a cirurgias parciais da laringe;

CP12. Perturbações vocais associadas a cirurgia radical da laringe;

Conteúdos teórico-práticos:

CP13. Anatomofisiologia da produção da voz e da deglutição;

CP14. Saúde vocal - educação e promoção;

CP15. Características vocais gerais (classificação do intensidade, frequência, duração e qualidade vocal);

CP16. Características vocais em condições especiais, na criança, no adulto e no idoso: lesões benignas, disfunção vocal de natureza psíquica, voz no idoso, voz espasmódica, voz nas doenças neurológicas, disfunção vocal por tensão, disfonia por paralisia das PV;

CP17. Motricidade orofacial, voz e deglutição na patologia oncológica de cabeça e pescoço: impacto da traqueostomia, avaliação e intervenção, cancro da região oral, orofaringe e nasofaringe e suas implicações nas funções orofaciais, cancro da laringe e hipofaringe e suas implicações nas funções orofaciais;

CP18. Métodos de reabilitação vocal em doentes laringectomizados: laringe artificial, voz esofágica e voz traqueoesofágica.

At the end of the curricular unit the student should be able to:

LO1 - Know the main pathologies of the field of Otorhinolaryngology, aetiology, medical treatment, and their implications on voice, chewing and swallowing.

LO2 - Integrate basic anatomical, physiological, and clinical knowledge to understand the pathophysiology of diseases in the field of Otorhinolaryngology for an active participation in multidisciplinary teams involved in the diagnosis, treatment, and rehabilitation of vocal and swallowing perturbations.

Theoretical contents:

PC1. Vocal disorders due to excessive tension in children and adults;

PC2. Nodules, polyps, and other minor benign lesions of the larynx;

PC3. Vocal disorders of a psychic origin;

PC4. Spasmodic dysphonia;

PC5. Pathologies that cause a hoarse and strained voice;

Pc6. Vocal fold paralysis;

Pc7. Vocal tremulous in several pathologies;

PC8. Clinical entities that condition orofacial motricity disorders

PC9. Dysphagia. Concept and clinical evaluation.

Pc10. Deglutition and phonation disorders associated with cervico facial oncologic diseases;

PC11. Vocal disturbances associated with partial laryngeal surgeries

CP12. Vocal disturbances associated with radical larynx surgery

Theoretical-practical contents:

PC13. Anatomophysiology of voice production and swallowing;

PC14. Vocal health - education and promotion;

PC15. General vocal characteristics (intensity, frequency, duration and quality of voice classification);

PC16. Vocal characteristics in special conditions, in children, adults and in the elderly: benign lesions, vocal dysfunction of a psychic nature, voice in the elderly, vocal dysfunction due to tension, dysphonia due to vocal fold paralysis;

PC17. Orofacial motricity, voice and swallowing in head and neck cancer: impact of tracheostomy, assessment and intervention, oral, oropharyngeal and nasopharyngeal cancer and its impact in orofacial functions, laryngeal and hypopharyngeal cancer and its impact in orofacial functions;

PC18. Vocal rehabilitation methods in laryngectomized patients: artificial larynx, esophageal speech, and tracheoesophageal speech.

Método de Ensino (2023/2024):

Aulas teóricas e teórico-práticas centradas na exposição e discussão, sendo a sua exposição acompanhada de imagens que ilustrem de modo mais realista alguns dos contextos abordados, dando ênfase à condução do raciocínio clínico. É incentivado o processo de diálogo. Análise de casos clínicos; Situações de role-play.

Theoretical and theoretical-practical classes, focused on exposition and discussion, accompanies by images that illustrate the subjects more realistically, emphasizing the clinical thinking. The dialogue process is encouraged. Case analysis; Role-play situations.

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação:

Época normal - Avaliação Distribuída

TEO: 2 Testes escritos (50%+50%)

TPRA: 2 Testes escritos (50%+50%)

Nota final: Média da nota de aprovação a ambas as componentes TEO e TPRA.

Época Recurso

- Exame (100%)

Assessment:

Normal season - Distributed Evaluation

TEO: 2 Written tests (50% + 50%)

TPRA: 2 Written tests (50%+50%)

Final Note: Average notes (positive approvals) for both TP and P components

Final Season

- Written Exam (100%)

Bibliografia (2023/2024):

Watts, C. R., & Awan, S. N. (2019). Laryngeal function and voice disorders: basic science to clinical practice. Thieme.

Mendes, A., Guerreiro, D., Simões, M., & Moreira, M. (2013). Fisiologia da técnica vocal. Loures: Lusociência.

Patel RR, Awan SN, Barkmeier-Kraemer J, Courey M, Deliyski D, Eadie T, Paul D, Švec JG, Hillman R. Recommended Protocols for Instrumental Assessment of Voice: American Speech-Language-Hearing Association Expert Panel to Develop a Protocol for Instrumental Assessment of Vocal Function. Am J Speech Lang Pathol. 2018 Aug 6;27(3):887-905. doi: 10.1044/2018_AJSLP-17-0009. PMID: 29955816.

Logemann JA (1998). Evaluation and treatment of swallowing disorders (2nd Ed.). Austin, TX: Pro-Ed.

Programa (2023/2024):

I. A Comunicação e os Processos Interpessoais

A. Introdução à Psicologia da Comunicação
- Conceitos básicos de comunicação
- Barreiras à comunicação eficaz
- O problema das funções
- Função referencial
- Função interpessoal e expressiva
- Função de auto e heterorregulação e de verificação
- Função de coordenação das sequências interativas
- Função de meta-comunicação

B. Os Modelos da Comunicação
- As origens do estudo da comunicação
- Modelos e teorias da comunicação:
.Teoria comportamental
.Teoria emocional
.Teoria psicossocial
- A cultura, a personalidade, a percepção, as relações de poder e a linguagem
- Uso com finalidade positiva (construção de relações saudáveis)
- Uso com finalidade negativa (o bullying ou a discriminação)
- A comunicação persuasiva
- A comunicação eficaz
- O processo de influência
- Os erros de comunicação

C. Relações Interpessoais na Saúde
- Teorias de relações interpessoais
- A construção neuropsicofisiológica da empatia
- A empatia e sua importância no atendimento ao paciente

D. Comunicação Não-Verbal
- Expressão facial emocional e a sua interpretação
- O triângulo Cérebro-Face-Emoção
- A função da escuta activa

E. Gestão de conflitos
- Estratégias de resolução
- Comunicação assertiva

F. A neuropsicofisiologia da dor e da doença
- Impacto emocional da dor e da doença
- Estratégias de suporte psicológico

G. A Comunicação e a Tecnologia
- A influência da tecnologia na comunicação
- As novas tipologias de comunicação
- As consequências da tecnologia na comunicação
- Redes sociais e a internet
- As implicações e aplicações em contexto psicossocial

II. A Comunicação, as Relações Interpessoais e a Mensuração

H. As Técnicas e os Instrumentos de Mensuração da Comunicação Verbal e não Verbal
-F-M Facial Action Coding System 5.0 (F-M FACS 5.0, 2023)
-F-M Facial Intelligence Coding System 2.0 (F-M FICS 2.0, 2022)
-F-M EmoFACS 5.0 (F-M EF 5.0, 2023)
-F-M VoiceFACS 5.0 (F-M VF 5.0, 2023)
-F-M Emo Test (F-M ET, 2023)
-F-M Periodic Table of Eight Basic Emotions 5.0 (F-M PTEBE5, 2023)
- F-MSP Periodic Table of Eight Social Emotions 5.0 (F-MSP PTESE5, 2023)

Método de Ensino (2023/2024):

A metodologia de ensino incluirá exposição teórica, pesquisa, leitura e discussão de bibliografia específica bem como debates temáticos e reflexões críticas. A avaliação será contínua, baseando-se na execução de uma frequência, de um trabalho prático, na apresentação e discussão oral desse trabalho.

Método de Avaliação (2023/2024):

Frequência (FR) - 60%

Trabalho Prático (TP), apresentação e defesa - 40%

Bibliografia (2023/2024):

Manual da UC:

Freitas-Magalhães, A. (2024). A psicologia da comunicação e das relações interpessoais: o cérebro, a face e a emoção. Porto: FEELab Science Books.

Outras referências:

Freitas-Magalhães, A. (2024). O cérebro, a face e a emoção em medicina: fundamentos, implicações e aplicações da comunicação humana usando o F-M FACS 5.0. Porto: FEELab Science Books.

Freitas-Magalhães, A. (2023). Mapas faciais da dor: a nova cartografia. Porto: FEELab Science Books.

Freitas-Magalhães, A. (2023).A psicologia da comunicação: o cérebro, a face, a emoção e e a sociedade. Porto: FEELab Science Books.

Freitas-Magalhães, A. (2023). Mapas faciais da emoção social: a nova cartografia. Porto: FEELab Science Books.

Freitas-Magalhães, A. (2023). Facial Action Coding System 5.0: manual de codificação científica da face humana. Porto: FEELab Science Books.

Freitas-Magalhães, A. (2020, 30ª ed.).Cérebro facial: o maestro da emoção. Porto: FEELab Science Books.

Freitas-Magalhães, A. (2022). Inteligência facial 2.0. Porto: FEELab Science Books.

Freitas-Magalhães, A. (2022). Facial Intelligence Coding System 2.0: manual de codificação científica da inteligência facial. Porto: FEELab Science Books.

Freitas-Magalhães, A. (2022). Mapas faciais da emoção: a nova cartografia. Porto: FEELab Science Books.

Freitas-Magalhães, A. (2022). A história da face: origem, evolução e função. Porto: FEELab Science Books.

Freitas-Magalhães, A. (2022, 30ª ed.).Cérebro 4.0: a face, a emoção e o sentimento. Porto: FEELab Science Books.

Freitas-Magalhães, A. (2019). A neurociência da face humana: o cérebro e a emoção. Porto: FEELab Science Books.

Henry, Z. (2022). The psychology of human behavior: fundamentals of human behavior, emotions, social Approach, and communication levels with deep Analysis. Vas Publishing LLC.

Pereira, S. & Freitas-Magalhães, A. (2024). A neuropsicofisiologia das emoções sociais: estudo neurocultural e a identificação da prototipagem em tabela periódica com recurso ao F-M FACS 5.0. Porto: FEELab Science Books.

UNIDADES CURRICULARES ECTS

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes)

OA1 - Definir as perturbações da linguagem e comunicação no adulto: afasia, disartria, apraxia da fala e perturbações cognitivo-comunicativas.
OA2 - Reconhecer os parâmetros, processos e contextos de avaliação (formal e informal) da linguagem e comunicação no adulto, e fazer o diagnóstico diferencial.
OA3 - Dominar as principais abordagens e estratégias de intervenção em perturbações da linguagem e comunicação no adulto.

Learning Outcomes

LO1- Define communication and language disorders in adults: aphasia, dysarthria, apraxia of speech and communication-cognitive disorders.

LO2- Recognize the assessment areas, assessment procedures and assessment types (formal/informal) of language and communication in adults. To establish a differential diagnosis.

LO3 - Master the main intervention approaches and strategies in language and communication disorders in adults.

Conteúdos programáticos

CP1-Afasia

1.1.-Definição e terminologia

1.2.-Etiologia e epidemiologia

1.3.-Avaliação

1.4.-Intervenção

1.5.-Estudos de caso

CP2-Perturbações motoras da fala: disartria e apraxia da fala

2.1.-Definição e terminologia

2.2.-Etiologia e epidemiologia

2.3.-Avaliação

2.4.-Intervenção

2.5.-Estudos de caso

CP3-Perturbações cognitivo-comunicativas

3.1.-Definição e terminologia

3.2.-Etiologia e epidemiologia

3.3.-Avaliação

3.4.-Intervenção

3.5.-Estudos de caso

Programmatic contents

CP1 - Aphasia

1.1. Definition and terminology

1.2. Ethiology and epidemiology

1.3. Assessment

1.4. Speach-Language treatment

1.5. Case studies

CP2 - Speech motor-based disorders: dysarthria and apraxia of speech

2.1. Definition and terminology

2.2. Ethiology and epidemiology

2.3. Assessment

2.4. Speech-language treatment

2.5. Case studies

CP3 - Communication-cognitive disorders

3.1. Definition and terminology

3.2. Ethiology and epidemiology

3.3. Assessment

3.4. Speech-language intervention

3.5. Case studies

Demonstração da coerência dos conteúdos programáticos com os objetivos de aprendizagem da unidade curricular

Os conteúdos programáticos (CP) foram delineados em função dos objetivos de aprendizagem (OA) da unidade curricular:

CP1.1. corresponde ao OA1

CP1.2. corresponde ao OA1

CP1.3. corresponde ao OA2

CP1.4. corresponde ao OA3

CP1.5. corresponde ao AO 2 e 3

CP2.1. corresponde ao OA1

CP2.2. corresponde ao OA1

CP2.3. corresponde ao OA2

CP2.4. corresponde ao OA3

CP2.5. corresponde ao AO 2 e 3

CP3.1. corresponde ao OA1

CP3.2. corresponde ao OA1

CP3.3. corresponde ao OA2

CP3.4. corresponde ao OA3

CP3.5. corresponde ao AO 2 e 3

No CP1 serão abordados os construtos relacionados com a afasia.

No CP2 serão abordados os construtos relacionados com as perturbações motoras da fala, nomeadamente as disartrias e a apraxia da fala.

No CP3 serão abordados os construtos relacionados com perturbações cognitivo-comunicativas.

Demonstration of the syllabus coherence with the curricular unit's objectives.

This course was designed with reference to the development of basic knowledge and skills in the field of language and communication disorders in adults.

CP1.1. - LO1

CP1.2. - LO1

CP1.3. - LA2

CP1.4. - LA3

CP1.5. - LO 2 and LO3

CP2.1. - LO1

CP2.2. - LOA1

CP2.3. - LO2

CP2.4. - LO3

CP2.5. LO2 and LO3

CP3.1. LO1

CP3.2. - LO1

CP3.3. - LO2

CP3.4. - LO3

CP3.5. - LO2 and LO3

CP1 will address theoretical constructs related to aphasia.

CP2 will address theoretical constructs related to speech motor disorders, namely dysarthria and apraxia of speech.

CP3 will address theoretical constructs related to communication-cognitive disorders in adults.

Demonstração da coerência das metodologias de ensino com os objetivos de aprendizagem da unidade curricular.

A unidade curricular constituída por aulas teórico-práticas. Desta forma, a exposição das teorias e conceitos chave da linguagem e comunicação no adulto terão sempre a participação e análise crítica por parte dos estudantes, acompanhadas de exercícios de consolidação.

A verificação do entendimento dos mesmos conceitos ocorrerá com recurso ao método interrogativo. O desenvolvimento dos conhecimentos e das competências desta unidade curricular será efetuado através da realização de trabalhos práticos (e.g. estudos de caso, role-play), exercícios em sala de aula e em trabalho autónomo de pesquisa e aplicação das competências adquiridas.

Demonstration of the syllabus coherence with the curricular unit's objectives.

The curricular unit consists of theoretical and practical classes. Thus, the explanation of theories and key concepts related to language and communication in adults will be associated to students' critical analysis and participation and supporting exercises.

Students will prove their knowledge acquisition through question solving. Knowledge and skills development will be supported by the ellaboration of practical essays (e.g., case studies, role-play), classroom exercises and autonomous research work and aplication of acquired skills.

Método de Ensino (2022/2023):

Aulas teórico-práticas:

- Apresentação dos conteúdos programáticos com recurso a projeções, explicações no quadro, exemplificações, vídeos e áudios.

- Resumo e discussão de artigos científicos.

- Elaboração de pequenos exercícios nas aulas, esclarecimento de dúvidas e role-plays.

Método de Avaliação (2023/2024):

Época normal - Avaliação distribuída: 2 testes escritos (45%+45%) e participação em sala de aula (10%)

Época de final de semestre - Exame (100%)

Época de recurso – Exame (100%)

Continued assessment - 2 written tests (45%+45%) and participation (10%)

Exam at the end of term - 1 exam (100%)

Final exam - 1 exam (100%)

Bibliografia (2022/2023):

Roth, P., Worthington, C. (2016). Treatment resource manual for speech-language pathology, 5th ed. - USA : Cengage Learning.

Duffy, J. (2005). Motor speech disorders : substrates, differencial diagnosis and management, 2nd ed. - St. Louis : Elsevier, Mosby.

Chapey, R. (Ed.). (2008). Language intervention strategies in aphasia and related neurogenic communication disorders. 5th ed. Philadelphia: Lippincott Williams & Wilkins.

Fonsenca, J. (Org). Afasia e comunicação após lesão cerebral. Lisboa : Papa-Letras

SPTF (Org). Dicionário terminológico de terapia da fala. Lisoba: Papa-Letras.

Programa (2022/2023):

Competências/Resultados da Aprendizagem

As principais competências a adquirir nesta fase inicial de estágio são:

  1. Demonstrar, por escrito e oralmente, evidência de raciocínio clínico na análise e integração de dados sobre perturbações da comunicação, linguagem (oral e escrita), fala (articulação e voz) e outras perturbações oro-motoras (deglutição, mastigação, respiração);
  2. Identificar informação relevante em cada consulta observada, estruturando-a nas etapas/fases do raciocínio clínico, nomeadamente a recolha de dados de anamnese, a implementação de protocolos/testes de avaliação e a identificação de objetivos de intervenção;
  3. Construir folhas de registo da recolha de dados para todos os casos observados, justificando os itens incluídos;
  4. Dominar conhecimentos relativos à avaliação, diagnóstico e intervenção na área clínica de perturbações da comunicação, linguagem (oral e escrita), fala (articulação e voz) e outras perturbações oro-motoras (deglutição, mastigação, respiração), para elaborar um estudo de caso reflexivo suportado num dos observados ao longo do estágio.
  5. Conhecer diferentes contextos de atuação do terapeuta da fala, trabalho de equipa e realidades institucionais.

Conteúdos Programáticos

  • Construção de folha de registo da informação observada.
  • Observação e recolha de informação acerca de diferentes momentos do processo terapêutico, com diferentes patologias e em diferentes contextos de atuação.
  • Análise e discussão clínica acerca do que foi observado em situações reais.
  • Elaboração de um estudo de caso, com o registo e análise dos dados observados, assim como pesquisa relacionada.

Método de Ensino (2022/2023):

O estágio de integração é fundamentado numa metodologia de problem based learning. Os estudantes deslocam-se a diferentes instituições, lidam com diferentes profissionais (terapeutas da fala e colegas de equipa) e diferentes patologias. Com base neste momento de observação, e com a orientação do docente, o estudante é guiado na identificação do problema, fundamentando depois as propostas de intervenção na pesquisa e discussão clínica que fazem com os colegas, mediada pelo docente. Assim, são usadas estratégias como: ensino colaborativo; elaboração de trabalhos; discussão em pequeno e grande grupo; estudo de caso; expositivo; aprendizagem autodirigida.

Método de Avaliação (2022/2023):

Sistema de Avaliação

No final do estágio a docente da unidade curricular fará uma breve reunião com os terapeutas da fala das instituições parceiras, da qual deverá resultar um parecer quantitativo (GRELHA DE AVALIAÇÃO) com ponderação de 20%. Será realizado um portfólio ao longo do semestre onde se reúnem todos os relatórios de observação (50%) e entrega de um trabalho escrito de um estudo de caso (30%), a serem avaliados pelo docente supervisor da ESS-FP.

Bibliografia (2022/2023):

  1. Paul, R. (2007) Introduction to clinical methods in communication disorders Baltimore: Paul H. Brooks Publishing
  2. Shipley, K.; McAfee, K. (2004) Assessment in speech-language pathology: a resource manual.Clifton Park : Delmar Learning
  3. Dwight, D. (2015). Here's how to do therapy: hands-on core skills in speech-language pathology. 2nd ed. San Diego: Plural Publishing.
  4. Kenneth G. Shipley, J. McAfee (2004). Assessment in speech-language pathology: a resource manual. 3ª ed. - Clifton Park: Delmar Learning, 28 cm + 1 CD-ROM

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes):
O1. Definir conceitos associados à fluência e suas perturbações
O2. Identificar fatores etiológicos
O3. Descrever as teorias que baseiam o aparecimento da gaguez
O4. Capacidade para planear e conduzir avaliação de um caso relacionado com a área de atuação da fluência
O5. Distinguir gaguez e disfluência normal do desenvolvimento
O6. Demonstrar e explicar os métodos de intervenção terapêutica
O7. Identificar as características da taquifémia e da gaguez neurológica
O8. Saber pesquisar, analisar e apresentar um artigo original dentro do âmbito da unidade curricular
O9. Conhecer e saber apresentar o conteúdo das linhas orientadoras clínicas mais recentes no âmbito da fluência
Learning outcomes of the curricular unit:
LO1. Define concepts associated with fluency and its disorders
LO2. Identify the etiological factors
LO3. Describe the theories underlying the onset of stuttering
LO4. Hability to plan and conduct assessment of fluency
LO5. Distinguish between stuttering and normal developmental disfluency
LO6. Demonstrate and explain therapeutic intervention methods
LO7. Identify the characteristics of cluttering and neurological stuttering
LO8. Hability to search, analyse and present an original article within the scope of the curricular unit
LO9. To know and Present the content of the most recent clinical guidelines

Conteúdos programáticos:
CP1. Introdução à fluência verbal: terminologia
CP2. Natureza da gaguez: fatores etiológicos, teorias fundamentais
CP3. Avaliação e diagnósticos diferenciais
CP4. Intervenção terapêutica: criança em idade pré-escolar e idade escolar; adolescente e adulto
CP5. Outras perturbações relacionadas: taquifémia; gaguez neurológica
CP6. Investigação em gaguez: o estado da arte; linhas orientadoras clínicas
Syllabus:
PC1. Introduction to verbal fluency: terminology
PC2. Nature of stuttering: etiological factors, fundamental theories
PC3. Assessment and differential diagnosis
PC4. Therapeutic treatment: preschool and school-age children; adolescents and adults
PC5. Other related disorders: cluttering; neurological stuttering
PC6. Research in stuttering: the state of the art; clinical guidelines

Método de Ensino (2023/2024):

Métodos: expositivo, interrogativo, demonstrativo, ativo
Methods: expositive, interrogative, demonstrative, active

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação: a componente teórico-prática será avaliada através de um teste escrito (100%); a componente de prática
laboratorial será avaliada através da apresentação e defesa de um texto de natureza científica (100%).

Evaluation: the theoretical-practical component will be assessed by a written test (100%); the laboratory practice
component will be evaluated by the presentation and defense of a scientific text (100%).

Bibliografia (2023/2024):

Compendium de terapia da fala : avaliar e intervir com evidência / Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala (SPTF) ; ed. Dina Alves... [et al.]. - Lisboa : SPTF, 2023.
Stuttering : an integrated approach to its nature and treatment / Barry Guitar. - 4th ed. - Philadelphia : Wolters Klumer, Lippincott Williams & Wilkins, 2014.

Programa (2023/2024):

Objetivos

O1. Conhecer e dominar diversos instrumentos de avaliação e programas de intervenção na área das patologias da comunicação e linguagem no adulto;

O2. Desenvolver a capacidade de analisar e sintetizar diferentes abordagens no domínio da intervenção nas patologias da comunicação e linguagem no adulto;

O3. Ser capaz de pesquisar, analisar e selecionar o programa de intervenção mais adequado perante um caso clínico na área das patologias da comunicação e linguagem no adulto;

O4. Saber criar/usar adequadamente materiais diversos para intervenção a nível das perturbações da comunicação e linguagem no adulto.

O5. Desenvolver competências críticas e autocríticas no que respeita à seleção de respostas clínicas na área das patologias da comunicação e linguagem no adulto;

O6. Desenvolver competências instrumentais linguísticas no sentido de comunicar oralmente e por escrito o seu raciocínio clínico na tomada de decisões terapêuticas.

Conteúdos programáticos:

CP1. Instrumentos de rastreio e/ou avaliação de perturbações da comunicação e/ou linguagem no adulto: Mini-Mental State Examination (MMSE); Bateria de Avaliação da Afasia de Lisboa (BAAL); Provas de Avaliação da Linguagem e da Afasia em Português (PALPA-P); Teste Snodgrass & Vanderwart; Teste de Nomeação de Armstrong; Avaliação Clínica da Deglutição.

CP2. Diferentes abordagens de intervenção dirigidas a adultos com perturbações da comunicação e/ou linguagem, com evidência moderada ou forte: Lee Silverman Voice Treatment (LSVT); Trato Vocal Semi-Ocluído (SOVT); Prompt for Restructuring Oral Muscular Phonetic (PROMPT); Método Modificação da Gaguez e Método Moldagem da Fluência; Terapia Assistida por Animais; Processamento Auditivo Central (PAC).

CP3. Pesquisa de diferentes programas de intervenção de acordo com os estudos de caso.

Learning outcomes

LO1. To know and dominate several evaluation instruments and intervention programs in the area of communication and language pathologies in adults;

LO2. To develop the ability to analyse and synthesize different approaches in the area of intervention in communication and language pathologies in the adult

LO3. To be able to research, analyse and select the most appropriate intervention program for a clinical case in the area of pathologies of communication and language in adults;

LO4. To know how to create/use appropriately several materials for intervention in communication and language disorders in adults.

LO5. To develop critical and self-critical competences regarding the selection of clinical responses in the area of communication and language disorders in adults;

LO6. To develop instrumental linguistic competences in order to communicate orally and in writing their clinical reasoning in therapeutic decision making.

Syllabus

CP1. Different intervention approaches targeting adults with moderate or strong evidence of communication and/or language disorders: Lee Silverman Voice Treatment (LSVT); Semi-Oclosed Vocal Tract (SOVT); Prompt for Restructuring Oral Muscular Phonetic (PROMPT); Melodic Intonation Method; Schuell Stimulation Method; Constraint-induced Language Therapy; Stuttering Modification Method and Fluency Shaping Method; Animal Assisted Therapy; Central Auditory Processing (CAP).

CP2. Research of different intervention programs according to the case studies.

Método de Ensino (2023/2024):

As aulas teórico-práticas são centradas na exposição e discussão dos conteúdos do programa CP1, e as aulas práticas na resolução de casos práticos CP2.

É dada relevância à formulação de problemas clínicos e análise de diferentes possibilidades de resposta, partindo de casos reais (vídeos ou casos da clínica pedagógica), recorrendo, então, a uma metodologia de problem-based learning.

É incentivado o processo de pesquisa orientada e diálogo.

Recorre-se também à apresentação dos conteúdos programáticos com recurso a projeções, explicações no quadro, exemplificações, casos clínicos em vídeo e observação de casos reais da clínica pedagógica de terapia da fala da ESS-FP.

Realizam-se situações de rol-play na prática de estratégias específicas de intervenção.

The theoretical-practical classes are focused on the exposition and discussion of the contents of the syllabus CP1, and the practical classes on the resolution of practical cases CP2.

Relevance is given to the formulation of clinical problems and analysis of different response possibilities, starting from real cases (videos or cases from the teaching clinic), using a problem-based learning methodology.

The process of guided research and dialogue is encouraged.

The syllabus is also presented using projections, explanations on the blackboard, examples, clinical cases on video and observation of real cases from ESS-FP's pedagogical speech therapy clinic.

Role-play situations are carried out in the practice of specific strategies of intervention.

Método de Avaliação (2023/2024):

Apresentação de trabalho individual (30%);

Participação assertiva em sala de aula (20%);

Teste escrito (50%)

Presentation of individual work (30%);

Assertive participation in class (20%);

Written test (50%)

Bibliografia (2023/2024):

Boone, D. R., McFarlane, S. C., Von Berg, S. L., & Zraick, R. I. (2020). The voice and voice therapy. Pearson.

Fonseca, J. (2018). Afasia e comunicação após lesão cerebral: definição, classificação e reabilitação. Papa-letras: Lisboa

Guitar, B. (2019). Stuttering - An Integrated Approach to its Nature and Treatment. Philadelphia: Wolters Kluwer

SPTF (2020). Dicionário Terminológico de Terapia da Fala. Lisboa: Papa-Letras.

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes)
Versão em Português

OA1. Identificar e descrever as diferentes estruturas e funções do sistema estomatognático (mastigação, sucção, deglutição, fala e respiração);

OA2. Compreender o processo de evolução das funções estomatognáticas;

OA3. Conhecer as alterações ao funcionamento normal do sistema estomatognático;

OA4. Recolher, seleccionar e interpretar os dados da avaliação do sistema estomatognático;

OA5. Planear a intervenção terapêutica em cada uma das perturbações abordadas.

Versão em Inglês
LG1. To identify and to describe the several structures and functions of the stomatognatic system (chewing, swallowing, speech and respiration);

LG2. To understand the evolution process of the stomatognatic functions;

LG3. To know the disorders of the normal functioning of the stomatognatic system;

LG4. To gather, select and interpret the assessment data of the stomatognatic system;

LG5. To plan the therapeutical intervention for each of the disorders.

Conteúdos programáticos
Versão em Português

CP1. Sistema estomatognático e suas funções: mastigação, sucção, deglutição, fala (articulação) e respiração. Anatomia e fisiologia. Desenvolvimento e crescimento craniofacial.

CP2. Funções estomatognáticas e suas alterações. Modificações estruturais e/ou miofuncionais. Classificações nosológicas nas áreas da motricidade orofacial e deglutição.

CP3. Anamnese e Avaliação clínica e instrumental da motricidade orofacial e deglutição. Anamnese e avaliação em utentes com clínica especial (prematuridade, alterações sindrómicas, fendas lábio-palatinas, cancro de cabeça e pescoço). Exploração de protocolos.

CP4. Intervenção Terapêutica nas perturbações da motricidade orofacial e deglutição. Intervenção terapêutica em crianças com clínica especial. Estratégias compensatórias e técnicas terapêuticas (técnicas de estimulação sensório-motoras orais, estratégias compensatórias, progressão do desenvolvimento de habilidades, terapia reguladora orofacial).

Versão em Inglês

PC1. Stomatognathic system and its functions: chewing, sucking, swallowing, speech (articulation) and breathing. Anatomy and physiology. Development and craniofacial growth.

PC2. Stomatognathic functions, and disorders. Structural and/or myofunctional changes. Nosological classification in orofacial motricity and deglutition areas.

PC3. Clinical history and clinical and instrumental assessment of orofacial motricity and deglutition. Anamnesis and assessment used with special clinic (prematurity, syndromic changes, cleft lip and palate, head and neck cancer). Exploration of protocols.

PC4. Therapeutic intervention in disorders of the orofacial motricity and deglutition. Therapeutic intervention in children with special clinic. Compensatory strategies and therapeutic techniques (techniques of oral sensorimotor stimulation, compensatory strategies, progression of skill development, regulatory orofacial therapy).

Demonstração da coerência dos conteúdos programáticos com os objetivos de aprendizagem da unidade curricular
Versão em Português

Os conteúdos programáticos (CP) foram delineados em função dos objetivos de aprendizagem (OA) da unidade curricular. Assim,

CP1 corresponde ao OA1.

CP2 corresponde ao OA2.

CP3 corresponde ao OA3.

CP4 corresponde ao OA4.

O CP1 incide sobre conhecimentos e capacidade de compreensão sobre as diferentes funções estomatognáticas.

O CP2 incide sobre conhecimentos acerca dos diferentes quadros (clínicos) com perturbação das funções estomatognáticas.

O CP3 incide sobre conhecimentos e capacidade de compreensão sobre as diferentes formas de avaliação das funções estomatognáticas.

O CP4 incide sobre conhecimentos e capacidade de compreensão sobre as diferentes metodologias de intervenção nas funções estomatognáticas.

Versão em Inglês

The programmatic contents (PC) were delineated in terms of Learning Goals (LG) of the course. So,

PC1 corresponds to LG1

PC2 corresponds to LG2

PC3 corresponds to LG3

PC4 corresponds to LG4

CP1 focus on the knowledge and ability to understand about the different stomatognathic functions.

The CP2 focus on the knowledge about the different (clinical) cases with disorders of the stomatognathic functions.

The CP3 focus on the knowledge and ability to understand the different assessment methods of the stomatognathic functions.

The CP4 focus on the knowledge and ability to understand about different methods of intervention in stomatognathic functions.

Método de Ensino (2023/2024):

Versão em Português

Aulas teóricas

a) Metodologia expositiva e demonstrativa

b) Metodologia ativa e colaborativa, análise e discussão, resolução de problemas e brainstorming, orientação da pesquisa e leitura de bibliografia especializada com resumo-síntese e discussão de artigos científicos.

c) Prática baseada em evidência

Aulas práticas

d) Metodologia participativa/ativa e colaborativa, através da aprendizagem baseada na resolução de problemas com desenvolvimento de dinâmicas práticas em grupo e estudo de casos. Orientação na pesquisa científica, nas reflexões críticas e análise de situações específicas.

Avaliação:

Época normal:

A nota final da UC resulta da média ponderada nos seguintes termos:

- Dinâmicas em pequeno grupo - 10%

- Prova escrita - 50%

- Análise de estudo de caso e apresentação - 30%

- Assistência aulas, participação ativa na aula e em seminários, conferências, congressos - 10%

Época Recurso: Exame (100%)

Versão em Inglês

Theoretical

A) Expositive methodology with the presentation of programmatic contents

B) Active and collaborative methodology, analysis and discussion, problem-solving in small groups, oral presentation, brainstorming, the orientation of the research, and reading of specialized bibliography with summary and synthesis and discussion of scientific articles.

C) Evidence-based practice

Practical

D) Participatory/active and collaborative methodology, through a practice based on learning with the development of practical dynamic groups, case-study. Guidance in critical reflections and analysis of specific situations.

Evaluation: Normal Season

The final grade results from the weighted average in the following terms:

- Small group dynamics - 20%

- Writing test - 30%

- Report case analysis and presentation 40%

- Classes attendance, active participation in classes and in seminars, conferences, congresses - 10%

Season Resort: Exam (100%)

Demonstração da coerência das metodologias de ensino com os objetivos de aprendizagem da unidade curricular
Versão em Português

A metodologia utilizada nas aulas teóricas permite obter junto dos alunos um aprofundamento de conhecimentos, bem como uma maior compreensão e capacidade de discussão sobre os conteúdos abordados, facilitando o relacionamento da pertinência dos mesmos para a atuação do terapeuta da fala, promovendo a integração de conceitos, capacidade de pesquisa, análise e reflexão crítica.

Com as aulas práticas, nas quais a metodologia seguida assume um caráter mais participativo (com o desenvolvimento de dinâmicas práticas e estudo de casos, orientação nas reflexões críticas e análise de situações-problema), pretende-se proporcionar a possibilidade de aplicação de conhecimentos em dinâmicas práticas desenvolvidas ao longo das aulas, promovendo o desenvolvimento de competências relacionadas com a construção de um raciocínio adequado e refletido, com ligação à prática profissional.

Deste modo, considera-se que as metodologias de ensino adotadas para esta unidade curricular são coerentes com os objetivos definidos para a mesma, uma vez que permitem um aprofundamento de conhecimentos, fomentam o relacionamento de conceitos, a capacidade de análise, discussão e reflexão, com estabelecimento de ligação dos conteúdos abordados e da sua pertinência à prática profissional do Terapeuta da Fala.

OA1, OA2 e OA3 Metodologia a), b) e c); Avaliação - dinâmicas em pequeno grupo, com pesquisa, análise de situações-problema, reflexão e síntese e prova escrita

OA4. Metodologia b), c) e d); Avaliação - dinâmicas em pequeno grupo, com pesquisa, análise de situações-problema, reflexão e síntese, análise de estudo de caso e apresentação

Versão em Inglês

The methodology used in theoretical classes allows students to obtain increase knowledge as well as a better understanding and ability to discuss the content covered, promoting concept integration, ability to research, analysis and critical thinking, facilitating the work for speech therapist.

With practical lessons, in which the methodology assumes a more participatory nature (with the development of dynamic practices and case studies, guidance on critical reflection and analysis of specific situations), is intended to provide the ability to apply knowledge in dynamic practices developed during lectures, promoting the development of skills related to the construction of an adequate and reflective reasoning, connecting to professional practice.

Thus, it is considered that teaching methodologies adopted for this course are consistent with the goals set for it, since they allow increase knowledge of the content covered in lectures, where students have the ability to analyze, discuss and reflect what is relevant for a future practice of a Speech Therapist.

LG1, LG2, and LG3 Methodology a), b) and c); assessment - small group dynamics (research, situation-problem analysis, reflection and synthesis) and writing test

LG4 Methodology b), c), and d) assessment - small group dynamics (research, situation-problem analysis, reflection and synthesis), report case analysis and presentation

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação:

Época normal:

A nota final da UC resulta da média ponderada nos seguintes termos:

- Dinâmicas em pequeno grupo - 10%

- Prova escrita - 50%

- Análise de estudo de caso e apresentação - 30%

- Assistência aulas, participação ativa na aula e em seminários, conferências, congressos - 10%

Época Recurso: Exame (100%)

Versão em Inglês

Evaluation: Normal Season

The final grade results from the weighted average in the following terms:

- Small group dynamics - 20%

- Writing test - 30%

- Report case analysis and presentation 40%

- Classes attendance, active participation in classes and in seminars, conferences, congresses - 10%

Season Resort: Exam (100%)

Bibliografia (2023/2024):

Antunes, E.B. & Ramalho, L. (2009). Deglutição no adulto: a perspectiva do terapeuta da fala. In: Peixoto, V. & Rocha, J. (Orgs.). Metodologias de intervenção em terapia da fala. Porto: Edições Universidade Fernando Pessoa

Groher, M.E. & Crary, M.A. (2010). Dysphagia: clinical management in adults and children. Maryland Heights: Mosby Elsevier

Oliveira, I., Mota, L., Vaz Freitas, S. & Lopes Ferreira, P. (2019). Dysphagia screening tools for acute stroke patients available for nurses: A systematic review. Nursing Practice Today. 6(3): 103-115

Susanibar, F et al. (2014). Tratado de evaluación de motricidad orofacial y áreas afines, Madrid Editorial EOS

Susanibar, F. et al. (2016). Motricidad Orofacial - fundamentos basados en evidencia - volumen 2. Madrid Editorial EOS

Sanchis, S.B. & Clari, V.R. (Coord.) (2008). Guía para la reeducación de la deglutición atípica y trastornos associados. Valencia, Nau Libres

Programa (2023/2024):

Meios complementares de Diagnóstico com recurso a imagem:

-Radiologia convencional e métodos de pesquisa (RX)

-Ecografia

-Tomografia axial computorizada (TAC)

-Método de imagem por ressonância magnética (RM)

-RM funcional

-PET Scan

-Endoscopia ,Nasofibroscopia ,Videofluoroscopia da deglutição e outros exames imagiológicos

Testes laboratoriais e interpretação do boletim analítico:

-Hematologia

-Bioquímica

-Fluidos corporais

-Equilíbrio ácido-base

-Função hepática

-Endocrinologia

-Cardiologia

-Marcadores inflamatórios e tumorais


Diagnóstico laboratorial associado às infeções mais frequentes:

- Infeções por bactérias;

- Micoses;

- Parasitoses;

- Infeções víricas;

- Interpretação do boletim analítico respeitante às infeções anteriores.

Complementary means of diagnosis using imaging:

-Conventional radiology and research methods (X-ray)

-Ecography

-Computerised axial tomography (CAT)

-Magnetic resonance imaging (MRI)

-Functional MRI

-PET Scan

-Endoscopy, Nasofibroscopy, Videofluoroscopy of swallowing and other imaging tests

Laboratory tests and interpretation of the analytical report:

-Hematology

-Biochemistry

-Body fluids

-Acid-base balance

-Liver function

-Endocrinology

-Cardiology

-Inflammatory and tumour markers


Laboratory diagnosis associated with the most common infections:

- Bacterial infections;

- Mycoses;

- Parasitosis;

- Viral infections;

- Interpretation of the analytical bulletin relating to previous infections.

Método de Ensino (2023/2024):

Compreende aulas expositivas e/ou em formato de discussão com a apresentação de estudos de caso.

As aulas expositivas e/ou em formato de discussão com a apresentação de estudos de caso, permitem dotar os alunos de aptidões específicas e essenciais na leitura da imagem, interpretação de análises laboratoriais, contribuindo para uma maior compreensão dos quadros clínicos e consequente adequação da intervenção às especificidades de cada situação, quer reforçando a importância do desenvolvimento de um trabalho de equipa interdisciplinar, quer fomentando a autonomia no raciocínio clínico e científico.

Exposição de questões de diagnóstico e a sua relação com a imagem, fomentando a pesquisa em motores de busca de literatura científica.

Utilização da plataforma de e-learning para armazenar material didático que será disponibilizado ao aluno.

Utilização de vídeos demostrativos de técnicas de analise de imagem relevantes.

It comprises lectures and/or discussions with the presentation of case studies.

The lectures and/or discussion format with the presentation of case studies provide students with specific and essential skills in image reading, interpretation of laboratory analyses, contributing to a greater understanding of clinical conditions and the consequent adaptation of intervention to the specificities of each situation, both by reinforcing the importance of developing interdisciplinary teamwork and by fostering autonomy in clinical and scientific reasoning.

Presentation of diagnostic issues and their relationship with imaging, encouraging research using scientific literature search engines.

Use of the e-learning platform to store teaching material that will be made available to the student.

Use of videos demonstrating relevant image analysis techniques.

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação continua em dois momentos com a mesma ponderação;

1º Teste Teórico 60%

2º Teste Teórico 40%

Continuous assessment in two stages with equal weighting;

1st Theoretical Test 60%

2nd Theoretical Test 40%

Bibliografia (2023/2024):

Goering, R., Dockrell, H., Zuckerman, M., Chiodini, P. Mims’ Medical Microbiology and
Immunology (6th Ed.). Elsevier, 2018.

Hoffbrand, A.V., Hoffbrand's Essential Haematology, 8th ed. Wiley Blackwell, (2019).
Matthew R. Pincus and Richard A. Mcpherson. Henry's Clinical Diagnosis and Management by
Laboratory Methods. 23rd ed. Elsevier, (2016).

Higgens, C. B.; Hevig; Adams, C. (2006). Magnetic Ressonance imaging of the body; (3ª Ed).
Philadelfia: LippincottRaven

Sousa, L. A. & Pisco, J.M. (2006). Noções Fundamentais de Imagiologia, 1ª Edição, Edições
Lidel.

Fred A. Mettler Jr.; Essenciais of Radiology, Fourth Edition, Elsevier 2019 ISBN 978-84-9022-859-3

López, Alberto Nájera; Garde, Enrique Arribas; López, Juan de Dios Navarro; Díaz, Lydia Jiménez; Fundamentos de Física para Profesionales de la Salud, Elsevier 2015, ISBN 978-84-9022-859-3

McRobbie, Donald W.; Moore, Elizabeth A.; Graves, Martin J.; Frontmatter, Martin R. Prince; MRI From Picture to Photon, Third Edition, Cambridge Press 2017, ISBN 978-1-107-64323-9

Martin-Harris, B., Canon, CL., Bonilha, HS., Murray, J., Davidson, K., Lefton-Greif, MA. (2020).
Best Practices in Modified Barium Swallow Studies. Am J Speech Lang Pathol. 29(2S):1078-
1093.

Langmore, S. (2017). History of Fiberoptic Endoscopic Evaluation of Swallowing for Evaluation
and Management of Pharyngeal Dysphagia: Changes over the Years,Dysphagia 32(1).

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes):
O1. Descrever e implementar avaliação da voz
O2. Demonstrar e explicar os métodos de intervenção terapêutica em voz
O3. Descrever e adaptar a abordagem terapêutica a populações especiais
O4. Pesquisar e apresentar artigo original dentro do âmbito da unidade curricular
O5. Conhecer e saber apresentar o conteúdo das linhas orientadoras clínicas mais recentes no âmbito da voz


Learning outcomes of the curricular unit:
LO1. Describe and implement voice assessment
LO2. Demonstrate and explain methods of therapeutic intervention in voice
LO3. Describe and adapt the therapeutic approach to special populations
LO4. Research and present original article within the scope of the curricular unit
LO5. Present the content of the most recent clinical guidelines


Conteúdos programáticos:
CP1. Avaliação vocal: áudio-perceptiva; acústica (medidas de curto e de longo, índices e perfis); electroglotografia;
autoavaliação e impacto na qualidade de vida; dosimetria vocal
CP2. Terapia vocal: intervenções directas e indirectas
CP3. A voz de populações especiais: disfonia na infância e na adolescência; abordagem na paralisia da prega vocal; o
profissional da voz e o atleta vocal; voz em cancro de cabeça e pescoço e a fala alaríngea; a voz na pessoa transgénero
CP4. Investigação em voz: o estado da arte; linhas orientadoras clínicas


Syllabus:
CP1. Voice assessment: audio-perceptual; acoustic (short and long term measures, indexes and profiles);
electroglottography; self-assessment and impact on quality of life; vocal dosimetry
CP2. Voice therapy: direct and indirect interventions
CP3. The voice of special populations: dysphonia in childhood and adolescence; approach in vocal fold paralysis; the
voice professional and the vocal athlete; voice in head and neck cancer and alaringeal speech; voice in transgender
person
CP4. Voice Research: the state of the art; clinical guidelines

Método de Ensino (2023/2024):

Métodos: expositivo, interrogativo, demonstrativo, activo.
Methods: expositive, interrogative, demonstrative, active.

Método de Avaliação (2023/2024):

Teórico-prática: 2 testes escritos (50%+50%).

Prática-laboratorial: entrega e defesa de um trabalho (70%); participação ativa nas aulas (30%).


Theoretical-practical: 2 written tests (50%+50%).

Practical-laboratory: submission and defence of an assignment (70%); active participation in class (30%).

Bibliografia (2023/2024):

Compendium de terapia da fala : avaliar e intervir com evidência / Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala (SPTF) ; ed. Dina Alves... [et al.]. - Lisboa : SPTF, 2023.
Fisiologia da técnica vocal / Ana Mendes...[et al.]. - Loures : Lusociência, 2013.
A voz e a terapia vocal / Daniel R. Boone, Stephen C. McFarlane ; trad. Sandra Costa ; rev. téc. Silvana Brescovici. - 5ª ed. - Porto Alegre : Artmed, 2003.

UNIDADES CURRICULARES ECTS

Programa (2023/2024):

Objetivos:

O1. Demonstrar conhecimento e compreensão acerca exames audiológicos e terminologia usados nesta área;

O2. Interpretar os resultados da avaliac¸a~o diagno´stica instrumental em audic¸a~o;

O3. Compreender e identificar meios técnicos de reabilitação auditiva;

O4. Identificar e descrever os diferentes graus e tipos de surdez e o seu impacto no desenvolvimento comunicativo, linguístico e de fala;

O5. Conhecer, selecionar e aplicar adequadamente procedimentos de avaliação nas perturbac¸o~es de audic¸a~o;

O6 Interpretar adequadamente os dados de avaliação (qualitativos e quantitativos) de forma a delinear o diagnóstico diferencial;

O7. Conhecer e descrever as diferentes metodologias de intervenção na área das perturbações da audição;

08. Compreender a importância do trabalho de equipa;

O9. Planear a intervenção terapêutica num estudo de caso simulado de perturbação de audição, desenvolvendo competências críticas e autocriticas no que respeita à tomada de decisão clínica;

LO1. To demonstrate knowledge and understanding about audiological testing and terminology used in this area;

LO2. To interpret the results of instrumental diagnostic evaluation in hearing

LO3. To understand and identify technical means of auditory rehabilitation;

O4. To identify and describe the different degrees and types of deafness and their impact on communicative, linguistic and speech development;

LO5. To know, select and properly apply assessment procedures in hearing disorders

LO6. Properly interpret assessment data (qualitative and quantitative) in order to delineate the differential diagnosis;

LO7. To know and describe the different methodologies of intervention in the area of hearing disorders;

L08. To understand the importance of team work;

Conteúdos programáticos.

CP1. Meios de avaliação audiológica

1.1. Testes audiológicos
- Psicoacusticos: acumetria e audiometria
- Fisiolo´gicos: impeda^ncimetria

- Electrofisiolo´gicos: PEA

- Otoscopia

CP2. Tecnologias de apoio a` escuta.

- Conceito reabilitac¸a~o auditiva.

- Meios Te´cnicos de Reabilitac¸a~o Auditiva:

Pro´teses auditivas electroacu´sticas
Pro´teses Implanta´veis

Adaptações ambientais

CP3. Graus e tipos de surdez

- Etapas de desenvolvimento da audic¸a~o

- Bases da caracterizac¸a~o da surdez

- Audic¸a~o normal, funcional e residual

- Surdez de condução/transmissão e percepção/neurossensorial

- Surdez ligeira, moderada, severa e profunda

CP4. Avaliação da pessoa com perturbação da audição

- Processamento auditivo central

- Ferramentas formais e informais da pessoa com dificuldade de surdez

CP5: Metodologias de intervenção na pessoa com surdez

- Comunicação Total

- Bilinguismo

- Vertente oralista (AVT e AVO)

CP6. Planeamento da intervenção na pessoa com surdez

- trabalho de equipa e trabalho com a família

- seleção da metodologia de intervenção

- interpretar dados de avaliação e delinear os objetivos de intervenção

- Diferentes estratégias de intervenção

CP1. Audiologic assessments

1.1 Audiological tests

- Psychoacoustics: accummetry and audiometry

- Physiological: impedance testing

- Electrophysiological: PEA

- Otoscopy

CP2. Technologies to support listening.

- Concept of auditory rehabilitation.

- Technical means of auditory rehabilitation:

Electroacoustic hearing prostheses

Implantable prosthesis

Environmental adaptations

CP3. Degrees and types of deafness

- Stages of hearing development

- Bases of the characterization of deafness

- Normal, functional and residual hearing

- Conductive and perceptive/neurosensitive hearing loss

- Mild, moderate, severe and profound hearing loss

CP4. Evaluation of the person with hearing impairment

- Central auditory processing

- Formal and informal tools of the person with hearing loss difficulty

CP5: Methodologies of intervention in the person with hearing loss

- Total communication

- Bilingualism

- Oralistic approach (AVT and AVO)

CP6. Planning the intervention in the person with hearing loss

- team work and work with the family

- selecting the methodology of intervention

- interpreting assessment data and outlining intervention goals

- Different intervention strategies

LO9. To plan the therapeutic intervention in a simulated case study of hearing disorders, developing critical and self-critical skills with regard to clinical decision making;

Método de Ensino (2023/2024):

1. Resolução de problemas em pequenos grupos: vídeos ou casos da clínica pedagógica;

2. Sessões de brainstorming de temas e questões a investigar pelos alunos: discussão dos conteúdos programáticos e na resolução de casos práticos. É dada relevância à formulação de problemas clínicos e à análise de diferentes possibilidades de resposta;
3. Orientação da investigação efectuada pelos alunos: artigos científicos, sensibilizando os alunos para a fundamentação das suas práticas na evidência científica;
4. Resumo e síntese da investigação efectuada pelos alunos e discussão em grupo;
5. Apresentação dos conteúdos programáticos com recurso a projecções, exemplos, casos clínicos em vídeo.

1.Problem-solving in small groups: videos or cases from the pedagogical clinic;
2. Brainstorming sessions on topics and issues to be investigated by the students: discussion of the contents of the syllabus and resolution of practical cases. Emphasis is placed on formulating clinical problems and analyzing different response possibilities;
3. Guidance of the research carried out by the students: scientific articles, making the students aware of the need to base their practices on scientific evidence;
4. Summary and synthesis of the research carried out by the students and group discussion;
5. Presentation of the syllabus using projections, examples and clinical cases on video.

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação: Época normal
- Avaliação distribuída
Teórico-prática: 2 Testes escritos (50%+50%)
Práticas laboratoriais: estudo de caso clínico (100%)
Nota final: Nota média de aprovação nas componentes teórico-prática e prático-laboratorial.
- Exame (100%)

Assessment: Normal season
- Distributed assessment
Theoretical-practical: 2 written tests (50%+50%)
Practical-laboratory: Clinical case study (100%)
Final grade: Average of the pass mark for both the Theoretical-Practical and Practical-Laboratory components.
Exam
- Exam (100%)

Bibliografia (2023/2024):

Hall III, J. W. (2016). Crosscheck principle in pediatric audiology today: A 40-year perspective. Journal of audiology & otology, 20(2), 59.

Yoshinaga-Itano, C., Sedey, A. L., Wiggin, M., & Chung, W. (2017). Early hearing detection and vocabulary of children with hearing loss. Pediatrics, 140(2).

Fickenscher, S., Gaffney, E., & Dickson, C. (2016). Auditory verbal strategies to build listening and spoken language skills.

Soman, U., & Nevins, M. E. (2018). Guiding principles and essential practices of listening and spoken language intervention in the school-age years. Topics in Language Disorders, 38(3), 202-224.

Gilkerson, J., Richards, J. A., Warren, S. F., Montgomery, J. K., Greenwood, C. R., Kimbrough Oller, D., ... & Paul, T. D. (2017). Mapping the early language environment using all-day recordings and automated analysis. American Journal of Speech-Language Pathology, 26(2), 248-265.

Programa (2023/2024):

Objetivos de Aprendizagem: 
OA1. Refletir acerca da importância da comunicação interpessoal e identificar todas as formas de comunicação existentes para além da fala
OA2. Dominar conhecimentos básicos acerca da comunicação gestual e gráfica
OA3. Identificar candidatos a programas de CAA e justificar a pertinência da sua aplicação
OA4. Avaliar e identificar as competências e as necessidades comunicativas da pessoa com necessidade de CAA e delinear intervenção ajustada, com aplicação de estratégias específicas
OA5. Perceber a necessidade de atender às características culturais e ambientais para melhor adequação do processo de intervenção
OA6. Planificar atividades que considerem as necessidades especiais da pessoa com alterações de comunicação
OA7. Identificar competências para o desenvolvimento de um trabalho em equipa (com a família) no âmbito da CAA, com conhecimento do papel dos vários intervenientes
OA8. Dominar conhecimentos de avaliação e intervenção relativos ao uso de produtos de apoio para a comunicação

Learning Objectives:
LO1. Reflect on the importance of interpersonal communication and identify all forms of communication other than speech

LO2. Master basic knowledge of gestural and graphic communication

LO3. Identify candidates for AAC programs and justify the relevance of their application

LO4. Evaluate and identify the communication skills and needs of the person in need of AAC and design an appropriate intervention, applying specific strategies.

LO5. Understand the need to take cultural and environmental characteristics into account in order to better adapt the intervention process

LO6. Plan activities that take into account the special needs of people with communication disorders

LO7. Identify skills for developing teamwork (with the family) in the context of AAC, with knowledge of the role of the various players

LO8. Master knowledge of assessment and intervention in relation to the use of communication support products

 
Conteúdos Programáticos:
CP 1. Comunicação Interpessoal:
1.1. Reportório Individual
1.2. Barreiras e Atitudes Facilitadoras
 1.3. Comunicação: Oral e Não Oral / Verbal e Não Verbal
CP 2. Comunicação Aumentativa e Alternativa (CAA)
 2.1. Formas
2.2. Candidatos
2.3. Objetivos
2.4. Sistema Aumentativo e Alternativo de Comunicação
2.5. Tipos de SAAC: sistemas com ajuda, sem ajuda e mistos
2.6. Vantagens e desvantagens dos diferentes tipos de sistemas de comunicação
CP 3. Processo de avaliação/intervenção em CAA
3.1.Candidatos/Contextos/Interlocutores
3.2. Atividades e Participação - Participation Model
3.3. Funções, formas e conteúdos 
3.4. Seleção de vocabulário, organização e ampliação
3.5. Instrumentos e estratégias de intervenção
3.6. Produtos de apoio para a comunicação
3.7. Trabalho em Equipa


CP 1. Interpersonal Communication:
1.1 Individual repertoire
1.2 Barriers and Facilitating Attitudes
1.3 Communication: Oral and Non-Oral / Verbal and Non-Verbal
CP 2. Augmentative and Alternative Communication (AAC)
2.1 Forms
2.2 Candidates
2.3 Ob

Método de Ensino (2023/2024):

Metodologia:
•Expositivo;
•Colaborativo;
•Elaboração de trabalhos;
•Discussão em pequeno e grande grupo;
•Aprendizagem auto-dirigida

Methodology:
-Expository;

-Collaborative;

-Work preparation;

-Small and large group discussion;

-Self-directed learning

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação distribuída:

-Teste escrito, com nota mínima de 9 valores, com ponderação de 60%.
-Trabalho individual, com nota mínima de 9,5, com ponderação de 40% (ponderação de 70% para a parte escrita e 30% para a apresentação oral)

Distributed assessment:

-Written test, with a minimum mark of 9, weighting 60%.
-Individual work, with a minimum mark of 9.5, weighted at 40% (70% for the written part and 30% for the oral presentation).

Bibliografia (2023/2024):

¢Martinsen, H.; von Tetzchener, S. (2000) Introdução à Comunicação Aumentativa e Alternativa. Porto Editora: colecção Educação Especial nº 10
¢Soto G., Zangari C. (2009). Practically speaking: Language, literacy, & academic development for students with AAC needs. Baltimore: Paul H. Brookes Publishing Co.
¢Alant, E. & Lloyd, L. (ed.) (2009). Augmentative and alternative communication and severe disabilities : beyond poverty. London ; Philadelphia : Whurr Publishers.
¢Beukelman, D. & Mirenda, P. (ed) (2005). Augmentative and alternative communication : supporting children and adults with complex communication needs. Baltimore ; London ; Sydney : Paul H. Brookes Publishing Co.
¢Schlosser, R. W. (2003). The efficacy of augmentative and alternative communication : toward evidence-based practice. San Diego : Academic Press.
¢Owens JR, R.E. (2018). Early language intervention for infants, toddlers and preschoolers. New York: Pearson.
¢Owens Jr, E.E., Farinella, K.A. & Metz, D. E. (2015). Introduction to communication disorders : a lifespan evidence-based perspective. 5th ed., Global Edition. - England : Pearson. ISBN 978-1-292-05889-4
¢Ganz, J. B. (2014). Aided augmentative communication for individuals with autism spectrum disorders. New York : Springer. ISBN 978-1-4939-0813-4

Programa (2023/2024):

No final da unidade curricular o estudante deverá ser capaz de:

1 - Conhecer os objetivos, procedimentos e limitações da prática baseada na evidência (PBE) na tomada de decisão clínica aplicada à terapêutica da fala;

2 - Possuir conhecimentos e capacidade de compreensão sobre o papel do Terapeuta da Fala (TF) nos domínios relacionados com as perturbações da comunicação humana e da deglutição, identificando recursos para localizar a melhor evidência de pesquisa atual;

3. Ser capaz de analisar e refletir acerca de atividades terapêuticas que fazem parte do perfil de atuação do TF;

4. Recolher, selecionar e interpretar informação relevante, incluindo os aspetos sociais, científicos e éticos, de acordo com os estudos de caso apresentados;

5. Apresentar competências profissionais genéricas de raciocínio clínico, comunicação profissional, aprendizagem contínua e comportamento profissional.

Conteúdos teórico-práticos:

CP1. Conceito de prática baseada na evidência e evidência baseada na prática;

CP2. Formulação de questão (estratégia PICO), bases de dados para pesquisa, confiabilidade, importância e aplicabilidade da evidência científica;

Conteúdos práticos:

CP3. Abordagens, técnicas e procedimentos específicos na Intervenção Terapêutica baseada na evidência, nas perturbações da comunicação humana e deglutição: I - Análise de vídeos de casos seguidos na Clínica Pedagógica da UFP; II - Análise de vídeos ilustrativos de diferentes programas de intervenção; III - Análise de artigos de referência de práticas baseadas na evidencia em Terapia da Fala.

By the end of the course unit the learner is expected to be able to:

1 - Know the objectives, procedures and limitations of evidence-based practice (EBP) in clinical decision-making applied to speech therapy;

2 - Have the knowledge and ability to understand the role of the Speech Therapist (SLT) in areas related to human communication and swallowing disorders, identifying resources to locate the best current research evidence;

3. Be able to analyze and reflect on therapeutic activities that are part of the speech therapist's performance profile;

4. Collect, select and interpret relevant information, including social, scientific and ethical aspects, according to the case studies presented;

5. Present generic professional skills in clinical reasoning, professional communication, continuous learning and professional behavior.

Theoretical and practical content:

CP1. Concept of evidence-based practice and practice-based evidence;

CP2. Question formulation (PICO strategy), databases for research, reliability, importance and applicability of scientific evidence;

Practical content:

CP3. Specific approaches, techniques and procedures in evidence-based therapeutic intervention in human communication and swallowing disorders: I - Analysis of videos of cases followed at the UFP Pedagogical Clinic; II - Analysis of videos illustrating different intervention programs; III - Analysis of reference articles on evidence-based practices in Speech Therapy.

Método de Ensino (2023/2024):

Aulas teórico-práticas e práticas, centradas na exposição e discussão de estudos de caso, através de uma questão-problema relacionada com determinado âmbito de atuação do TF, dando ênfase à condução do raciocínio clínico adequado a cada caso. As questões-problema devem ser levantadas pelo discente, tendo em conta as dúvidas da prática clínica de ECI ou, em alternativa, levantadas pelo docente. É dada relevância à formulação de problemas clínicos e análise de diferentes possibilidades de resposta, com base em artigos científicos de referência, partindo de casos reais (vídeo, casos da clínica pedagógica). É incentivado o processo de diálogo. Preenchimento de instrumentos de avaliação, com recurso a análise de casos; Situações de rol-play.

Theoretical-practical and practical classes, centered on the presentation and discussion of case studies, through a problem question related to a particular area of TF practice, with an emphasis on conducting the clinical reasoning appropriate to each case. The problem questions must be raised by the student, taking into account the doubts of ECI clinical practice or, alternatively, raised by the teacher. Emphasis is placed on formulating clinical problems and analyzing different possible answers, based on scientific reference articles, starting from real cases (video, cases from the teaching clinic). The dialog process is encouraged. Completion of assessment instruments, using case analysis; role-play situations.

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação:

Época normal: Avaliação contínua referente à participação nas discussões das questão-problema (30%); trabalho do estudo de caso (20%); 2 testes escritos (25% + 25%).

Época Recurso: Exame (100%)

Assessment:

Regular season: Continuous assessment referring to participation in the discussions of the problem questions (30%); work on the case study (20%); 2 written tests (25% + 25%).

Exam (100%)

Bibliografia (2023/2024):

Portal ASHA. Evidence-Based Practice (EBP). Disponível em https://www.asha.org/Research/EBP/Evidence-Based-Practice/. Consultado em (10.09.2021)

Pesquisa na base de dados b-On, de acordo com as temáticas.

Susanibar, F et al. (2014). Tratado de evaluación de motricidad orofacial y áreas afines, Madrid Editorial EOS.

Susanibar, F. et al. (2016). Motricidad Orofacial - fundamentos basados en evidencia - volumen 2. Madrid Editorial EOS.

Programa (2023/2024):

Objetivos e conteúdos programáticos:

01. Demonstrar, por escrito e oralmente, evidência de raciocínio clínico na análise e integração de dados sobre perturbações da comunicação, linguagem, fala e outras perturbações oro-motoras;

O2. Identificar informação relevante em cada consulta realizada, estruturando-a nas etapas do raciocínio clínico (recolha de dados de anamnese, a implementação de protocolos e testes de avaliação, identificação e concretização de objetivos de intervenção com bases nos diferentes diagnósticos de funcionais);

O3. Construir folhas de planeamento e registo de consulta para os casos acompanhados, interpretando os itens incluídos;

O4. Dominar conhecimentos relativos à avaliação, diagnóstico e intervenção na área clínicado terapeuta da Fala, para elaborar um estudo de caso reflexivo;

O5. Identificar assuntos chave e propor soluções terapêuticas;

O6. Desenvolver competências instrumentais linguísticas no sentido de comunicar oralmente e por escrito o seu raciocínio clínico na tomada de decisões terapêuticas.

Conteúdos programáticos.

CP1. Intervenção direta e observação do par terapêutico

CP2. Discussão dos casos clínicos (monitorização clínica)

CP3. Construção do dossier de ensino clínico com a compilação de todos os estudos de caso acompanhados ao longo do semestre

LO1. To demonstrate, in writing and orally, evidence of clinical reasoning in the analysis and integration of data on communication disorders, language, speech and other oro-motor disorders;

01. To demonstrate, in writing and orally, evidence of clinical reasoning in the analysis and integration of data on communication disorders, language, speech and other oromotor disorders;

O2. Identify relevant information in each consultation, structuring it in the stages of clinical reasoning (collection of anamnesis data, implementation of protocols and evaluation tests, identification and achievement of intervention objectives based on different functional diagnoses);

O3. Build planning sheets and query registration for the tracked cases, interpreting the included items;

O4. Master knowledge related to evaluation, diagnosis and intervention in the clinical area of the Speech Therapist, to elaborate a reflective case study;

O5. Identify key issues and propose therapeutic solutions;

O6. Develop instrumental language skills in order to communicate orally and in writing their clinical reasoning in therapeutic decision-making.

CP1. Direct intervention and observation of the therapeutic pair

CP2. Discussion of clinical cases (clinical monitoring+community project)

CP3. Construction of the clinical teaching file with the compilation of all the case studies followed throughout the semester

Método de Ensino (2023/2024):

O objetivo de promover a consolidação e o desenvolvimento das competências adquiridas ao longo do curso, pela integração do estudante numa situação profissional estruturada com base num plano de intervenção, é coerente com uma metodologia que se concretiza no acompanhamento individualizado do estudante, por parte do docente supervisor. Em educação clínica I e II o contexto de atuação é a clínica pedagógica de terapia da fala, e as duas unidades distinguem-se, essencialmente, pelo grau de autonomia exigido ao aluno e número de casos orientados, maior na educação clínica II.

Através da condução orientada da intervenção de casos reais, realiza-se uma aprendizagem centrada no estudante, com oportunidade de identificar situações problema, fazer pesquisa dirigida, visualizar diferentes modelos de atuação (através de vídeos e/ou role play) durante as reuniões de discussão de casos clínicos, como base para a implementação dos seus próprios planos de ação.

É então previligiada uma metodologia caracterizada por problem based learning, especialmente através da construção do saber observar, analisar, procurar conhecimento e tomar decisões, baseados em estudos de caso e projetos na comunidade, permitindo ao aluno ser ativo na procura e construção do conhecimento, aliando o desenvolvimento técnico profissional ao desenvolvimento de competências transversais fundamentais para qualquer professional de saúde do século XXI.

The objective of promoting the consolidation and development of skills acquired throughout the course, by integrating the student into a professional situation structured on the basis of an intervention plan, is consistent with a methodology that is implemented in the individualized monitoring of the student, by the supervising teacher. In clinical education I and II, the context of action is the pedagogical clinic of speech therapy, and the two units are essentially distinguished by the degree of autonomy required of the student and the number of oriented cases, higher in clinical education II.

Through the oriented conduction of the intervention of real cases, a student-centered learning is carried out, with the opportunity to identify problem situations, do directed research, visualize different models of action (through videos and /or role play) during the meetings of discussion of clinical cases, as a basis for the implementation of their own action plans.A methodology characterized by problem based learning is then foreseen, especially through the construction of observing, analyzing, seeking knowledge and making decisions, based on case studies and projects in the community, allowing the student to be active in the search and construction of knowledge, combining professional technical development with the development of transversal competencies fundamental to any health professional of the 21st century.

Método de Avaliação (2023/2024):

O estágio decorre em contexto de prática clínica real na clínica pedagógica de TF-FP. A prática clínica direta é complementada com as reuniões de discussão clínica onde o orientador guia o estudante na elaboração do seu raciocínio clínico e pesquisa de PBE para implementar com os seus casos. Paralelamente, na componente de projeto na comunidade, depois de observado o contexto de implementação do projeto, os estudantes fazem a identificação dos problemas existentes e, com a orientação do docente, é selecionado o foco de atuação assim como desenhado e implementado o projeto. São usadas estratégias como: Ensino colaborativo; Discussão em pequeno e grande grupo; Estudo de caso; sessões de brainstorming e role-play; Aprendizagem autodirigida.

Avaliação:

Orientação de caso clínico (2 casos em educação clínica I), com recurso COMPEC TF + dossier de estágio (80%)

Participação nas reuniões de monitorização clínica - 20%.

The internship takes place in the context of real clinical practice in the pedagogical clinic of TF-PF. Direct clinical practice is complemented with clinical discussion meetings where the advisor guides the student in the elaboration of his clinical reasoning and EBE research to implement with his/her cases. In parallel, in the project component in the community, after observing the context of project implementation, the students identify the existing problems and, with the guidance of the teacher, the focus of action is selected as well as the project is designed and implemented. Strategies such as: Collaborative teaching are used; Discussion in small and large group; Case study; brainstorming and role-play sessions; Self-directed learning.

Evaluation:

Clinical case guidance (2 cases in clinical education I), with COMPEC TF resource + internship dossier - 80%

Participation in clinical monitoring meetings - 20%.

Bibliografia (2023/2024):

Paul, R. (2007) Introduction to clinical methods in communication disorders Baltimore : Paul H. Brooks Publishing, 2007

Shipley, K.; McAfee, K. (2004) Assessment in speech-language pathology : a resource manual.Clifton Park : Delmar Learning

Dwight, D. (2015). Here's how to do therapy: hands-on core skills in speech-language pathology. 2nd ed. San Diego: Plural Publishing.

Kenneth G. Shipley, J. McAfee (2004). Assessment in speech-language pathology: a resource manual. 3ª ed. - Clifton Park: Delmar Learning, 28 cm + 1 CD-ROM

Programa (2022/2023):

I. Parte ética

1. Definição de conceitos: ética, deontologia, direito

2. Análise: Principais posições teóricas e prática

3. Principais organismos de supervisão

4. Sistema de regulação legal

5. Quadro internacional

6. Estudos de casos

7. O RGPD

CPII. Deontologia

8. O perfil do Terapeuta da Fala

9. A Terapia da Fala em Portugal e no mundo

10. O Código Deontológico do Terapeuta da Fala da APTF, ESLA e ASHA.

Método de Ensino (2023/2024):

Esta unidade curricular visa promover o desenvolvimento da capacidade de análise, reflexão ética e aplicabilidade prática, sobre questões recorrentes ou emergentes que se colocam no exercício das diferentes profissões na área das Ciências da Saúde.

Especificamente, os Objetivos de Aprendizagem (OA) são os seguintes:

OA1 - Identificar instrumentos e realizar reflexão ética sobre questões recorrentes ou emergentes que se colocam no exercício das diferentes profissões na área das Ciências da Saúde;

OA2 - Aplicar instrumentos e métodos de reflexão ética a várias temáticas colocadas na prática profissional no âmbito da saúde;

OA3 - Identificar o perfil da conduta profissional recomendada para o Terapeuta da Fala, no contexto português e internacional;

OA4 - Reconhecer e justificar a pertinência da deontologia profissional na Terapia da Fala.

As Metodologias de Ensino são ativas, colaborativas e expositivas:

1.Resolução de problemas em pequenos grupos;

2. Sessões de brainstorming de tópicos e questões a serem investigados pelos alunos;

3. Orientação da pesquisa realizada pelos alunos.

4. Resumo e síntese da pesquisa realizada pelos alunos e discussão em grupo.

This curricular unit aims to promote the development of the capacity for analysis, ethical reflection and practical applicability, on recurring or emerging issues that arise in the exercise of different professions in the area of Health Sciences.

Specifically, the Learning Objectives (LO) are as follows:

OA1 - Identify instruments and carry out ethical reflection on recurring or emerging issues that arise in the exercise of different professions in the area of Health Sciences;

OA2 - Apply instruments and methods of ethical reflection to various themes raised in professional practice in the field of health;

OA3 - Identify the profile of professional conduct recommended for the Speech Therapist, in the Portuguese and international context;

OA4 - Recognize and justify the relevance of professional ethics in Speech Therapy.

Teaching Methodologies are active, collaborative and expository:

1. Problem solving in small groups;

2. Brainstorming sessions of topics and questions to be investigated by students;

3. Guidance on research carried out by students.

4. Summary and synthesis of the research carried out by students and group discussion.

Método de Avaliação (2022/2023):

Época Normal

Parte Ética – Trabalho individual: Portfólios (50% da avaliação final)(*)

Parte Deontologia – Teste escrito (40% da avaliação final)

Participação nas atividades desenvolvidas nas aulas (10% da avaliação final)

Os estudantes devem realizar os vários momentos de avaliação.

Época de Recurso

Exame (100%)

(*) Avaliação: Cada semana, o docente coloca aproximadamente três perguntas escritas. O “Portfólio” consiste nas respostas escritas dadas por cada aluno. Na sessão 6, será feita uma correção e um balanço dos “Portfólios".

Bibliografia (2023/2024):

Parte Ética:

AMM (2015). Manual de Etica Medica. 3ª ed., Ferney-Voltaire, Asociación Médica Mundial. https://www.wma.net/wp-content/uploads/2016/11/Ethics_manual_3rd_Nov2015_es.pdf

CARVALHO DANTAS, C. (2018). Dilemas éticos na saúde: reflexões para a tomada de decisão, Paraninfo Digital, XII(28): e051. http://www.index-f.com/para/n28/pdf/e051.pdf

Conselho Nacional de Ética para as Ciências da Vida (CNECV). https://www.cnecv.pt/pt

CORREIA, P. et al. (2019). O papel dos códigos de ética na administração do setor da saúde em Portugal, Sociologia, Problemas e Práticas, 89, pp. 79-95. https://journals.openedition.org/spp/5572

FIDALGO, A. (2017). Ética mínima : pequeno guia para tempos difíceis, 2ª ed., Lisboa: Gradiva.

LOURENÇO REYS, L. (1992). Ética, Saúde e Sociedade, Acta Médica Portuguesa, 5, pp. 607-609. https://www.actamedicaportuguesa.com/revista/index.php/amp/article/download/3303/2629

SERRÃO, D. (2015). Saúde: ética ou éticas, Sobre saúde, pp. 41-56.

SCHWALBACH, J. (2013). O trabalhador de saúde perante a dor e os cuidados paliativos, Dor, Vol. 21, N.o 4, pp. 7-12. https://www.aped-dor.org/images/revista_dor/pdf/2013_04.pdf

American Speech-Language-Hearing Association. (2016). Code of Ethics [Ethics]. Available from www.asha.org/policy

APTF (1999). Código Ético e Deontológico do Terapeuta da Fala. Available from www.aptf.org

Body, R., McAllister, L (2009). Ethics in Speech and Language Therapy, West Sussex: Wiley-Blackwell.

CPLOL (2009). A Framework for Ethical Practice in Speech and Language Therapy. Available from www.cplol.eu

ESLA (2019). Professional Profile. Available from www.eslaeurope.eu

Batista, J. (2011). O PERFIL DO TERAPEUTA DA FALA EM PORTUGAL. Tese de Mestrado em Ciências da Fala e da Audição, Universidade de Aveiro.

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes):

OA1. Demonstrar conhecimento e compreensão acerca das etapas do processo de aprendizagem da leitura e escrita;
OA2. Descrever as relações entre realidade fónica e sua representação ortográfica;

OA3. Reconhecer o papel do TF na intervenção ao nível da leitura e escrita e complementaridade com outros profissionais;

OA4. Conhecer, selecionar e aplicar adequadamente procedimentos de avaliação no domínio da leitura e escrita (em situações de prática simulada);

OA5. Interpretar adequadamente os dados de avaliação (qualitativos e quantitativos), de forma a delinear o diagnóstico diferencial e planear a intervenção, construir material para intervenção na linguagem escrita;

OA6. Adequar os seus comportamentos verbais e não-verbais durante a simulação de uma sessão de intervenção terapêutica;

OA7. Desenvolver competências instrumentais linguísticas no sentido de comunicar oralmente e por escrito o seu raciocínio clínico na tomada de decisões terapêuticas.

Learning outcomes

LO1. Demonstrate knowledge and understanding about the stages of the learning process of reading and writing;

LO2. Describe the relations between phonic reality and its orthographic representation;

LO3. Recognize the role of the SLP in the intervention in reading and writing and complementarity with other professionals;

LO4. Know, select and properly apply evaluation procedures in the field of reading and writing (in situations of simulated practice);

LO5. Properly interpret the evaluation data (qualitative and quantitative), in order to delineate the differential diagnosis and plan the intervention, build material for intervention in written language;

LO6. Adapt their verbal and non-verbal behaviors during the simulation of a therapeutic intervention session;

LO7. Develop instrumental language skills in order to communicate orally and in writing their clinical reasoning in therapeutic decision-making

Conteúdos programáticos:

CP1. A aquisição da leitura e escrita: modelos explicativos e fases;

CP2. Análise de procedimentos e instrumentos de avaliação da leitura e escrita;

CP3. Diagnósticos funcionais no domínio das dificuldades de aquisição da leitura e escrita;

CP4. Diferentes metodologias e estratégias de intervenção na linguagem escrita na criança: Método Habiles, Método das Boquinhas, Os Sons d’A Relicário, Método Fonomímico Paula Teles, Método DOLF

CP5. Apresentação e contextualização de casos clínicos, com respetiva elaboração de material de intervenção.

Demonstração da coerência dos conteúdos programáticos com os objetivos de aprendizagem da unidade curricular: Os conteúdos programáticos da UC visam contribuir para a compreensão do fenómeno de aquisição da linguagem escrita de forma a fundamentar a identificação, avaliação, diagnóstico e intervenção em dificuldades ao nível da linguagem escrita. Pretende-se que os estudantes demonstrem conhecimentos teóricos e capacidade de compreensão, aplicação e análise de situações concretas neste domínio. Assim, os conteúdos programáticos (CP) foram delineados em função dos objetivos de aprendizagem (OA) da unidade curricular: CP1 –OA1/OA2; CP2 – OA3/OA4/OA5; CP3-OA5; CP4-OA5/OA6; CP5-OA1/OA2/OA3/OA4/OA5/OA6 e OA7.

Syllabus:

PC1. The acquisition of reading and writing: explanatory models and phases;

PC2. Analysis of procedures and instruments for evaluating reading and writing;

PC3. Functional diagnoses in the field of difficulties in acquiring reading and writing;

PC4. Different methodologies and intervention strategies in written language in children: Method Habiles, Method of Boquinhas, Os Sons d’A Relicário, Paula Teles Phonomime Method, DOLF Method

PC5. Presentation and contextualization of clinical cases, with the preparation of intervention material.

Demonstration of the syllabus coherence with the curricular unit's learning objectives: The programmatic contents of the CU aim to contribute to the understanding of the phenomenon of written language acquisition in order to support the identification, evaluation, diagnosis and intervention in difficulties at the level of written language. It is intended that students demonstrate theoretical knowledge and ability to understand, apply and analyze concrete situations in this field. Thus, the programmatic contents (PC) were delineated according to the learning objectives (LO) of the curri

Método de Ensino (2023/2024):

As aulas teórico-práticas são centradas na exposição e discussão dos conteúdos programáticos, e as aulas práticas na resolução de casos práticos. É dada relevância à formulação de problemas clínicos e análise de diferentes possibilidades de resposta, partindo de casos reais (vídeos ou casos da clínica pedagógica), recorrendo, então, a uma metodologia de problem-based learning . É incentivado o processo de pesquisa orientada e diálogo. Recorre-se também à apresentação dos conteúdos programáticos com recurso a projeções, explicações no quadro, exemplificações, casos clínicos em vídeo e observação de casos reais da clínica pedagógica de terapia da fala da ESS. Realizam-se situações de role-play na prática de estratégias específicas de intervenção.

The theoretical-practical classes are centered on the exhibition and discussion of programmatic contents, and the practical classes in the resolution of practical cases. It is given relevance to the formulation of clinical problems and analysis of different possibilities of response, starting from real cases (videos or cases of the pedagogical clinic), then using a problem-based learning methodology. The process of targeted research and dialogue is encouraged. The presentation of programmatic contents is also used using projections, explanations in the picture, examples, video clinical cases and observation of real cases of the pedagogical clinic of speech therapy of ESS. Role-play situations are carried out in the practice of specific intervention strategies.

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação contínua:

Apresentação de trabalho individual – estudo de caso (30%);

Participação assertiva em sala de aula (20%);

Teste escrito (50%).

Exame Fim de semestre:

- Exame (100%).

Exame Época Recurso:

- Exame (100%).

Continued assessment:

Presentation of individual work – case study (30%);
Assertive participation in the classroom (20%);
Written test (50%)

Exam at the end of the term:

- Written test (100%)

Final exam:

- Written test (100%)

Bibliografia (2023/2024):

Hall et al (2003). Handbook of early childhood literacy. London: Sage.

Stone (2014). Handbook of language and literacy : development and disorders, 2ª ed. New York: Guildford.

Severinoi & Rombert (2014). Método DOLF : desenvolvimento oral, linguístico e fonológico: atividades para auxiliar a aprendizagem da linguagem oral e escrita. Lisboa: Papa-Letras.

Cremim et al (2017). Storytelling in early childhood: enriching language, literacy and classroom culture. London: Routledge.

Jalongo (2015) Literacy for all young learners. Lewisville: Gryphon House.

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem:

OA1- Compreender o papel da epidemiologia na prática clínica e na saúde pública e das medidas profiláticas, a nível individual e coletivo;

OA2- Descrever as medidas de saúde e doença, saber calculá-las e aplicá-las de forma correta;

OA3- Descrever os principais desenhos epidemiológicos, indicar a sua correta aplicabilidade e interpretar seus resultados. Saber diferenciar na prática os principais desenhos epidemiológicos;

OA4- Conhecer os passos de uma investigação epidemiológica. Diferenciar os tipos de erros mais comuns; compreender o conceito de validade dos dados; explicar o conceito de variável de confusão. Reconhecer os erros mais comuns em estudos epidemiológicos;

OA5- Definir os conceitos e as aplicações mais comuns de associação estatística e de causalidade. Compreender o significado dos diferentes postulados no estudo da causalidade.

Conteúdos programáticos:

CP1. Importância da epidemiologia na saúde. História e conceito. Objetivos e usos da epidemiologia. História natural da doença. Profilaxia e medidas profiláticas. Epidemiologia na prática clínica e na saúde pública.

CP2. Medir saúde e doença: medidas de frequência (prevalências; probabilidade de incidência e taxa de incidência); medidas de associação (OR, RR e r).

CP3. Tipologia de investigação epidemiológica: Estudos experimentais, quase-experimentais e observacionais (descritivos e analíticos). Atuação profissional baseada na prova científica (evidência).

CP4. Planeamento dos estudos - alguns desafios: erros sistemáticos; erros aleatórios; confundimento. Validade da informação.

CP5. Inferência causal. Modelos e critérios de causalidade.

Método de Ensino (2023/2024):

M1 - Utilização da plataforma de e-learning para armazenar material didático (textos de apoio desenvolvidos pelo docente, artigos científicos ou outros de utilização livre e fichas de trabalho) que será disponibilizado aos alunos.

M2 - O material disponibilizado servirá de apoio para os estudos baseados em problemas que se introduzirá como ferramenta de ensino-aprendizagem.

M3 - Atividades de pesquisa autónoma que serão baseadas em questões de desenvolvimento e pesquisa.

M4 - Desenvolvimento de atividades de síntese dos conteúdos básicos, após exposição oral, onde os alunos terão um envolvimento pró-ativo.

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação será constituída por 2 provas de avaliação sumativas. A primeira avaliação terá uma ponderação de 60% e a segunda avaliação uma ponderação de 40% da nota final.

O aluno deverá obter média final igual ou superior a 9,5 valores.

A percentagem mínima de frequência nas aulas é a estabelecida na Normativa Académica.

Bibliografia (2023/2024):

1. Gordis L. Epidemiology. 6 th ed., Elsevier Saunders, 2018. ISBN: 9780323552295.

2. Greenberg RS et al. Medical Epidemiology: Population Health and effective health care, 5th ed., McGraw Hill, 2015.

3. International Epidemiological Association. A Dictionary of Epidemiology. Porta M (Editor). 6th ed., Oxford University Press. 2014. ISBN-13: 978-0199976737.

4. Friedman, GD. Primer of Epidemiology, 5th ed. McGraw-Hill, 2004.

5. Beaglehole, R; Bonita, R; Kjellström, T. Basic Epidemiology, 2nd ed., WHO, 2006.

6. Hernández-Aguado, I; Gil, MA; Delgado-Rodriguez, M; Bolumar-Montrull, F. Manual de Epidemiologia y Salud Publica para Licenciaturas y Diplomaturas en Ciencia de la Salud, 2ª ed., Editorial Médica Panamericana, 2011.

UNIDADES CURRICULARES ECTS

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes)

a - Conhecer os objetivos, procedimentos e limitações da prática baseada na evidência (PBE) na tomada de decisão clínica aplicada à Terapia da Fala;

b - Possuir conhecimentos e capacidade de compreensão sobre o papel do Terapeuta da Fala (TF) nos domínios relacionados com as perturbações da comunicação humana e da deglutição, identificando recursos para localizar a melhor evidência de pesquisa atual;

c. Ser capaz de analisar e refletir acerca de atividades terapêuticas que fazem parte do perfil de atuação do TF, nomeadamente nas áreas da Perturbação do Espectro do Autismo e Fendas Lábio-palatinas, entre outras;

c. Recolher, selecionar e interpretar informação relevante, incluindo os aspetos sociais, científicos e éticos, de acordo com os estudos de caso apresentados;

e. Apresentar competências profissionais genéricas de raciocínio clínico, comunicação profissional, aprendizagem contínua e comportamento profissional.

a-Know the goals, procedures and limitations of evidence-based practice (EBP) in clinical decision-making applied to speech therapy;

b-possess knowledge and ability to understand the role of speech Therapist (SLP) in the domains related to the disturbances of human communication and swallowing, identifying resources to locate the best evidence of current research;

c. Be able to analyze and reflect on therapeutic activities that are part of the activity profile of SLP, namely autism spectrum disorders, lip and palate cleft and others;

d. Collect, select and interpret relevant information, including social, scientific and ethical aspects, in accordance with the case studies presented;

e. Present generic professional competencies of clinical reasoning, professional communication, continuous learning and professional behavior

Conteúdos programáticos:

CP1. Formulação de questão (estratégia PICO), bases de dados para pesquisa, confiabilidade, importância e aplicabilidade da evidência científica, nomeadamente nas áreas da Perturbação do Espectro do Autismo e Fendas Lábio-palatinas, entre outras;

CP2. Abordagens, técnicas e procedimentos específicos do processo terapêutico baseado na evidência, nas perturbações da comunicação humana e deglutição

PC1. Question formulation (PICO strategy), research databases, reliability, importance and applicability of scientific evidence;

PC2. Specific approaches, techniques and procedures in evidence based therapeutic intervention in human communication disorders and swallowing, namely autism spectrum disorders, lip and palate cleft and others:

Demonstração da coerência dos conteúdos programáticos com os objetivos de aprendizagem da unidade curricular

Os conteúdos a considerar pelo docente são definidos de acordo com as especificidades e necessidade de cada aluno, de acordo com os casos que lhe surgem na UC a decorrer no mesmo semestre de Ensino Clínico II. Consistem em orientações técnico-científicas indispensáveis à atuação clínica, conceção do plano de estágio e elaboração de relatórios intercalares e final de estágio. As discussões e análises referidas nos CP I e II orientam o aluno na compreensão e adoção das melhores práticas quanto à condução dos casos que estão à sua responsabilidade.

Os objetivos de aprendizagem relacionam-se com os conteúdos programáticos da seguinte forma: a, b, c, d, e - I, II.

The contents to be considered by the teacher are defined according to the characteristics and needs of each student, according to the cases that arise in the course of CU in the same semester of Clinical Teaching I. They consist of technical and scientific guidance necessary for the clinical performance, design of the internship plan and preparation of progress reports and final stage. The discussions and analyses referred to in PC I and II guide the student in understanding and adoption of best practices regarding the management of cases that are their responsibility.

The learning outcomes are related to the syllabus as follows: a, b, c, d, e - I, II.

Método de Ensino (2023/2024):

A execução pedagógica das aulas decorre de modo coerente com os objetivos fundamentais da UC. Assim, nesta UC os alunos aprenderão observar, avaliar e decidir, sabendo fundamentar as suas decisões.

Sendo a unidade curricular constituída por aulas teórico-práticas, as metodologias de ensino utilizadas enquadram-se nos melhores procedimentos usados nesta área. Assim, é feita a exposição das melhores práticas da TF encontradas na investigação publicada, promovendo a participação e análise crítica por parte dos estudantes, acompanhadas de exercícios de consolidação. Nestas aulas pretende-se desenvolver o conhecimento dos alunos e sensibilizá-los para a importância dos temas abordados no contexto real clínico, sendo que a visualização das situações reais contribui para um melhor enquadramento e maior facilidade na perceção dos objetivos que se pretendem alcançar. Deste modo, os alunos aprenderão observando, analisando, refletindo e tomando decisões sobre os problemas e alternativas propostas, melhorando as suas competências nos temas em questão. Dada a dimensão ecológica e holística do tema da UC procurar-se-á, essencialmente, garantir o desenvolvimento das capacidades de aplicar em contextos diferentes os conhecimentos adquiridos, sob influência de diferentes fatores e variáveis, nomeadamente os contextos de atuação do TF.

A verificação da perceção do entendimento dos mesmos conceitos ocorrerá com recurso ao método interrogativo e participativo. O desenvolvimento dos conhecimentos e das competências desta unidade curricular será efetuado através da realização de pequenos trabalhos práticos (e.g. estudos de caso, role-play), exercícios em sala de aula (e.g. relatórios de avaliação com base na observação de vídeos ) e em trabalho autónomo de pesquisa e aplicação das competências adquiridas em contexto real. Complementarmente, serão propostos trabalhos com utilização de casos concretos (em vídeo e na clínica pedagógica de TF da ESS-FP) ligados à área do Curso.

Por fim, a avaliação dos alunos servirá para a aferição da eficácia das metodologias de ensino desenvolvidas na UC e, se necessário, no futuro poder-se-á realizar algumas correções nas metodologias de ensino.

The pedagogical implementation of classes arises in a manner consistent with the fundamental objectives of the CU. Thus, in this CU students will learn to observe, evaluate and decide, knowing reasons for its decisions.

The course consists of theoretical-practical lessons, thus educational methodologies used fall within the best procedures used in this area. So, exposure of the best practices of SLP found in the published research is done by promoting participation and critical analysis by students, accompanied by consolidation exercises. In these classes is intended to develop students' knowledge and increase their awareness of the importance of the issues addressed in the clinical real context, and the visualization of real situations contribute to a better environment and greater ease in perception of the goals to be achieved. Students will learn by observing, analyzing, reflecting and making decisions about the issues and proposed alternatives, improving their skills in the subjects concerned. Given the ecological and holistic dimension of SLP activities, CU search will be essentially to promote capabilities to apply in different contexts knowledge acquired under the influence of different factors and variables, including SLP performance contexts.

Verification of the perception of the understanding of the same concepts occur with use of interrogative and participatory method. The development of knowledge and skills of this course will be made by performing small practical work (eg case studies, role-play), exercises in the classroom (eg evaluation reports based on observation of videos) and work independent research and application of acquired skills in a real context. In addition, work will be proposed with the use of specific cases (video and teaching clinic TF ESS-FP) related to the course area.

Finally, the evaluation of students will serve to measure the effectiveness of teaching methods developed at UC and, if necessary, in the future it may will make some corrections in teaching methodologies.

Método de Avaliação (2023/2024):

As aulas são teórico-práticas, centradas na exposição e discussão de estudos de caso, com ênfase na condução de um raciocínio clínico adequado à singularidade de cada caso. É dada grande relevância à formulação de problemas clínicos e análise de diferentes possibilidades de resposta, com base em artigos científicos de referência, partindo de casos reais (vídeo, estudos de caso em artigos científicos ou casos da clínica pedagógica). É incentivado o processo de diálogo.

Avaliação:

Portfólio com o desenvolvimento das atividades ao longo das aulas (50%) - participação em aula e construção de quatro (PEA, ortodontia, fendas) mini-relatórios a partir de um caso clínico (vídeo), construir pergunta de pesquisa e respetiva análise de artigos e apresentação oral

Teste de avaliação escrito (50%)

Cases are theoretico-practical, focusing on presentation and discussion of case studies, with an emphasis on driving an adequate clinical reasoning to the uniqueness of each case. It is given great importance to the formulation of clinical problems and analysis of different possible answers, based on scientific reference articles, starting from real cases (video, case studies in scientific articles or cases of clinical teaching). It is encouraged the dialogue process.

The students are asked to fill assessment tools regarding communication and language, using case studies on video; Role-play situations (assessment and intervention).

Assessment:

Portfolio with development of in classe activities (50%) - participation in classes and redaction of four (ASD, ortodontics, clef) mini-report from a video, create a research question and article analyze, and oral presentation.

Written test (50%)

Bibliografia (2023/2024):

Portal ASHA. Evidence-Based Practice (EBP). Disponível em https://www.asha.org/Research/EBP/Evidence-Based-Practice/

Pesquisa na base de dados b-On, de acordo com as temáticas.

Programa (2023/2024):

CP1 Pediatria

1.1 Desenvolvimento Psico-Motor Normal

1.2 Desvio do Normal

1.3 Maus tratos como manifestação de atraso de linguagem

1.4 Patologias

1.5 Malformações Orofaciais

1.6 Prematuridade

1.7 Sindrome de Down

1.8 Alterações de comportamento (PHDA)

CP2 Intervenção Precoce

2.1 Contributos teóricos de referência

2.2 Percurso histórico e realidade portuguesa

2.3 Princípios orientadores das práticas

CP3 Abordagem Centrada na Família

3.1 Percurso histórico e fundamentos

3.2 Clarificação e definição do conceito

3.3 Princípios e práticas

3.4 Contraste com outro tipo de abordagens

CP4 Trabalho em Equipa

4.1. Princípios inerentes a uma boa colaboração

4.2. Modelos de funcionamento em equipa

CP5 Análise e experimentação de instrumentos

5.1 Ecomapa

5.2. Entrevista Baseada nas Rotinas

5.3 Plano Individual de Intervenção Precoce (PIIP)

CP6 O papel dos profissionais de IP

CP7 Intervenção em Neonatologia

7.1. O papel do Terapeuta da Fala na amamentação

7.2. O papel do Terapeuta da Fala nas disfunções orofaciais: Competências que suportam funções orais; Manobras de reabilitação e exercícios e Programas de intervenção.

CP1 Pediatrics

1.1 Normal Psychomotor Development

1.2 Deviation from Normal

1.3 Abuse as a manifestation of language delay

1.4 Pathologies

1.5 Orofacial Malformations

1.6 Prematurity

1.7 Down syndrome

1.8 Behavioral changes (PHDA)

CP2 Early Intervention

2.1 Reference theoretical contributions

2.2 Historical path and Portuguese reality

2.3 Principles guiding practices

CP3 Family-Centered Approach

3.1 Historical background and foundations

3.2 Clarification and definition of the concept

3.3 Principles and practices

3.4 Contrast with other types of approaches

CP4 Teamwork

4.1. Principles inherent to good collaboration

4.2. Team functioning models

CP5 Instrument analysis and experimentation

5.1 Ecomap

5.2. Interview Based on Routines

5.3 Individual Early Intervention Plan (PIIP)

CP6 The role of IP professionals

CP7 Intervention in Neonatology

7.1. The role of the Speech Therapist in breastfeeding

7.2. The role of the Speech Therapist in orofacial dysfunctions: Skills that support oral functions; Rehabilitation maneuvers and exercises and intervention programs.

Método de Ensino (2022/2023):

a) Expositivo;

b) Colaborativo;

c) Elaboração de trabalhos;

d) Discussão em pequeno e grande grupo;

e) Aprendizagem auto-dirigida

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação contínua:

- TP (50%):

Avaliação por teste escrito sumativo (50%)

- PL (50%):

- Avaliação por participação e envolvimento ao longo das dinâmicas das aulas (15%);

- Avaliação por teste escrito sumativo (20%)

- Portfolio - realização de tarefas em aula (15%)

Avaliação em época de exame:

- Prova escrita.

Continuous evaluation:

- TP (50%):

Assessment by summative written test (50%)

- PL (50%):

- Assessment by participation and involvement throughout class dynamics (15%);

- Assessment by summative written test (20%)

- Portfolio - carrying out tasks in class (15%)

Assessment during exam time:

- Written test.

Bibliografia (2022/2023):

McWilliam, R. A. (2012). Trabalhar com as Famílias de Crianças com Necessidades Especiais. Porto: Porto Editora.

Souza, A. B. G. (2017). Anamnese e exame físico em Neonatologia. In Manual Prático e Enfermagem Neonatal.pp(47-84).

Brenneman, Susan K. (2001).Testes de desenvolvimento do bebê e da criança. 3ª ed. - Porto Alegre, p. 35-68.

Friedman, M., Woods, J., & Salisbury, C. (2012). Caregiver coaching strategies for early intervention providers: Moving toward operational definitions. Infants & Young Children, 25(1), 62-82.

Owens JR, R.E. (2018). Early language intervention for infants, toddlers and preschoolers. New York: Pearson. - ISBN 978-0-13-461890-6.

Woods, J. J., Wilcox, M. J., Friedman, M., & Murch, T. (2011). Collaborative consultation in natural environments: Strategies to enhance family-centered supports and services. Language, Speech, and Hearing Services in Schools, 42(3), 379-392.

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes):
O 1. Utilizar ferramentas de inferência estatística: intervalos de confiança e testes de hipóteses.
O 2. Realizar tarefas simples, de forma autónoma, como tabular dados, calcular medidas de frequência e dominar
alguns aspetos da recolha, análise e interpretação de dados de investigação.
O 3. Demonstrar conhecimentos e capacidade de compreensão sobre a construção e validação de Instrumentos
O 4. Mostrar capacidade de recolher, selecionar e interpretar informação relevante para a construção e validação de
instrumentos
O 5. Conhecer as necessidades e características para a tradução e adaptação transcultural de um instrumento
O6. Desenvolver a capacidade para aplicar conhecimentos adquiridos na análise e resolução de problemas
relacionados com a investigação em Terapia da Fala

Learning outcomes of the curricular unit:
LO 1. To use statistical inference tools: confidence intervals and hypothesis tests.
LO 2. To perform simple tasks autonomously, such as tabulating data, calculating frequency measures, and mastering
some aspects of collecting, analyzing, and interpreting research data.
LO 3. To demonstrate knowledge and understanding of Instrument construction and validation
LO 4. To show ability to collect, select, and interpret information relevant to the construction and validation of
instruments
LO 5. To know the needs and characteristics for the translation and cross-cultural adaptation of an instrument
LO6. Develop the ability to apply acquired knowledge in the analysis and resolution of problems related to speech
therapy research

Conteúdos programáticos:
CP 1. Conceitos estatísticos básicos
1.1 Estatística descritiva: o que usar e porquê?
1.2 Correlação
1.3 Estimação por intervalo de confiança: valor médio, variância, proporção populacional, Risco Relativo e Razão de
Odds.
1.4 Dimensionamento de amostras
1.5 Ensaio de hipóteses paramétricos e não paramétricos: procedimento envolvido em ensaios de hipóteses, análise de
erros, testes mais comuns
CP 2. Construção e validação de instrumentos
2.1 A conceção de um instrumento
2.2 Validade e seus tipos
2.3 Fiabilidade e seus tipos
2.4 Sensibilidade e especificidade
2.5 A tradução e adaptação transcultural de um instrumento
CP 3. Aplicação dos conhecimentos na análise de estudos publicados no âmbito da Terapia da Fala

Programme contents:
CP 1. Basic statistical concepts
1.1 Descriptive statistics: what to use and why?
1.2 Correlation
1.3 Confidence interval estimation: mean value, variance, population proportion, Relative Risk and Odds Ratio.
Odds Ratio.
1.4 Sample sizing
1.5 Parametric and non-parametric hypothesis testing: procedure involved in hypothesis testing, error analysis, most common tests.
analysis, most common tests
CP2: Construction and validation of instruments
2.1 Designing an instrument
2.2 Validity and its types
2.3 Reliability and its types
2.4 Sensitivity and specificity
2.5 Translation and cross-cultural adaptation of an instrument
CP 3. Applying knowledge to analyse published studies in the field of speech therapy

Método de Ensino (2023/2024):

Métodos: expositivo, interrogativo, demonstrativo, ativo
Methods: expository, interrogative, demonstrative, active

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação contínua: um teste escrito (50%) e um trabalho individual (50%)
Exame: teste escrito (100%)

Continuous assessment: one written test (50%) and one individual paper work (50%)
Exam: written test (100%)

Bibliografia (2023/2024):

Maroco, J. Análise Estatística com o SPSS Statistics. 8ª Edição, Bertrand, 2021

Research Methods in Health : investigating health and health services / Ann Bowling. - 2nd ed. - Berkshire : Open University Press, 2001.

Artigos científicos (a fornecer).

Programa (2022/2023):

CP1. Âmbito da Psicopatologia: saúde e doença mental; noções de psicopatologia básica.

CP2. Psicopatologia Geral: principais fenómenos psíquicos (afetividade, sensoperceção, memória, consciência, pensamento, linguagem, atividade motora e iniciativa).

CP3. Psicopatologia Aplicada: principais perturbações da infância, da adolescência, da adultez e da senescência que envolvem, primária ou secundariamente, alterações da linguagem.

Método de Ensino (2023/2024):

A metodologia de ensino consiste na exposição oral dos conteúdos teóricos, com recurso complementar a meios audiovisuais, e no estudo fundamentado dos conceitos teóricos aplicados através da análise de casos práticos.

Método de Avaliação (2022/2023):

Realização de uma frequência de final de semestre (com um peso de 60% na nota final) e de um trabalho de grupo (constituído por dois elementos) que consiste na elaboração e apresentação de um artigo de opinião (com um peso de 40% na nota final).

A percentagem mínima de frequência nas aulas é a estabelecida no Regulamento Pedagógico.

Bibliografia (2023/2024):

Abreu, J.L.P. (2009). Introdução à Psicopatologia Compreensiva (5ªEd.). Fundação Calouste Gulbenkian.
American Psychiatric Association (2022). Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders (5th Edition Text Revision). American Psychiatric Association.
Bishop, D. & Leonard, L. (Eds.) (2000). Speech and Language Impairments in Children: causes, characteristics, intervention, and outcome. Psychology Press.
Assumpção Jr., F.B. (2009). Fundamentos de Psicologia - Psicopatologia. Livros Técnicos e Científicos.
Maddux, J.E. & Winstead, B.A. (Eds.) (2005). Psychopathology. Foundations for a Contemporary Understanding. Taylor & Francis.
Scharfetter, C. (2005). Introdução à Psicopatologia Geral. Climepsi Editores.

Programa (2023/2024):

Os objetivos desta UC são os seguintes :
O1- Conhecer a evolução dos modelos de educação especial até à Inclusão
O2- Compreender os princípios da educação inclusiva
O3- Identificar os alunos elegíveis para os serviços especializados
O4- Compreender o papel do Terapeuta da Fala na atual organização do sistema educativo português
O5- Adquirir competências relativas a intervenção do terapeuta da fala em alunos com necessidades especiais e aos respetivos serviços de apoio educativo
O6- Aplicar os conhecimentos adquiridos em situações práticas

The main goals of this Unit are:
O1 - To know the evolution from special education to inclusion
O2 - To understand inclusive education principles
O3 - To identify students eligibility to special education
O4 - To understand Speech Therapist (SP) role in the Portuguese education system
O5 - To acquire skills in SP intervention with SEN students
O6 - To apply knowledge in real situations

Conteúdos Programáticos:

CP1. Educação Regular, Educação Especial e Inclusão

1.1. Evolução da educação especial
1.2. A mudança de paradigma no atendimento aos alunos com Necessidades Educativas Especiais
1.3. Pressupostos da educação inclusiva - o papel do terapeuta da fala

CP2. Terapia da fala nos contextos educativos
2.1 Identificação e categorização: modelos clínicos e educacionais.
2.2. Intervenção nas Necessidades de Saúde Especiais/Perturbações do Neurodesenvolvimento.

Syllabus:

CP1. Regular education, special education and inclusion
1.1 Special education evolution
1.2 Paradigm shift in the services to students with special educational needs
1.3 Assumptions in inclusive education – speech therapist role

CP2. Speech Therapy in the school setting
2.1. Identification and categorization: clinical and educational models
2.2. Intervention in health special needs and neurodevelopmental disorders

Método de Ensino (2023/2024):

A metodologia utilizada nas aulas teórico-práticas (de caráter mais expositivo e participativo com estudos de casos, apresentação, análise e discussão de temáticas nas aulas, bem como orientação em reflexões críticas e na pesquisa e leitura de bibliografia específica), permite obter junto dos alunos um aprofundamento de conhecimentos, bem como uma maior compreensão e capacidade de discussão sobre os conteúdos abordados, facilitando o relacionamento da pertinência dos mesmos para a atuação do terapeuta da fala, promovendo a integração de conceitos, capacidade de pesquisa, análise e reflexão crítica
Deste modo, considera-se que as metodologias de ensino adotadas para esta unidade curricular são coerentes com os objetivos definidos para a mesma, uma vez que permitem um aprofundamento de conhecimentos, fomentam o relacionamento de conceitos, a capacidade de análise, discussão e reflexão, com estabelecimento de ligação dos conteúdos abordados e da sua pertinência à prática profissional do Terapeuta da Fala em contexto de escola inclusiva

Os conteúdos programáticos (CP) foram delineados em função dos objetivos de aprendizagem (O) da UC, no sentido de promover o desenvolvimento de competências que permitam aos alunos aprofundar conhecimentos, analisar e refletir de modo crítico sobre a intervenção do Terapeuta da Fala em contexto educativo. Pretendem ainda contribuir para a construção de um raciocínio mais adequado no âmbito desta temática, como facilitador na análise de aprendizagens típicas e atípicas, inerente ao exercício profissional em Terapia da Fala. Assim: CP1 corresponde ao O1, O2 e O4; CP2 corresponde ao O3, O5 e O6.

The methodology used in classes (more expository and participatory approach with studies case, presentation, analysis and discussion of the themes in lectures, as well as orientation/guidance for their critical reflections regarding research as well as literature reading research), allows students to obtain deepen knowledge as well as a better understanding and ability to discuss the content covered, promoting concept integration, ability to research, analysis and critical thinking, facilitating the work for speech therapist.
The teaching methodology assumes a more participatory nature (with the development of dynamic practices and case studies, guidance on critical reflection and analysis of specific situations), intending to provide the ability to apply knowledge in dynamic practices during lectures, promoting the development of skills related to the construction of an adequate and reflective reasoning, connecting to professional practice in inclusive settings.
Thus , it is considered that teaching methodologies adopted for this course are consistent with the goals set for it, since they allow increase knowledge of the content covered in lectures, where students have the ability to analyze , discuss and reflect what is relevant for a future practice of a Speech Therapist in school inclusive settings.

The syllabus (CP) were delineated by learning objectives (O) of the unit , for students being able to develop skills that enable them to increase knowledge as well as analyze and reflect critically on the Speech therapist intervention on the school settings. It is also intending to contribute for building up a more adequate knowledge regarding this theme, as a facilitator in the analysis of the typical and atypical learning, inherent in professional practice in Speech Therapy. In this way:
CP1 corresponds to O1, O2 and O4; CP2 corresponds to O3, O5 and O6.

Método de Avaliação (2023/2024):

AVALIAÇÃO CONTÍNUA:

Participação pró-ativa nas atividades de ensino coletivo e tarefas propostas em sala de aula,
cumprimento da assiduidade de acordo com a Normativa Académica da ESS.
Realização de: 1 teste escrito (60%) , 1 trabalho escrito (paper) + apresentação oral (40%)
com um mínimo de 10 valores na avaliação final da disciplina.
(Nota: a não realização de um destes tipos de avaliação implica avaliação negativa na
disciplina)

1 written test (60%); 1 paper + oral presentation (40%) with a minimum of 10 values in the final classification.
Attendance according to UFP rules, proactive participation in the classes and tasks proposed.

Bibliografia (2023/2024):

  • American Speech-Language-Hearing Association (2000). Guidelines for the roles and responsabilities of school-based speech-language pathologist. Rockville. MD: Author.
  • APA (2014). DSM 5: Manual de Diagnóstico e Estatística das Perturbações Mentais. Lisboa: CLIMEPSI
  • Correia, L. (2013). Inclusão e necessidades educativas especiais: Um guia para educadores e professores. Porto Editora
  • Correia, L. (2018). Educação Inclusiva e Necessidades Especiais 1. Flora Editora
  • Direcção-Geral de Inovação e de Desenvolvimento Curricular (2007). Práticas em contexto educativo: Terapeutas da Fala/Docentes de Educação Especial. Ministério da Educação [disponível em http://www.dgidc.min-edu.pt/especial/]
  • DGE (2018). Educação Especial: Manual de Apoio à Prática. MEC: DGIDC. Disponível em http://www.dgidc.min-edu.pt
  • Giess, S. & Serianni, R. (2018). Interprofessional Practice in Schools. Perspectives of the ASHA Special Interest Groups, SIG 16, Vol. 3(Part 3). DOI: 10.1044/persp3.SIG16.88

  • Giroto. C. (2014). Atuação fonoaudiológica na Educação Inclusiva. In Tratado das especialidades em fonoaudiologia. São Paulo.
  • Kauffman, L. & Lopes, J. (2007). Pode a Educação Especial deixar de ser especial?. Braga: Psiquilibrios.
  • Silva, M. (2009). Da exclusão à Inclusão: Concepções e práticas. Rev Lusófona Educação, 23,135-153
  • Tilstone, C.; Florian, L. & Rose, R. (2003). Promover a Educação Inclusiva. Lisboa: Instituto Piaget.
  • Viginia Department of Education (2011). Speech-language pathology services in schools: guidelines for best practice. Virginia, Disponível em http://www.doe.virginia.gov/ special_ed/disabilities/speech_language_impairment/speech_lang_pathology_services.pdf
  • UNESCO (2017). A guide for ensuring inclusion and equity in education (open access). www.unesco.org
  • Legislação (Diário da República)

Programa (2023/2024):

Objetivos de aprendizagem (conhecimentos, aptidões e competências a desenvolver pelos estudantes):
O1. Compreender o enquadramento e aspetos legais da teleprática;
O2. Conhecer, discutir e saber aplicar as recomendações nacionais e internacionais relativas à teleprática em Terapia
da Fala;
O3. Adaptar a actuação terapêutica convencional para a prática à distância, de acordo com cada área de actuação
O4. Compreender a aplicabilidade da teleprática à supervisão clínica.

Learning outcomes of the curricular unit:
LO1. To understand the framework and legal aspects of telepractice
LO2. To know, discuss and know how to apply national and international recommendations regarding telepractice in
Speech Therapy;
LO3. To adapt conventional therapeutic approach to telepractice, according to each area of action
LO4. To understand the applicability of telepractice to clinical supervision;

Conteúdos programáticos:
CP 1. O enquadramento legal e ético
1.1. Considerações éticas, o consentimento informado e a privacidade
1.2. Regulamento Geral de proteção de dados (RGPD)
1.3. Registo na Entidade Reguladora da Saúde (ERS)
CP 2. Recomendações e orientações gerais
2.1. As recomendações nacionais (APTF, SPTF)
2.2. As recomendações internacionais (ASHA, CPLOL)
2.3. Os mapas de evidência da ASHA para a teleprática
2.4. O papel da teleprática na supervisão clínica
CP 3. A teleprática como abordagem terapêutica nas áreas de actuação do terapeuta da fala
3.1. Audição
3.2. Deglutição
3.3. Fala
3.4. Fluência
3.5. Linguagem na criança e no adulto
3.6. Motricidade oral
3.7. Voz

Syllabus:
CP 1 The Legal and Ethical Framework
1.1 Ethical considerations, informed consent and privacy
1.2 General data protection regulation (RGPD)
1.3 Registration with the Entidade Reguladora da Saúde (ERS)
CP 2 Recommendations and general guidelines
2.1 National recommendations (APTF, SPTF)
2.2 International recommendations (ASHA, CPLOL)
2.3 ASHA evidence maps for telepractice
2.4 The role of telepractice in clinical supervision
CP 3. Telepractice as a therapeutic approach in the areas of practice of the speech therapist
3.1. Hearing
3.2 Swallowing
3.3 Speech
3.4 Fluency
3.5 Child and adult language
3.6 Oral motor
3.7 Voice

Método de Ensino (2023/2024):

a) Expositivo: Apresentação dos conteúdos programáticos com recurso a projeções, explicações no quadro,
exemplificações, casos clínicos em vídeo
b) Interrogativo: Debate em pequeno e grande grupo, questionamento;
c) Demonstrativo: através de apresentação de casos clínicos em vídeo e role pay
d) Colaborativo: Elaboração de pequenos exercícios a ser resolvidos em sala de aula, esclarecimento de dúvidas;
e) Aprendizagem auto-dirigida: Resumo e discussão de artigos científicos

a) Expository: Presentation of the syllabus using projections, explanations on the board, examples, clinical cases on
video
b) Interrogative: Discussion in small and large group, questioning
c) Demonstrative: through presentation of clinical cases on video and role pay
d) Collaborative: Development of small exercises to be solved in class, clarification of doubts;
e) Self-directed learning: Summary and discussion of scientific articles.

Método de Avaliação (2023/2024):

Avaliação contínua:
Teóricas-práticas: 1 Teste escrito + 1 trabalho individual (50%+50%)
Exame: teste escrito (100%)

Continuous assessment: Theoretical-practical: 1 Written test + 1 individual assignment (50%+50%)
Examination: Written test (100%)

Bibliografia (2023/2024):

Teleprática em terapia da fala : linhas orientadoras para terapeutas da fala / SPTF - Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala. - Lisboa : Papa-Letras, 2020.
Compendium de terapia da fala : avaliar e intervir com evidência / Sociedade Portuguesa de Terapia da Fala (SPTF) ; ed. Dina Alves... [et al.]. - Lisboa : SPTF, 2023.

UNIDADES CURRICULARES ECTS

Programa (2023/2024):

Capacidade de elaborar um encaminhamento de um projeto de estudo:

  1. Identificação correta das contingências de investigação, gestão das mesmas e definição clara do central vs secundário;
  2. Planeamento das ações a levar a cabo bem como do local e forma de recolha de informações.
  3. Condução de estudo científico e redação em formato de publicação científica.

A UC visa promover a capacidade de recolher, selecionar e interpretar informação relevante, particularmente na sua área de estudo, que os habilite a fundamentarem as soluções que preconizem e os juízos que emitem, incluindo na análise os aspetos sociais científicos e éticos relevantes.

Ability to draw up a study project plan:

Correctly identifying the research contingencies, managing them and clearly defining central vs. secondary;
Planning the actions to be carried out, as well as the location and method of collecting information.
Conducting a scientific study and writing a scientific publication.
The UC aims to promote the ability to collect, select and interpret relevant information, particularly in their area of study, enabling them to substantiate the solutions they advocate and the judgments they make, including relevant social scientific and ethical aspects in the analysis.

Conteúdos programáticos:

1. Metodologia científica: porquê a necessidade de um método?

2. O projeto de pesquisa

2.1. Fundamentação da escolha do tema: seleção e delimitação

2.2.Recolha de informação - enquadramento teórico

2.3. Formulação de questões e elaboração de um plano de procedimentos

2.4.. Recolha de dados

3. Redação do Projeto de graduação em formato de artigo científico

4. Apresentação e defesa oral do Projeto de graduação

Syllabus:

1. Scientific methodology: why do we need a method?

2. The research project

2.1 Justification for the choice of topic: selection and delimitation

2.2 Gathering information - theoretical framework

2.3 Formulating questions and drawing up a procedural plan

2.4.. Data collection

3. Writing the graduation project in scientific article format

4. Presentation and oral defense of the graduation project

Método de Ensino (2022/2023):

Aulas Orientações tutoriais com promoção de elevado graus de interacção com os discentes de modo a promover discussão dos temas abordados, nomeadamente por referência ás situações específicas de investigação do discente.

Método de Avaliação (2023/2024):

A avaliação constitui-se pela elaboração e defesa oral do projeto de graduação (100%).

A avaliação relevará da capacidade do discente em aplicar os conhecimentos e a capacidade de compreensão adquiridas, que deve evidenciar uma abordagem profissional ao trabalho desenvolvido na sua área vocacional.

The assessment consists of the preparation and oral defense of the graduation project (100%).

The assessment will focus on the student's ability to apply the knowledge and understanding acquired, which must demonstrate a professional approach to the work carried out in their vocational area.

Bibliografia (2022/2023):

  1. Eco, U (1984) - Como se faz uma tese em ciências humanas. Lisboa: Editorial Presença.
  2. Cervo, A L, Bervian, P, (1983), Metodologia científica : para uso dos estudantes universitários : McGraw-Hill
  3. Fortin, Marie-Fabienne (2000) - O processo de investigação: da concepção à realização. Loures: Lusociência.
  4. Hoddy, E T. (2019), Critical Realism in Empirical Research: Employing Techniques from Grounded Theory Methodology, In International Journal of Social Research Methodology, v22 n1 p111-124
  5. Marchioro, P. (2017) Metodologia das ciências sociais ontem e hoje: revisões e apontamentos para novas práticas. In: Revista Latinoamericana de Metodología de la Investigación Social: ReLMIS, Nº. 13.
  6. Mohajan, H K. (2018), Qualitative research methodology in social sciences and related subjects.Journal of Economic Development, Environment & People., Vol. 7 Issue 1, p23-48.